em

Remédios para emagrecer disponíveis no Brasil

Não coloque sua saúde em risco e saiba quais são os remédios regulamentados pela Anvisa no país

remedios para emagrecer
Crédito: Pixabay

O Ministério da Saúde afirma que 54% da população das capitais brasileiras está acima do peso e 18,9% é considerada obesa. Dito isso, existem muitos tratamentos para a perda de peso. Entre os diversos tratamentos, os remédios para emagrecer são as opções que podem ser utilizadas no caso de pacientes já obesos. Acompanhe e saiba mais sobre o assunto.

Remédios para emagrecer aprovados pela Anvisa

No Brasil existem alguns remédios para emagrecer que são aprovados pela Anvisa, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Eles são os únicos remédios que podem ser legalmente consumidos para o tratamento da obesidade. Conheça os quatro remédios e seus efeitos colaterais.

remedios para emagrecer brasil
Crédito: Pixabay

Sibutramina

A sibutramina gera a sensação de saciedade no paciente. A substância tem efeito direto no sistema nervoso central para agir nos neurotransmissores de noradrenalina e serotonina, o que acaba por ajudar a controlar a fome.

Em relação aos efeitos colaterais, o paciente pode apresentar ansiedade, insônia, boca seca, dores de cabeça, aumento da pressão arterial e frequência cardíaca mais comumente.

Liraglutida

O liraglutida é um remédio injetável que atua no sistema nervoso central e também no aparelho digestivo. Ele tem efeitos múltiplos, faz a redução da motilidade do estômago, o que ocasiona a digestão lenta e aumenta a secreção de insulina, o que aumenta a sensação de saciedade do paciente.

Os efeitos colaterais para os remédios para emagrecer são similares. Apesar disso, alguns sintomas são mais ressaltados para cada caso. Em relação ao liraglutida, o efeito colateral mais notório é a constante náusea.

Orlistat

Orlistat ou Xenical, como é mais conhecido, age no sistema digestivo diretamente. Ele tem a função de reduzir a absorção de gordura pelo intestino, evitando assim o ganho de peso. Esse medicamento impede o armazenamento da gordura consumida em excesso e elimina-o junto com as fezes.

Os efeitos colaterais mais comuns com o uso deste medicamento são gases e diarreia. Por conta da forma com que age no organismo, o uso deste medicamento é aliado com uma dieta rígida prescrita pelo médico para potencializar os efeitos. Outro efeito colateral é o aumento dos riscos de desenvolvimento de pedras na vesícula.

Remédios para emagrecer podem causar vício?

Os remédios para emagrecer não causam vício, ao contrário do que a maioria pensa. Normalmente, o paciente que faz o uso destes tipos de medicamentos tem de ingerir por períodos de tempo muito grandes, por isso, quando deixa de tomar, pode sofrer com a volta do ganho de peso.

Cuidados a ter

Primeiramente, é importante saber que o uso de qualquer medicamento pode provocar efeitos colaterais. Mais importante ainda é lembrar que qualquer medicamento deve ser consumido com o acompanhamento de um médico e somente sob recomendação dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

crioablacao

Crioablação: saiba mais sobre a técnica que congela o tumor de mama

evitar escaras

Como evitar escaras: 15 dicas para evitar e cuidar do problema