em

Pesadelos constantes? Saiba o que fazer

Ninguém gosta de ter pesadelos e nem sempre eles fazem sentido, mas às vezes ocorrem por um motivo específico

pesadelos constantes
Crédito: Pixabay

Pesadelo é o nome que se dá para um sonho muito ruim. Ele pode ocorrer em todas as fases da vida e costuma ser mais comum nas crianças quando se impressionam com algo que viram ou sentiram no dia a dia. Mas mesmo os adultos mais seguros e corajosos podem ter pesadelos, inclusive, pesadelos constantes. Qual será o significado de passar dias seguidos tendo sonhos ruins e assustadores? Veja agora.

Veja também: dicas para dormir melhor

Causas dos pesadelos constantes

causas dos pesadelos constantes
Crédito: Pixabay

Alguns sonhos ruins parecem ser tão reais que fazem a pessoa acordar subitamente com uma sensação de medo e o coração acelerado, impedindo que consiga pegar no sono de novo. Quando isso acontece de forma muito esporádica é possível lidar com tranquilidade, pois na noite seguinte já se esquece do ocorrido. Mas quando os pesadelos são constantes podem acabar piorando a qualidade de vida, pois a falta de um sono tranquilo e saudável é prejudicial à saúde física e mental. Veja o que pode desencadear uma série deles:

Estresse frequente

Pessoas que estão vivendo um período de estresse diário podem sofrer com esse mal. Isso ocorre por causa da alta carga negativa que ficam sentido durante o dia e que acaba refletindo nos sonhos que o subconsciente vai criar.

Ansiedade

Tanto as pessoas diagnosticadas com ansiedade, quanto as que estão vivendo um momento pontual de ansiedade por causa de uma situação específica podem ter devido ao desequilíbrio emocional que a ansiedade provoca na mente.

Privação do sono

Quem sofre com distúrbios do sono, como apneia, insônia e síndrome das pernas iniquetas, sabe como é difícil ter dificuldade para começar a dormir e se manter dormindo. A privação do sono afeta todos os aspectos da vida, já que faz a pessoa passar o dia cansada, irritada e indisposta. Logo, com o corpo e a mente cansados e desequilibrados, os pesadelos podem aparecer.

Eventos traumáticos

Assim como as crianças costumam ter pesadelo quando assistem a um filme de terror, por exemplo, os adultos também podem ter os pesadelos em situações semelhantes, porém reais. A vivência de um acidente grave, a perda de um ente querido, um assalto ou outro evento violento fazem a situação se repetir na mente, refletindo em pesadelos constantes. Nesses casos o problema está relacionado ao Transtorno de Estresse Pós-Traumático.

Abuso de substâncias químicas

O consumo diário ou abusivo de substâncias químicas pode estar ligado, porque modificam o funcionamento normal do cérebro. Podem ser remédios tarja preta, álcool, excesso de cigarro e de substâncias psicoativas.

Distúrbios da mente

Se nenhuma das situações acima mencionadas estiverem acontecendo e, mesmo assim, ocorrerem esses pesadelos, deve-se considerar a possibilidade de algum distúrbio da mente em fase de desenvolvimento. Muitas vezes, o único sintoma é o sonho ruim, mas que se não for averiguado por um médico, poderá evoluir, dificultando o tratamento.

Como evitar os pesadelos constantes

Com base nas possíveis causas que você acabou de ler, o caminho mais óbvio para evitá-los é agir sobre essas causas. Sendo assim, deve-se procurar uma solução para reduzir a carga diária de estresse, tratar a ansiedade com um especialista, interromper o uso abusivo de álcool e assim por diante.

Em todos os casos, a ajuda de um psicólogo ou psiquiatra é muito útil, pois esses profissionais sabem exatamente como intervir em cada caso, ajudando a trazer de volta o equilíbrio para a vida da pessoa.

Também pode ajudar fazer algumas mudanças de hábitos, como ter uma alimentação mais leve e saudável, evitar comer ou tomar bebidas estimulantes perto da hora de dormir, criar uma rotina para que o corpo se acostume a dormir sempre no mesmo horário e praticar atividade física para liberar a carga de estresse e estimular a uma boa noite de sono.

aedes com bactérias

Começam testes com Aedes que impede transmissão de vírus

como fazer tomate seco

Como fazer tomate seco em casa