em

Para que serve e como tomar óleo de chia

Conheça as propriedades da semente e como pode incluir o óleo na alimentação.
óleo de chia
Crédito: Freepik

Você já deve ter ouvido falar sobre a chia nos últimos tempos, especialmente se acompanha assuntos relacionados a dieta e vida saudável. O nome científico dessa semente é Salvia Hispanica. Ela é uma planta herbácea, da família das lamiáceas, e é originária de regiões do México, da Guatemala e da Colômbia. Uma das formas de consumo dessa semente é o óleo de chia.

Esse óleo está cada vez mais popular por causa dos seus benefícios à saúde. Agora você vai ficar sabendo mais sobre as propriedades da semente, quais são os benefícios do óleo, como utilizar, se dá para fazer em casa e outras informações importantes que deve ter antes de começar a usar.

Benefícios do óleo de chia

óleo de chia benefícios à saúde
Crédito: Freepik

O nome chia, como popularmente é conhecida essa pequena sementinha, deriva da palavra “chian”, do idioma nahuatl, que significa “oleoso”. Isso porque a chia é uma semente rica em lipídios, que são gorduras. Nesse caso, gorduras saudáveis, do tipo poli-insaturadas, que são primordiais para a manutenção da saúde humana.

Por ser rica em lipídios é que se torna possível extrair o óleo de chia. Tanto a semente inteira, quanto o óleo já são considerados superalimentos, pois fornecem benefícios essenciais à boa saúde.

Esses benefícios derivam da grande concentração de fibras, cálcio, potássio, magnésio, proteínas e, claro, os lipídios em forma de ácidos graxos ômega-3 que fazem parte da composição da semente. Veja quais são os benefícios.

1. Fonte de ômega-3

Como você viu, a chia possui uma alta concentração de ômega-3, que é um tipo de ácido graxo que o corpo humano necessita, mas não produz sozinho. É preciso consumir. Esse ácido contribui com a cura de processos inflamatórios no corpo, internos e externos.

Também reduz o risco de desenvolver doenças cardiovasculares, alivia os sintomas das doenças reumáticas, como as artrites, e pode inclusive proteger contra alguns tipos de câncer, por conta a proteção que oferece às células.

2. Atua sobre a prevenção de doenças do coração

Também por causa da alta concentração de ômega-3, o óleo de chia ajuda a manter o coração mais saudável. Claro, quando você leva um estilo de vida saudável, cuidando com o que come e praticando atividade física regularmente.

A forma de atuação do ômega-3 é prevenindo que iniciem-se processos inflamatórios nas paredes das artérias, muitas vezes causados pelo excesso de colesterol ruim, que é o tipo LDL. Esse tipo de colesterol fica preso nas paredes das artérias, dificultando a passagem do sangue. Já o tipo de colesterol bom, o HDL, tem a função de limpar esse excesso de LDL, melhorando a passagem do sangue.

Sendo assim, o óleo de chia fornece mais HDL para limpar o LDL. Ou seja, ao mesmo tempo em que melhora a pressão sanguínea, equilibra os níveis de colesterol, reduz a chance de processos inflamatórios e previne as doenças cardíacas resultantes das inflamações e do colesterol alto.

3. Contribui com a redução das dores articulares

Que sofre com artrite sabe o quanto é difícil conviver com esse problema. Ele afeta as articulações do corpo, causando dor, inchaço e dificuldade de movimentar. Mais uma vez, o ômega-3 vai ajudar a aliviar os sintomas com o seu efeito anti-inflamatório. Logo, aliviando a inflamação, também vai reduzir a dor, o inchaço e a melhorar a locomoção.

Nesse caso específico, o óleo de chia deve ser usado com recomendação médica para que o paciente use na quantidade adequada. Assim também o médico pode acompanhar os efeitos e saber se está tendo resultado.

4. Pode atuar no tratamento do câncer

Esse é um benefício que ainda está sendo estudado, por isso não se deve considerar que o óleo faz curar um câncer. Mas é interessante saber que há estudos mostrando a eficácia do óleo de chia na redução do peso de tumores e na quantidade de células doentes.

5. Melhora a saúde e a aparência da pele

Todo mundo se preocupa em ter uma pele bonita, principalmente quem sofre com acne, celulites e quem já está começando a ter rugas. Mas a beleza da pele depende da saúde das células que formam o maior órgão do corpo humano.

Nesse sentido, o efeito anti-inflamatório do óleo de chia é um benefício que atua junto com outros cuidados necessários. Esse efeito vai ajudar as células a se regenerarem de processos inflamatórios e da oxidação causada pelo excesso de radicais livres. Quando isso acontece, elas voltam a se rejuvenescer e a reduzir celulites, rugas e acne.

6. Contribui para o crescimento dos cabelos

Se faz bem para a pele, o óleo de chia também faz bem para os cabelos. Nesse caso, ele pode ser aplicado diretamente no couro cabeludo limpo, fazendo uma massagem. É importante que também se usem os produtos certos para cada tipo de cabelo, ajudando o óleo a fazer efeito.

Sua função é de fornecer zinco, um mineral importante para o crescimento dos cabelos, além de tratar problemas do couro cabeludo que possam estar obstruindo a oxigenação dos poros e impedindo o crescimento de novos fios, além de enfraquecer os que já existem.

Óleo de chia emagrece?

óleo de chia emagrece mesmo
Crédito: Freepik

Outro importante benefício do óleo de chia, cada vez mais estudado, é a sua colaboração com as dietas de emagrecimento. Quando falado anteriormente sobre o poder da chia na redução do colesterol e do risco de processos inflamatórios, esses são fatores cruciais para uma pessoa conseguir emagrecer.

Isso porque é como se os sistemas do organismo ficassem muito mais lentos e preguiçosos quando as células estão inflamadas e quando o sangue não consegue correr normalmente pelas artérias. O resultado é que começam a ocorrer disfunções hormonais.

Essas disfunções acabam aumentando o apetite, pois desregulam os hormônios da fome, e dificultam a queima de gordura.

Então esse é o motivo de o óleo de chia ajudar a emagrecer. Porém ainda é um óleo e por isso contém bastantes calorias. São mais de 100 em apenas 1 colher de sopa. Mas deve-se levar em consideração que calorias nem sempre são ruins. O que precisa compreender é que deve usar na quantidade adequada, pensando nos demais benefícios.

Sendo assim, além de usar o óleo de chia, também é necessário manter uma alimentação balanceada, de preferência prescrita por um nutricionista, e começar a praticar atividades físicas. É esse conjunto de hábitos e atitudes que vão promover a perda saudável de peso.

Como tomar?

Basicamente o óleo de chia pode ser consumido em forma de cápsulas ou in natura, como um óleo de cozinha para fazer parte do preparo dos alimentos. Veja de que formas pode utilizá-lo e as quantidades recomendadas.

1. Em cápsulas

Se optar por tomar cápsulas de óleo de chia, o ideal é que fale com seu médico antes para ter certeza de que pode usar e qual a quantidade ideal. Isso porque cada organismo tem necessidades diferentes e a dose muda se tiver algum tipo de doença.

Mas de modo geral, toma-se 500 microgramas antes do café da manhã e 500 microgramas antes do almoço.

2. In natura

Para usar o óleo fora das cápsulas, a dica é que use apenas o equivalente a 2 colheres de sopa ao dia, substituindo outros óleos vegetais no preparo do alimentos. Mesmo assim, não deve usá-lo para frituras, pois quando submetido a altas temperaturas ele pode oxidar e acabar provocando efeitos contrários. Então é ideal para colocar nas saladas ou finalizar receitas.

Uma das vantagens é que o óleo possui um sabor neutro, diferente do óleo de oliva, por exemplo. Por isso dá para usar em receitas doces também. Pode usar para fazer bolos, sopas, junto com shakes, iogurtes e outros alimentos.

Além do uso nos alimentos, conforme já mencionado, o óleo pode ser aplicado nos cabelos, poucas gotas, e pode ser passado nos lábios para melhorar o ressecamento. Para os cabelos, uma opção é misturá-lo ao creme hidratante. Para os lábios, apenas uma gotinhas poucas vezes ao dia, são o suficiente.

Tem como fazer em casa?

O óleo de chia necessita ser extraído por uma prensa específica. Por isso não é um processo para fazer em casa. Existem máquinas caseiras para extração do óleo de sementes, mas não é feito a frio, e quando envolve calor, a semente pode perder propriedades que são as que você necessita para que o uso do óleo seja eficaz.

Você deve comprar o óleo pronto, garantindo que tenha boa procedência e que tenha sido prensado a frio. Esse detalhe é essencial para que o óleo não perca suas propriedades.

O que se pode fazer em casa é deixar as sementes de chia hidratando em água para que formem um gel. Então esse gel você também pode usar nas receitas e nos tratamento da pele e dos cabelos. Também pode triturar e pulverizar as sementes para utilizá-las como farinha.

Contraindicações e efeitos secundários

Não existem muitas contraindicações para o uso do óleo de chia. Mas pessoas com problemas intestinais devem testar pequenas doses antes de incluir o óleo na rotina alimentar.

Fora isso, deve-se tomar cuidado com a quantidade consumida por dia. Mesmo sendo um alimento tão benéfico, tudo que é demais, faz mal. Então, tome entre 2 a 4 colheres de sopa ao longo do dia, no preparo das refeições. Se sentir algum tipo de efeito estranho, suspenda o uso e observe se melhora.

O excesso de óleo pode tanto atrapalhar o emagrecimento, por causa das calorias, quanto causar irritação intestinal. Mas consumindo da forma correta, não há problemas.

Benefícios do óleo de cártamo e chia juntos

O óleo de cártamo é extraído de uma planta chamada açafrão-bastardo. Ele possui propriedades muito semelhantes ao óleo de chia. Então existem no mercado opções de cápsulas que reúnem o óleo do cártamo e da chia na intenção de intensificar seus efeitos.

Você encontra essas cápsulas em farmácias e lojas de produtos naturais, mas o ideal é que consulte o médico para que utilize na dose correta para cada objetivo, seja para emagrecer, tratar da pele ou manter-se mais saudável de modo geral.

Redigido por Priscilla Riscarolli

Graduada em Comunicação Social, decidiu trocar as campanhas publicitárias pela produção de conteúdo para inspirar as pessoas a enriquecerem suas vidas com mais informação, bem-estar e criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários
matizador
O que é e como usar matizador no cabelo?
decoração de varanda
21 Ideias lindas para decoração de varanda