cuidados cabelo pintado antes e depois
Crédito: Freepik
em

Cuidados antes, durante e depois de pintar o cabelo

Não adianta só pintar o cabelo sem fazer tratamentos de manutenção, ou ele vai ficar ressecado, opaco e quebradiço

Publicidade

Pintar o cabelo é uma ótima maneira de mudar o visual, se olhar no espelho e ver ainda mais beleza. Mas, para que o cabelo colorido fique bonito e continue saudável, não basta só aplicar a tinta e sair por aí. Se você está pensando em começar a pintar os cabelos, ou se já pinta, saiba quais são os cuidados que deve ter antes, durante e depois de pintar o cabelo.

Cuidados antes de pintar

Esses cuidados são para quem ainda não pinta o cabelo e está pensando em pintar, seja com tintura ou com tonalizante. Apesar de o tonalizante ser menos agressivo do que a tintura, e não ser permanente, não deixa de ser um químico que danifica os fios. Então, o cabelo deve estar saudável logo na primeira vez que for receber a química para não sofrer tanto com os danos.

Publicidade

Faça um cronograma capilar

O cronograma capilar consiste em uma rotina de cuidados com o cabelo quimicamente tratado. Essa rotina pode ser semanal, quinzenal ou mensal, dependendo de como está o cabelo, dos tipos e quantidades de química que ele recebe (inclusive alisamentos e outros procedimentos químicos além da tintura).

De modo geral, o cronograma conta com procedimentos de hidratação, nutrição e reconstrução dos fios, em dias alternados. A hidratação é o tratamento básico para fazer toda semana ou a cada 15 dias.

Publicidade

Já a nutrição e a reconstrução vão depender da necessidade do cabelo. Esses procedimentos são essenciais para devolver aos fios as proteínas, lipídios, o colágeno, a queratina e outros nutrientes que se perdem com o uso de química.

Se você vai pintar o cabelo no salão, a melhor pessoa para ajudar a montar o seu cronograma é o cabeleireiro. Você pode ir ao salão antes de pintar para que o seu cabelo seja avaliado e o profissional recomende o tratamento preparatório.

Não faça outro procedimento químico

Se você estiver planejando pintar o cabelo, mesmo que seja com tonalizante, não faça qualquer outro tipo de química no cabelo, como alisamento ou botox. Se misturar diferentes tipos de química, poderá ter um corte químico que vai deixar o seu cabelo destruído.

Publicidade

Se você já tem alguma química no cabelo, passe um ou dois meses apenas fazendo o seu cronograma capilar para fortalecer o cabelo e prepará-lo para a nova cor, com o menor risco possível de corte químico.

Cuidados durante o procedimento de mudança de cor

Se você for pintar o cabelo no salão, o cabeleireiro vai saber quais cuidados precisa tomar. Se você for fazer em casa, precisa prestar atenção em alguns detalhes para garantir um bom resultado.

Vai precisar descolorir? Cuidado!

Se você quiser pintar o seu cabelo de uma cor muito mais clara do que a atual, saiba que poderá ser necessário descolorir o cabelo antes. Esse procedimento é agressivo porque enfraquece bastante os fios. Só faça se o seu cabelo estiver bem forte para suportar.

Publicidade

Veja também: Como descolorir o cabelo em casa

Faça um teste de alergia

Depois de escolher a cor que vai querer, faça um teste de alergia antes de aplicar o produto no cabelo todo. Algumas pessoas não sabem, mas são alérgicas a certos componentes da tintura ou do tonalizante, e isso pode resultar em hospitalização e até morte.

Esse teste pode ser feito aplicando um pouquinho da tintura já preparada nas costas da mão. Aguarde pelo menos 15 minutos para ver se terá alguma reação alérgica, como vermelhidão, coceira ou queimação. Só depois, se não tiver acontecido nada, aplique o produto no cabelo.

Publicidade

Faça um teste de mecha

Para ter certeza de que vai gostar da cor e de que não vai acontecer um corte químico, aplique a tintura preparada em apenas uma mecha do cabelo. Espere o tempo de ação, enxágue e seque para ver o resultado real. Só depois aplique no cabelo todo.

Proteja a pele para não manchar

É comum acabar manchando a testa e as orelhas enquanto está pintando o cabelo. Para evitar que as manchas fiquem muito fortes, passe algum creme, óleo ou vaselina nessa região da testa, têmporas e nas orelhas antes de aplicar a tinta. Use uma camisa velha e luvas também.

Veja também: Como pintar o cabelo em casa passo a passo

Publicidade

Cuidados depois de pintar o cabelo

Depois que o seu cabelo já estiver pintado, os cuidados devem ser constantes. Incluem o tipo e a frequência de lavagem, e outros cuidados para manter a cor, o brilho e a saúde dos fios.

Use produtos para cabelos quimicamente tratados

Mesmo fazendo o cronograma capilar, escolha usar um kit de shampoo, condicionador, creme para pentear e creme para hidratação que sejam próprios para cabelos quimicamente tratados. Esses produtos atuam protegendo a tintura que você usou, mantendo ao máximo a beleza da cor.

Faça rodízio de shampoo

Além do kit de produtos para cabelos quimicamente tratados, é legal fazer um rodízio de shampoo e condicionador para satisfazer outras necessidades do seu cabelo. Em uma lavagem você usa shampoo e condicionador para cabelos coloridos, na outra lavagem usa produtos para cabelos ressecados e, na outra, para cabelos cacheados (ou lisos), por exemplo.

Publicidade

Evite o excesso de tintura

Se você estiver cuidando bem do seu cabelo pintado, mantendo a cor bem viva, só que a raiz já está crescendo, evite retocar o cabelo todo. Faça um retoque apenas na raiz, se achar mesmo necessário.

Quanto mais tinta você usa, mais fraco o cabelo fica, mesmo fazendo o cronograma capilar. Então, evite o excesso. Inclusive, se você usa bastante o cabelo preso para cima, de modo que disfarça a raiz, use esse penteado por mais tempo antes de pintar de novo.

Lave quando necessário

Claro que a dica não é para ficar com o cabelo sujo. Mas, quanto mais você lava, mais rápido a tinta sai. Então, não precisa lavar o cabelo todos os dias. Se o seu cabelo não fica oleoso com facilidade, lave só duas ou três vezes por semana.

Publicidade

Use protetor térmico

A luz do sol desbota os fios coloridos. O calor do sol, do secador, da chapinha e do babyliss danificam os fios. Então, antes de expor seu cabelo a essas fontes de calor, use um protetor térmico.

Corte quando necessário

Mesmo tomando todos os cuidados para manter os cabelos saudáveis, é inevitável que as pontas duplas apareçam, ressecadas e opacas. Então, de tempos em tempos, corte as pontinhas dos fios para que o cabelo fique mais forte e bonito.

Mantenha o cronograma capilar

O cronograma capilar não é um tratamento com data para terminar. Ele deve ser a base da sua rotina de cuidados com o cabelo, sempre. O que vai mudar é a frequência de cada tipo de tratamento (hidratação, nutrição e reconstrução), de acordo com o estado atual do cabelo.

Publicidade

Se o seu cronograma estiver sendo feito direitinho, vai chegar um momento em que você poderá manter a hidratação quinzenal, a nutrição mensal e a reconstrução só quando necessário ou depois de reaplicar uma tintura ou tonalizante.

Veja também: receitas de máscaras de hidratação caseiras

com fazer Banho de brilho natural

Banho de brilho no cabelo: 3 receitas naturais + 1 com tonalizante

Famosos que são compadres e comadres

Famosos que são compadres e comadres