em

Arnica: para que serve, benefícios e contraindicações

A arnica é uma erva muito antiga e valorizada pelas suas propriedades medicinais. Veja diferentes formas de utilizá-la.
arnica
Crédito: Flirck

Com mais de 30 espécies cultivadas em diversos lugares do mundo, a arnica é uma planta medicinal muito antiga e valorizada pelos seus inúmeros benefícios à saúde e versatilidade de uso.

É o tipo de planta que se encontra para comprar na farmácia em forma de pomada e gel, mas também é utilizada pela avó para fazer compressa. Veja quais são algumas das suas utilidades.

Aqui você encontra:

Para o que serve a arnica?

arnica
Crédito: Correo Farmaceutico

A arnica, especialmente as espécies Arnica montana e Arnica chamissonis, possuem um poderoso anti-inflamatório chamado helenalina. Também atua como antisséptico, cicatrizante, analgésico, cicatrizante, tônico e estimulante. Pode ainda ser incorporada em compressas naturais.

Por tudo isso é muito utilizada na fitoterapia, na homeopatia, antroposofia e reconhecida na medicina tradicional para tratar diversas finalidades, entre elas:

1. Rejuvenesce a pele

Por ser rica em ácido carbônico, em flavonoides e em óleos voláteis, a arnica consegue potencializar p rejuvenescimento da derme. Ela combate os radicais livres que geram desgastes nas células da região.

Conheça as melhores dicas para clarear a pele do rosto.

2. Alivia a artrite

O gel dessa planta também consegue ser eficaz para o alívio dos sintomas da artrite. Isso porque ele combate as inflamações localizadas, sem agredir partes específicas do corpo.

3. Cuida da saúde bucal

A solução com arnica é magnífica para o eficaz tratamento de inflamações na gengiva, piorreia e dor de dente, por exemplo. Para isso, utiliza-se dessa solução de manhã e de noite.

4. Alivia dores musculares

A arnica é maravilhosa para atletas, pois é excelente para evitar problemas decorrentes de inflamações. Assim, o seu uso é importante para aliviar e até ajudar a tratar dores musculares.

5. Atenua a queda de cabelo

arnica
Crédito: Learning Herbs

A arnica também é responsável por fortalecer os fios de cabelo e suas raízes. Além disso, ela protege e rejuvenesce o couro cabeludo. Assim, essa planta se torna o produto ideal para evitar e combater a queda de cabelo.

6. Combate a caspa

Devido a suas propriedades contra o excesso de oleosidade, essa planta é excelente para combater a caspa. Ela impede que o couro cabeludo absorva mais gordura do que o necessário, sendo ideal para cabelos oleosos.

7. Reduz a dor da cólica menstrual

Por ser um exímio anti-inflamatório, esse remédio natural é excelente para reduzir as dores da cólica menstrual. Deve-se aplicar de modo tópico, o chá da planta, diretamente sobre a região dolorida.

8. Ajuda a estancar hemorragias

Primeiramente, é importante destacar que em casos de hemorragia, um médico deve ser consultado imediatamente. Porém, é bom saber que a arnica ajuda a reconstruir pequenos vasos rompidos, o que ajuda no estancamento.

9. Combate a acne

A inflamação decorrente da acne pode ser facilmente combatida com essa planta. Para isso, basta aplicar uma solução com suas folhas diretamente na região afetada.

10. Alivia dores no joelho

O joelho é uma região muito susceptível à inflamação. O uso de arnica colabora no combate desse tipo de problema inflamatório.

Como usar?

arnica
Crédito: Nature’s Aid

Para o fornecimento de tantos benefícios, a arnica é utilizada em diferentes formatos, mas não é recomendado beber o chá por ser muito forte e tóxico. Confira 4 usos que selecionamos para você:

Pomada

A pomada pode ser usada sobre contusões, hematomas e pancadas, aliviando a dor.

Ingredientes

Azeite de oliva: 45 ml;
Cera de abelha: 5 gramas;
Flores e folhas de arnica: 4 colheres (sopa).

Modo de preparo

  1. Coloque os ingredientes em banho-maria, fogo baixo, e deixe ferver alguns minutos;
  2. Apague o fogo e deixe os ingredientes macerarem na panela por algumas horas;
  3. Quando esfriar, coe e armazene o líquido em um recipiente tampado, mantendo em local seco, escuro e arejado.

Tintura

A tintura de arnica pode ser feita em casa para massagear sobre locais doloridos. Veja como fazer.

Ingredientes

Álcool: 100 ml;
Flore de Arnica: 20 gramas (frescas) ou 10 gramas (secas);
Água: o quanto basta.

Modo de preparo

  1. Em um recipiente de vidro, coloque o álcool e as flores de arnica. Se forem frescas, 20 gramas; se forem secas, 10 gramas;
  2. Tampe e deixe repousando entre 5 dias e 3 semanas em local escuro;
  3. Para usar, dilua 1 gota da tintura em 4 gotas de água, aplique em um algodão e massageie o local.

Óleo

Ótima opção para fazer massagens, o óleo de arnica também é simples de fazer.

Ingredientes

Folhas secas de arnica: 100 gramas;
Azeite de oliva: 7 colheres (sopa).

Modo de preparo

  1. Leve os ingredientes ao fogo em banho-maria tampado deixando cozinhar por 3 horas;
  2. Depois, esprema o resíduo para retirar o extrato e coe;
  3. Use ainda morno sobre dores musculares e reumáticas.

Chá

arnica
Crédito: BGF

No caso de arranhões, machucados, contusões e hematomas pode ser feita a infusão para compressa quente. Também pode ser feito gargarejo para tratar inflamação na garganta, cuidando para não engolir.

Ingredientes

Flores de arnica: 1 colher (chá);
Água: 250 ml.

Modo de preparo

  1. Depois de ferver a água, coloque as flores e deixe repousar 10 minutos;
  2. Coe, mergulhe uma toalha limpa e aplique a toalha na região afetada.

Cuidados a ter

Mesmo sendo rica em propriedades medicinais, a arnica pode é tóxica se não souber a quantidade adequada a usar.

Não é recomendado ingerir a arnica, a menos que seja em doses homeopáticas prescritas por profissional. Seu efeitos colaterais são fortes!

Por isso, nunca se automedique com chá de arnica. Seu uso está liberado externamente, para passar na pele, sempre diluída com outras substâncias.

Além disso, a arnica não é recomendada para gestantes porque é abortiva, nem para lactantes, pessoas com problema de fígado, crianças menores de 3 anos ou quem possui sensibilidade. Nestes casos o cuidado deve ser mesmo para o uso externo, podendo causar irritação na pele.

Preço e onde comprar

A arnica pode ser facilmente encontrada em farmácias e lojas de produtos naturais. O seu preço varia entre R$ 14 e R$ 30, dependendo se é em gel ou pomada. A folha custa cerca de R$ 45 o quilo. Agora que você já conhece muito bem a arnica, utilize-a em sua casa e explore os seus benefícios. Aproveite e compartilhe em suas redes sociais!

E lembre-se: as dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
cozinhar mandioca congelada
Como cozinhar mandioca congelada
fantasias de carnaval para grávidas
Melhores fantasias de carnaval para grávidas