em

AmeiAmei

Os 5 melhores alimentos para desinchar a barriga

Quer saber as 5 melhores formas de combater o estômago inchado? Saiba mais aqui!

Ninguém gosta de ficar de estômago inchado, mas por vezes é muito difícil de controlar. Sobretudo durante as festividades, em que a mesa repleta de guloseimas deliciosas. Mas mesmo quando não é época de excessos há alguns hábitos que contribuem para surja uma “pancinha”, mesmo que não tenhamos excesso de peso.

Maus hábitos que continuem as barrigas inchadas

Nos dias que correm, durante o expediente, o tempo para que possamos desfrutar de uma refeição está cronometrado. Isso leva a que comamos apressadamente e os alimentos não sejam corretamente mastigados. Fora do trabalho, a vida não é menos intensa. Muitos poucos se podem vangloriar de ter tempo para preparar convenientemente um jantar ou almoço saudável. A falta de hidratação, motivada por um consumo deficiente de água, também ajuda a manter a barriguinha!

Até dentro dos alimentos ditos saudáveis se encontram espécies que pela sua composição podem contribuir para o inchaço da barriga. A couve de bruxelas é um dos melhores exemplos. Mas em oposição, há também alimentos que ajudam a desinchar o estômago. Confira essa lista dos cinco melhores alimentos que combater o estômago inchado.

Os 5 melhores alimentos para desinchar a barriga

Veja quais são e como usá-los.

1. Banana

Numa banana de tamanho médio estão contidos 400 miligramas de potássio. Essa quantidade é a suficiente para drenar o fluído do organismo, que está retendo líquidos.

Há uma ideia errada de que comer banana pode levar a constipação intestinal. Mas isso acontece apenas se comer bananas que não estejam maduras. As bananas maduras são uma fonte imensa de fibra e por isso até ajudam a prevenir a constipação.

2. Kimichi

O kimichi é uma couve fermentada, que faz parte da tradição coreana. É precisamente a fermentação que vai fazer com que a couve ganhe probióticos. Essas bactérias vão dar um empurrãozinho na digestão, libertando a barriga de gases e livrando você daquela sensação desagradável de inchaço.

Já viu as vantagens em integrar esse alimento no seu cardápio?

3. Folhas de dente de leão

Ricas em fibra, essas folhas são do melhor para esvaziar o inchaço do seu estômago. As fibras vão ajudar a desimpedir os canais digestivos para o organismo possa processar melhor os alimentos. Tem ainda a vantagem de que as folhas de dente de leão têm propriedades diuréticas, que vão atuar como desintoxicante.

Está achando estranha a ideia de comer folha de dente de leão? Não é o mesmo que estar comendo erva daninha. As folhas de dente de leão têm um travo ligeiramente amargo, terroso e muito gostoso.

4. Aspargo

O aspargo tem incilina, na sua composição. Essa fibra prebiótica é muito vantajosa no trato digestivo, porque ajuda o organismo a assimilar melhor os nutrientes. Dessa forma, as chances de poder vir a desenvolver câncer de colón são reduzidas.

O espargo é também um diurético natural. Vai permitir que o organismo se livre dos líquidos em retenção. São esses líquidos que fazem com que a sua barriga aumente assustadoramente de tamanho.

5. Alcachofra

Esses vegetais curiosos estão carregados de fibra. Isso é ótimo, porque vai dar uma grande ajuda para que a digestão ocorra da forma mais saudável possível. As alcachofras funcionam de forma a que a sensação de satisfação perdure ao mesmo que tempo que ajudam a barriga a desinchar.

Do que está esperando para acrescentar esses alimentos surpreendentes na sua lista de compras?

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. E para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

One Comment Leave a Reply
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários
Os 10 grandes benefícios de incluir couve-flor na alimentação
10 comportamentos de risco que podem provocar câncer