bonsai
Crédito: Freepik

Cultivar bonsai traz benefícios à saúde mental e ao bem-estar

Essas plantas são dignas de apreciação e cuidado, agradecendo na forma de benefícios a quem cuida

Publicidade

No Brasil, existe um grande gosto pelas terapias orientais, como reiki, shiatsu e yoga. O que é menos falado, mas também atua como terapia, é o cultivo de bonsai. Se você gosta de acompanhar o crescimento e desenvolvimento das plantas, com certeza cultivar um bonsai vai trazer benefícios à sua saúde mental e bem-estar.

O que é bonsai?

O bonsai é uma forma de cultivo de grandes árvores para que fiquem de tamanho miniatura. Ao contrário do que muitas pessoas pensam, não existem árvores de bonsai.

Utilizam-se sementes ou mudas de árvores comuns, mas o plantio e todo o processo de cultivo, como as podas, são feitos para que ela fique em tamanho miniatura e no formato desejado.

Aproveite e veja: Como cuidar de bonsai: erros a não cometer

Publicidade

Benefícios do cultivo de bonsai

A natureza é esplêndida. Veja só, que é possível você ter árvores com mais de cinco ou dez metros de altura, cultivadas em um vasinho que cabe na sua mesa de centro. É a mesma árvore, que lá na floresta fica imensa, com todos os seus belíssimos detalhes, mas em tamanho miniatura, dentro da sua casa.

Os amantes e apreciadores da natureza já conseguem se sentir maravilhados só em observar as árvores em miniatura. Mas quando você cultiva essas plantas, principalmente quando elas precisam de podas de condução, a conexão fica ainda maior.

Essa conexão é entre você e a planta, num momento de cuidado em que você precisa observá-la, imaginar para qual direção deseja que seus galhos cresçam. E depois cortá-la, aguardar que cicatrize e siga se desenvolvendo.

Publicidade

Enquanto cuida do bonsai, você também entra em contato com a sua essência. É um momento para silenciar, acalmar o corpo e a mente. Refletir, apreciar a natureza, a vida, o momento presente.

Cuidar de bonsai pode ser um hobby e também uma terapia, para quem gosta e tem tempo. Em entrevista ao UOL Equilíbrio, Carlos Eduardo Leite, professor universitário e bonsaísta do Projeto Bonsai e Ciência, explica que “o cultivo proporciona um contato diário com a natureza, que propicia o bem-estar e acalma. Em alguns casos, trazem memórias e sensações que nos remetem a experiências positivas e de felicidade”.

E as vantagens vão além, como conta a psicóloga Rachel Góes, que atua Hospital Universitário Onofre Lopes da Universidade Federal do Rio Grande do Norte: “cuidar de bonsai vai além de um momento de relaxamento, essa atenção com a planta reforça ou premia o seu cuidador, tendo um impacto direto na sua autoestima. E também é uma forma de treinar a atenção plena, bastante comum na meditação”.

Publicidade

Gostou da ideia e quer começar? Então veja como fazer um bonsai passo a passo.

PODE GOSTAR TAMBÉM

Hardballing

Hardballing nos sites de relacionamento: a sinceridade é essencial

Transplante capilar

Transplante capilar: veja como funciona o método FUE