em

Chá de calêndula: para que serve e como fazer

É sempre bom conhecer as propriedades de plantas medicinais para auxiliarem na manutenção da saúde
chá de calêndula
Crédito: Pixabay

Em qualquer época do ano, tomar um chazinho é sempre bom. Especialmente se for um com propriedades medicinais poderosas, como é o caso do chá de calêndula. Conheça os benefícios que essa planta oferece à saúde, como preparar e consumir o chá.

Benefícios do chá de calêndula

benefícios do chá de calêndula
Crédito: Pixabay

A calêndula é uma linda flor de cor vibrante. Das flores e das folhas pode-se fazer o chá, como também pode-se comprar o óleo essencial. Os benefícios são semelhantes para as duas formas, mas é o chá que você pode ingerir. Veja o que ele oferece para o seu organismo.

1. Proteção para o sistema gástrico

O chá de calêndula é bom para auxiliar no tratamento de problemas como úlceras, refluxo, gastrite e má digestão. Se for um problema leve, isolado, pode tomar o chá e cuidar da alimentação para ver como se sente. Se tiver sintomas recorrentes, procure um gastroenterologista para saber da necessidade de um tratamento específico.

2. Alívio das dores inflamatórias nas articulações

As dores nas articulações geralmente ocorrem por causa da artrite, que é a inflamação nas juntas. Por ter efeito anti-inflamatório, o chá de calêndula pode ajudar no alívio das dores, quando bebido de forma regular e dentro de uma rotina de vida saudável.

3. Aliado na dieta de emagrecimento

Quem está em processo de emagrecimento, vive constantemente em busca de alimentos e soluções naturais para estimular a perda de peso. No caso da calêndula, sua função vai ser de acelerar o metabolismo e ajudar na queima de calorias. E claro, deve incluir o chá na rotina alimentar junto com uma dieta saudável e a prática de atividade física.

4. Age como antioxidante

Todas as plantas possuem antioxidantes, inclusive a calêndula. Esse é um efeito que contribui com a saúde das células, prevenindo a oxidação que causa o envelhecimento precoce e várias doenças. Logo, nesse caso, o chá é bom para tomar de forma regular, no dia a dia.

5. Trata infecções nas partes íntimas

Por conta das propriedades anti-inflamatórias, bactericidas e de antibiótico natural, a infusão de calêndula pode ser utilizada como tratamento para casos leves de infecções vaginais e de hemorroidas. O ideal é que faça banho de assento em combinação com o tratamento recomendado pelo médico.

Como fazer o chá

A calêndula pode ser comprada desidratada das farmácias, supermercados e lojas de produtos naturais. É muito simples de preparar o chá.

Ingredientes

Folhas e flores de calêndula desidratadas: 2 colheres (sopa);
Água fervida: 1 xícara (chá).

Modo de preparo

  1. Coloque a água para ferver e desligue o fogo assim que entrar em ebulição;
  2. Adicione as duas colheres de calêndula na água, cubra o recipiente e deixe alguns minutos em infusão;
  3. Por fim é só coar e beber. Se quiser, pode adicionar um pouco de mel e até umas folhinhas de hortelã ou raspas de gengibre.

Como e quando consumir

como consumir chá de calêndula
Crédito: Pixabay

Você pode consumir o chá no dia a dia se quiser apenas mais um aliado para manter a boa saúde. Já se o objetivo for tratar algum dos problemas para os quais ele é recomendado, tome em forma de tratamento, de 2 ou até 4 vezes ao dia, não mais do que isso. Lembre-se que para obter os efeitos esperados, deve aliar o consumo do chá com uma rotina de alimentação saudável e atividades físicas.

Contraindicações e cuidados a ter

Existem cuidados importantes a ter antes de começar a beber o chá de calêndula. Por exemplo, se você costuma ser sensível a alimentos e apresentar reações alérgicas, beba somente um pouco e espere para ver se vai ter alguma reação.

Gestantes, lactantes e crianças com menos de 12 anos devem evitá-lo, a menos que o médico libere. Se quiserem, pode aplicar de forma tópica, mas não ingerir.

Ao tomar para o tratamento de algum problema de saúde, não ultrapasse a quantidade de 4 xícaras ao dia e 7 dias consecutivos. Depois pare para evitar o excesso no organismo.

As dicas desse artigo não substituem a consulta ao médico. Cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. Se utilizar a planta e sentir qualquer reação adversa, suspenda o uso e procure um médico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
fricassê de frango
Receitas de fricassê de frango para festas, almoços e jantares
escurecer o cabelo
Como escurecer o cabelo naturalmente