em

Aromaterapia: o que é, benefícios e como funciona

Essa é a terapia que trata os problemas do corpo e da mente através dos aromas das plantas
sobre aromaterapia
Crédito: Freepik

A aromaterapia é uma terapia alternativa, ou seja, natural, que utiliza o aroma e as partículas de óleos essenciais. A função do aroma de cada óleo é estimular determinadas regiões do cérebro a fim de melhorar a qualidade de vida. Embora seja possível utilizar o poder dos óleos essenciais em casa, quando for fazer uma sessão de terapia deve procurar por um profissional naturopata.

Esse tratamento surgiu como terapia alternativa depois de 1920, quando um químico francês aplicou óleo essencial de lavanda sobre a mão que havia queimado e percebeu que a cura foi mais rápida e bem-sucedida.

A partir de então ele passou a pesquisar sobre a influência das propriedades essenciais de ervas, flores, folhas, sementes e raízes na saúde das pessoas.

Hoje se sabe que ela influencia o cérebro de forma psicológica e fisiológica. Existe tanto o efeito dos aromas, que despertam sensações, lembranças e emoções, quanto o efeito das propriedades das plantas que ficam preservadas no óleo quando é inalado ou aplicado na pele.

Benefícios para a saúde

beneficios da aromaterapia
Crédito: Freepik

Quando se fala em melhorar a qualidade de vida com a aromaterapia, quer dizer que esse método é benéfico para o corpo inteiro, realmente contribuindo para uma melhora geral. Antes de começar a fazer, deve saber que essa terapia é complementar a um estilo de vida mais saudável.

1. Bem-estar geral

Realizar a aromaterapia com certa frequência, utilizando os aromas indicados para cada finalidade, ajuda a relaxar o corpo e a mente, renovando as energias e promovendo um bem-estar geral no corpo.

2. Fortalecimento do sistema imune

As propriedades de cada uma das plantas dos óleos essenciais afetam fisicamente o organismo através da inalação do aroma. Um desses efeitos é o fortalecimento do sistema imunológico, responsável por manter o corpo livre de doenças.

3. Alívio de dores

As dores musculares, reumáticas, ósseas ou nos órgãos podem ser aliviadas com a aromaterapia, junto com o tratamento médico para cada tipo de dor. O naturopata vai saber qual óleo utilizar para cada problema.

4. Tratamento de problemas do sono

Por causa das propriedades calmantes e relaxantes, os óleos essenciais também ajudam a tratar problemas relacionados à dificuldade de dormir e permanecer dormindo, como a insônia.

5. Tratamento de estresse e ansiedade

Assim ajuda a tratar problemas do sono, que muitas vezes são motivados por causas emocionais, essa terapia também contribui no tratamento da ansiedade e do estresse, de várias formas, conforme o óleo que for utilizado.

Como funciona essa terapia?

Em uma sessão de aromaterapia, o ambiente é semelhante a outros onde se realizam massagens e alguns tipos de tratamentos estéticos. A pessoa entra em uma sala com decoração agradável, iluminação baixa, pode ter algum som de fundo e, nesse caso, o cuidado especial é com os aromas.

O tipo de terapia de aromas vai variar, podendo ser em forma de massagem, banho de aromas, vaporização dos aromas para inalação ou, com prescrição médica, a ingestão. Há muitos médicos conhecedores dos poderes curativos dos aromas naturais e recomendam esse tipo de terapia complementar aos seus pacientes.

E não é necessário que vá sempre a um profissional como forma de tratamento. Depois de conhecer os benefícios de cada óleo, você pode incluir esses aromas no seu dia a dia, pela casa, na roupa de cama, no banho, sempre de forma equilibrada para manter o bem-estar.

Óleos essenciais mais usados

oleos para aromaterapia
Crédito: Freepik

Os óleos essenciais devem ser puros e de qualidade. Os aromas são escolhidos conforme o que cada planta oferece de propriedades para o organismo.

Eucalipto

Esse é um óleo de aroma fresco e agradável, que tranquiliza e oferece benefícios no tratamento de problemas respiratórios. É descongestionante e fortalecedor.

Lavanda

Esse é considerado o primeiro óleo utilizado com a finalidade de se desenvolver a aromaterapia. A lavanda é relaxante, fungicida, anti-inflamatória e bactericida, contribuindo com o a cura de ferimentos.

Hortelã

Além do aroma inconfundível, o óleo essencial de hortelã oferece muitos benefícios à saúde. Alivia dores musculares, de cabeça, é estimulante e revigorante. Assim como o eucalipto, colabora com o tratamento de problemas respiratórios.

Olíbano

Essa planta é ótima para a pele, contribuindo com a cicatrização e a redução das linhas de expressão. Esse óleo é calmante, agindo contra o estresse e a ansiedade, e é fortalecedor do sistema imunológico.

Alecrim

Para promover a renovação das células, a melhora da circulação, desintoxicação e aumento do metabolismo, o óleo essencial de alecrim é um bom aliado, seja como aromatizador de ambiente ou em banhos e massagens relaxantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
óleos essenciais para o cabelo
Óleos essenciais para o cabelo: os melhores e como usar
bebidas saudáveis gostosas
7 Bebidas saudáveis para substituir o refrigerante