alimentação para trombose
Crédito: Freepik
em

Alimentação para trombose: o que comer e o que evitar

Manter uma rotina alimentar saudável é essencial para ajudar na prevenção e no controle dos trombos

De acordo com o médico Drauzio Varella, trombose é o nome que se dá à formação de um coágulo de sangue em uma ou mais veias das pernas e coxas, sempre em veias grandes. O coágulo vai causar o bloqueio do fluxo sanguíneo, resultando em dor e inchaço na região afetada. Mas o problema maior ocorre quando o coágulo se desprende e migra pela corrente sanguínea chegando ao pulmão, que é o caminho natural do sangue para obter mais oxigênio. Quando isso ocorre é a chamada embolia pulmonar que pode deixar lesões graves e causar morte súbita. Então, para evitar esse problema, uma das formas de tratamento é conhecer a alimentação para trombose.

O que comer na alimentação para trombose

alimentação para trombose como fazer dieta
Crédito: Freepik

Junto de uma dieta equilibrada, prescrita pelo nutricionista e com acompanhamento do médico, é importante que o paciente com trombose instalada ou com predisposição a ter trombos também adote outros hábitos saudáveis, como parar de fumar e manter uma rotina de atividades físicas. Veja quais são os alimentos recomendados para manter o peso adequado e a saúde em dia.

1. Limão

O limão é mencionado múltiplas vezes como sendo um alimento benéfico para a saúde. Mas dessa vez vai ser mencionado devido a ser um alimento poderoso para melhorar para a circulação sanguínea e a produção de glóbulos brancos.

Pode sempre temperar a suas saladas com limão ou preparar um fresco, feito na hora, para beber no desjejum ou junto com o almoço. Por ser rico em vitamina C ele ajuda a absorver o ferro, essencial para a produção de glóbulos vermelhos do sangue.

2. Azeite de oliva

O azeite de oliva é ótimo para melhorar a flexibilidade das artérias graças aos ácidos graxos ômega-3. Esses ácidos são macronutrientes essenciais para a manutenção diária da saúde. Utilize esse tipo de azeite para temperos, mas evite usar para frituras, porque quando ele chega a uma temperatura muito alta vai perdendo suas propriedades.

3. Abacate

O abacate contêm os mesmos atributos que o azeite de oliva, pois é uma fruta bem oleosa. Se for consumido em quantidades apropriadas, ele ajuda na prevenção dos trombos, pois atua na manutenção de um nível de colesterol mais equilibrado. Para o implementar na sua dieta, tente comer meio abacate 3 ou 4 vezes por semana.

4. Dentes de alho

Ricos em alicina, os dentes de alhos são ótimos para quem se preocupa com o coração. A alicina ajuda a manter o coração saudável devido às propriedades anticoagulantes. Tente consumir um dente de alho diariamente com o seu prato de carne ou também pode esmagar o alho em um copo de água e beber como um suco. Não é dos mais saborosos, mas para a saúde é excelente. Veja também receitas de tempero de alho para adicionar aos almoços e jantares.

5. Alcachofra

Com efeitos anticoagulantes e benéfica para equilibrar o colesterol, essa fruta pode ser cozida e servida com outros alimentos nas refeições doces e salgadas, inclusive como o limão, o azeite de oliva e o alho no tempero. Deliciosa e saudável, é um ótima opção à sua dieta.

6. Aipo

Um ótimo regulador de pressão arterial graças ao fato de ser rico em antioxidantes, vitaminas e minerais, o aipo ajuda a diminuir o nível de cortisol, um hormônio desencadeador do estresse com efeitos muito negativos para a saúde quando é ativado sem verdadeira necessidade. Se consumido regularmente, o aipo também ajuda a ter artérias mais largas e flexíveis, menos propensas a ter uma trombose.

7. Mirtilos

Pode consumir mirtilos em sucos, vitaminas, sorvetes ou colocar as frutinhas frescas sobre iogurtes com aveia e outras frutas, tudo para fazer uso a sua propriedade anticoagulante. A melhor forma de consumo é comprar um pacotinho com as frutinhas inteiras, assim irá absorver mais nutrientes do que comprar em forma de suco pronto.

8. Vinho tinto

Uma taça de vinho tinto ao dia faz bem, sem exagero, graças ao fato de que ele é feito a base de uvas. Uvas são ricas em antioxidantes e etanol, um componente necessário para regular o colesterol ruim. Basta beber com moderação para fazer uso de suas propriedades fantásticas

9. Cenouras

Deliciosas e suaves, são um alimento rico em betacaroteno, capaz de regular os níveis de colesterol e reduzir a probabilidade de ataques cardíacos. Então, certamente são boas aliadas na sua alimentação para trombose.

Alimentação para trombose: o que evitar

alimentação para trombose o que evitar comer
Crédito: Freepik

Como você viu, muitos alimentos têm propriedades específicas que ajudam a manter a corrente sanguínea livre de trombos. Mas, de modo geral, o importante é manter uma alimentação saudável e equilibrada, livre dos industrializados, excessos de açúcares e gorduras ruins, como:

Evitar açúcares industrializados

Sempre que quiser comer um doce, prefira sobremesas com frutas frescas, açúcares mais saudáveis como demerara, de coco, stevia ou mascavo. Faça os doces em casa. As versões industrializadas são calorias vazias que aumentam os níveis de glicose no sangue, desequilibrando o funcionamento do organismo e abrindo espaço para o diabetes.

Bebidas alcoólicas e café

Evitar essas bebidas fortes ajuda a manter o corpo hidratado e também previne danos a outros órgãos. Como o corpo humano é uma unidade, quando faz mal para um órgão, está prejudicando todos de forma direta ou indireta. Então, prefira beber muita água, chás e sucos naturais.

Alimentos gordurosos

Os alimentos fritos e carnes com muita gordura aumentam o colesterol, prejudicando a circulação do sangue e aumentando o risco de coágulos que são decorrentes da aterosclerose, um problema causado pelo rompimento dos vasos sanguíneos quando há excesso de gordura acumulada em suas paredes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

hemorragia pós-parto

Até que ponto a hemorragia pós-parto é normal?

Quem cuida de doentes do coração tem mais chance de desenvolver a mesma doença

Quem cuida de doentes do coração tem mais chance de desenvolver a mesma doença