em

O que é umectação capilar? Saiba os benefícios e como fazer em casa

A umectação capilar é um jeito simples, barato e fácil de deixar os fios sedosos e cheios de saúde.

como fazer umectação capilar
Crédito: Old Youth/Unsplash

Os cachos estão em alta, assim como os tratamentos para deixar esse tipo de cabelo mais bonito, brilhante e saudável. Um dos mais conhecidos é a umectação capilar, também chamada de nutrição capilar.

O procedimento repõe nutrientes que são perdidos diariamente ao lavar o cabelo, secar com ar quente, ir à praia ou até pela poluição na cidade. Dessa forma, evita-se o ressecamento, o enfraquecimento e a queda dos fios.

O que é umectação capilar?

A umectação é um tratamento feito com óleos vegetais para hidratar e dar força às madeixas, além de repor a oleosidade natural e driblar os fios ressecados. Devido ao alto poder dos óleos, o procedimento deixa o cabelo mais liso e relaxado, sendo uma opção também para quem deseja diminuir o volume.

Para ser totalmente efetivo, o ideal é que o tratamento seja feito com óleos 100% vegetais. A vantagem, além de não aplicar química no cabelo, é que o processo pode ser feito em casa, tem baixo custo e não exige ajuda profissional, pois é bastante simples.

Entre os óleos queridinhos para fazer a umectação capilar estão:

  • Óleo de coco: rico em vitaminas E e K e ácidos graxos, é um excelente aliado para
    deixar o cabelo bonito, pois restaura os fios e estimula o crescimento saudável;
  • Óleo de rícino: uma das opções mais completas, pois recupera os fios, estimula o
    crescimento, diminui a caspa, tem ação antifúngica e antibacteriana, sela as cutículas, diminui o frizz e dá brilho;
  • Azeite de oliva extra virgem: contém vitaminas A, D, E e K e antioxidantes, além de ser um poderoso emoliente, capaz de atingir a camada mais profunda do fio, o que ajuda
    a prevenir a queda de cabelo;
  • Óleo de abacate: indicado para fios quebradiços e ressecados, pois contém proteínas e
    aminoácidos que ajudam na reestruturação da fibra capilar;
  • Óleo de argan: outro queridinho no tratamento dos fios, pois penetra facilmente no
    cabelo, é rico ácidos graxos e combate o envelhecimento dos fios.

Benefícios da umectação

O tratamento é recomendado principalmente para cacheadas e mulheres em transição capilar. Isso porque a estrutura do fio faz com que a oleosidade natural tenha mais dificuldade para chegar da raiz até a ponta, deixando o cabelo ressecado e sem brilho.

No entanto, a umectação pode ser adotada para qualquer tipo de cabelo. Recomenda-se apenas que fios lisos ou menos volumosos tenham prudência na quantidade de óleo para não deixar o cabelo pesado e oleoso.

Além de hidratar e fortalecer os fios, a umectação diminui o volume, o frizz e as pontas duplas, restaura a saúde do cabelo devido aos nutrientes presentes nos óleos e previne a queda.

A massagem no couro cabeludo, feita ao aplicar o óleo, também é benéfica, pois estimula a circulação sanguínea e a produção da oleosidade natural, fazendo com que o cabelo fique hidratado e bonito por mais tempo.

Como fazer umectação capilar?

Basicamente, o cabelo deve ser separado em mechas e o óleo deve ser aplicado na raiz, com massagem no couro cabeludo, passando nos fios até às pontas.

O processo é rápido e simples, e dá para fazer tanto durante a noite (enquanto você dorme) quanto em alguns minutos durante o dia, enquanto prepara a janta ou arruma a casa.

Umectação noturna

Antes de dormir, separe o cabelo seco em mechas e aplique o óleo vegetal de sua preferência. Massageie bem o couro cabeludo, passe o produto da raiz até as pontas, tomando cuidado para não deixar nenhuma mecha sem óleo.

Quando terminar, coloque uma touca ou enrole um tecido na cabeça e durma. No dia seguinte, lave bem para tirar qualquer resquício de óleo. Dica: ponha uma toalha no travesseiro para evitar que a fronha se suje.

Umectação diurna

Antes do banho, com o cabelo seco, aplique o óleo vegetal da mesma forma que explicamos no tópico anterior. Coloque uma touca térmica e deixe agir por uma hora, lavando bem em seguida para não deixar vestígios de óleo no cabelo.

Dicas para umectação capilar bem feita

O processo de umectação é bastante simples, mas alguns cuidados e truques são necessários para evitar que o tiro saia pela culatra e seu cabelo fique oleoso e pesado ao invés de bonito e sedoso.

  • A quantidade de óleo vegetal vai depender muito do tamanho e do tipo de cabelo. O ideal é que todas as mechas sejam cobertas de óleo, mas sem ficar extremamente besuntadas. Uma colher de sopa é o mínimo recomendado;
  • O processo pode ser feito pelo menos uma vez por semana (no caso de cabelos muito ressecados e cacheados) ou a cada 15 dias (para cabelos normais). Mais do que isso pode deixar o cabelo muito oleoso e até enfraquece-lo;
  • Se necessário, lave o cabelo até três vezes depois de aplicar o óleo para não deixar nenhum vestígio. Caso contrário, ele vai ficar pesado e com cara de sujo;
  • A umectação pode ser feita com os fios limpos ou sujos, pois as cutículas capilares não precisam estar abertas para que o produto penetre no fio. Faça o teste e veja de que forma seu cabelo recebe melhor o tratamento;
  • Esquentar o óleo no micro-ondas antes de aplicar é excelente para ativar as propriedades nutricionais e potencializar o resultado nos fios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

documentos perdidos

Teve seus documentos perdidos ou furtados? Veja o que fazer

desidratar flores

Como desidratar flores para usá-las na decoração da casa