em

AmeiAmei

Conheça o poder da couve para o rejuvenescimento do cérebro

Um estudo mostrou que é possível manter o cérebro rejuvenescido por mais tempo através do consumo diário de couve.

Quando buscamos uma alimentação mais saudável, queremos um corpo bonito e o organismo funcionando direitinho, não é verdade? Mas só quando a idade avança e começamos a esquecer de algumas tarefas do dia a dia é que nos damos conta de que a saúde do cérebro também é importante.

Todos temos medo de perder funções cognitivas básicas, perder a memória ou mesmo desenvolver demência na terceira idade.

A grande dica para ajudar a manter o cérebro rejuvenescido e ativo para a longevidade é comer diariamente uma porção de folhas verde-escuras, assim como a couve. Veja por quê:

Estudo mostra que vegetais verde-escuros ajudam a manter o cérebro sadio

Um estudo realizado pela Universidade de Rush, em Chicago, nos Estados Unidos, reuniu 950 pessoas idosas e fez com elas 19 diferentes testes com o objetivo de avaliar suas funções mentais.

Sabendo que uma alimentação saudável é fundamental para que as funções de todo o corpo atuem de forma saudável, parte da avaliação consistia em uma lista com mais de 100 tipos de alimentos para que os idosos apontassem quais mais consumiam.

Através desta e de outras constatações que a pesquisa envolvia, observou-se que os idosos que tinham o hábito de comer folhas verde-escuras diariamente demoravam cerca de 11 anos a mais para começar a reduzir funções cerebrais, em comparação aos idosos que não comiam.

Qualidades nutricionais da couve

A couve oferece diversos nutrientes essenciais para o organismo, como vitaminas A, B e C, além de ferro, cálcio e fósforo. Também possui efeitos antioxidantes, que atuam no rejuvenescimento das células, e desintoxicantes, que atuam na limpeza do organismo.

As qualidades nutricionais da couve mais diretamente ligadas ao rejuvenescimento do cérebro são a vitamina K (previne danos nos nervos, melhorando a defesa contra Alzheimer e demência), betacaroteno (antioxidante), luteína (antioxidante) e ácido fólico (vitamina B9).

Estes compostos estão presentes também em outros tipos de vegetais verde-escuros que podem ser consumidos diariamente, como espinafre, acelga, brócolis e alcachofra.

Você pode consumir estes vegetais de diferentes maneiras: crus, assados, refogados, cozidos rapidamente no vapor ou mesmo em sopas e risotos. Veja agora duas receitas muito fáceis para estimular o consumo de couve na sua rotina alimentar:

Receita de suco de couve

Para incentivar você a começar o consumo de couve e outros vegetais, aprenda esta receita fácil e rápida de suco de couve.

Ingredientes:

  • Couve: 2 folhas;
  • Gengibre: 1 colher de chá, ralado;
  • Limão: suco de 1 unidade;
  • Água de coco: 300ml;
  • Gelo: a gosto;
  • Adoçante: a gosto.

Modo de preparo:

1. Bata todos os ingredientes no liquidificador.

2. Beba em seguida, e evite coar para absorver todas as fibras.

Receita de couve refogada

Outra forma muito fácil e saudável de comer couve é refogá-la. Veja como fazer para o almoço ou jantar.

Ingredientes:

  • Couve: 10 folhas;
  • Alho: 2 dentes grandes;
  • Manteiga ghee: 2 colheres de sopa.

Modo de preparo:

1. Lave muito bem as folhas de couve e corte em tiras finas.

2. Pique os dentes de alho.

3. Numa frigideira, aqueça a manteiga e acrescente o alho para dourar.

4. Quando o alho começar a dourar, coloque a couve e mexa devagar até ela murchar e liberar seu líquido.

5. Quando estiver tudo incorporado, desligue o fogo e sirva.

Achou o estudo interessante e gostou das dicas? Então comece a aproveitar todos os benefícios dos vegetais verde-escuros para você e sua família e compartilhe estas receitas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
Reúna estes 5 ingredientes e tenha cabelos mais fortes e saudáveis
A história motivadora de Emily Abbate: 30kg a menos