analgesicos narturais
Crédito: Freepik
em

11 Analgésicos naturais

Veja quais são os melhores analgésicos naturais para aqueles dias em se quer evitar ir à farmácia

Muito antes de existirem os remédios alopáticos, a natureza providenciou solução para diversos problemas, incluindo a dor. Os analgésicos naturais são velhos conhecidos e tem eficácia garantida, com presença nos armários de muitas famílias brasileiras.

Alguns não somente são fáceis de encontrar, como já fazem parte da rotina alimentar de muita gente. Outros são mais específicos, e só podem ser encontrados em lojas de produtos naturais ou na feira. Veja então quais são os melhores analgésicos naturais para você ter em casa.

Veja também: alimentos bons para gastrite

Melhores analgésicos naturais

Você pode encontrar facilmente plantas e alimentos com efeitos analgésicos, e com a vantagem de não possuir os componentes químicos que os remédios convencionais contêm e que podem causar efeitos adversos. Veja quais são!

1. Cravo

Se você sentir dor de cabeça do tipo pulsante, conte com a ajuda do cravo. Ele contém o eugenol, que é um poderoso analgésico, além de antisséptico, podendo ajudar desde dor de dente até dor de cabeça.

Para isso, você deve colocar alguns dentes de cravo numa panela com água e deixar ferver, fazendo a inalação do vapor, com o apoio de uma toalha. Para a dor de dente, pode beber o chá ou fazer bochechos regulares.

2. Magnésio

Trata-se de um nutriente que necessita ser ingerido todos os dias para acabar eficazmente com a enxaqueca. Ele vai ajudar a moderar os impulsos nervosos, equilibrando e dando alívio para a dor.
Muitas vezes, a própria enxaqueca está relacionada à falta de magnésio no organismo. Por isso, procure alimentos ricos nesse nutriente, como as folhas verde escuro ou peixes.

3. Óleo de lavanda

A aromaterapia tem sido bastante testada ao redor do mundo, pois tem intrigado médicos e pacientes. Dessa forma, muitos estudos estão sendo feitos, como esse que atesta a eficácia da lavanda para aliviar a dor durante o trabalho de parto.

Basta que a pessoa sinta o odor do óleo essencial de lavanda. Pode fazê-lo de várias maneiras, seja colocando uma gota do óleo numa xícara de água fervendo, inalando o vapor em seguida; colocando em algum pano para inalar o odor ou até mesmo utilizando aromatizadores e vaporizadores de ambientes.

4. Gengibre

Excelente para quem está sofrendo com dor na garganta, basta mastigar pequenos pedaços para ver o efeito surgir. Além da garganta, acaba anestesiando também a língua, mas é um efeito válido.
Bom também para quem sofre com dores nas costas, devendo ser aplicado na pele, em forma de cataplasma. Basta ralar uma colher de sopa de gengibre e aplicar no local, cobrindo com uma atadura de algodão. Deixe por uma hora ou o quanto aguentar. O local vai aquecer, desinflamar e talvez ficar um pouco vermelho.

5. Alho

O alho é excelente para infecções na garganta e nas costas, também fazendo bem  para as articulações, reduzindo consideravelmente as dores. Porém a sua forma de aplicação é um pouco diferente.

Além do famoso chá de alho, você pode usar na alimentação ou aplicar na pele, diluído em azeite de oliva. Para isso, rale 3 dentes de alho e misture uma colher de café de azeite. Aplique no local da dor e deixe agir por ao menos 1 hora.

6. Nogueira-da-Índia

A Aleurites moluccana, também chamada de nogueira-da-índia, é um analgésico de uso tópico utilizado por algumas pessoas para combater a dor, entretanto seu uso não é recomendado por ter substâncias tóxicas em sua composição. Em 2017, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) proibiu a fabricação, uso e a venda em todo o Brasil

7. Garra do diabo

Essa planta é a base para um medicamento natural de combate à dor, o arpadol, bastante conhecido no mercado fitoterápico. Rico em iridóides, tem sua eficácia comprovada por diversos estudos, como este.

Para preparar, coloque 100 mg da erva seca em 500 ml de água, deixando levantar fervura e desligando em seguida. Abafe bem, coe e beba ao longo do dia, de 2 a 3 vezes.

8. Sucupira

A sucupira é rica em vouacapano e geranilgeraniol, excelente para combater a dor, além de funcionar também como anti-inflamatório, sendo um pacote perfeito para problemas diversos.
Deve ser usada somente externamente, com a aplicação de cremes a base de sucupira ou com o extrato diluído em azeite de oliva ou óleo de coco, fazendo uma massagem e deixando por uma hora.

9. Camomila

O chá de camomila é excelente para aliviar a dor de cabeça, cólica e dores no corpo, podendo usar tanto o óleo essencial para aromaterapia, quanto para massagem, ou o extrato para aplicação tópica. O chá também pode ajudar, devendo ser feito um pouco mais forte. Lembrando sempre que ele tende a dar um pouco de sono, então escolha um horário adequado para fazer e beber.

10. Pimenta

Usada com cautela e inteligência, a pimenta pode ser uma ótima aliada para a sua saúde, inclusive com ação analgésica. Ela tem essa propriedade por causa da presença da capsaicina, uma resina natural (aquele óleo que solta da pimenta).

Deve ser aplicada em forma de cataplasma, diluído em azeite de oliva ou óleo de coco – para intensificar a ação. Em seguida, cobrir com um tecido e deixar agir por 30 minutos, lavando muito bem em seguida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

acabar com aranhas em casa

Como acabar com aranhas em casa

Mulher descobre câncer de mama depois de filho recusar amamentação

Mulher descobre câncer de mama depois de filho recusar amamentação