alívio imediato para dor no nervo ciático
Crédito: Freepik
em

Alívio imediato para dor no nervo ciático: remédios e exercícios

É importante consultar um médico para saber agir mesmo antes de uma crise começar

Quem já teve dor no nervo ciático sabe que não é nada fácil ter de lidar com ela. A dor é muito intensa, como uma queimação e sensação de travamento de toda a parte onde se localiza o nervo. O ciático começa no final da coluna lombar, mais perto do quadril, e vai até a planta dos pés, passando pela parte de trás das nádegas e pernas. Então algumas pessoas sequer conseguem se mover quando estão em uma crise. Por isso que esse problema exige cuidados médicos e conhecer formas de conseguir alívio imediato para dor no nervo ciático, sempre que possível.

Veja também: dicas para aliviar dor na coluna

Como aliviar a dor no nervo ciático

remedios e exercícios para alívio imediato para dor no nervo ciático
Crédito: Freepik

Existem algumas práticas recomendadas para aliviar a dor ciática, entre uso de medicamentos e prática de exercícios. Mas nunca é recomendado dar início a essas práticas sem a orientação do médico, pois é necessário que o profissional primeiro avalie o que está causando a dor.

Isso porque, geralmente, a dor ocorre quando o nervo ciático sofre uma compressão por causa de alterações na coluna lombar, tipo desvio ou hérnia, o que necessita ser tratado primeiro ou junto com a dor ciática para que se tenha um bom resultado. Sabendo disso, veja o que pode ser feito, depois de consultar seu médico.

Medicamentos

Todos os medicamentos que visam alívio imediato para dor no nervo ciático devem ser prescritos pelo médico, como já mencionado. Entre os medicamentos possíveis, estão:

  • Anti-inflamatórios não esteroides;
  • Analgésicos;
  • Analgésicos opioides;
  • Relaxantes musculares;
  • Anticonvulsionantes;
  • Antidepressivos tricíclicos.

De modo geral, o tratamento inicia com medicamentos mais leves para observar as reações do organismo. Quando a crise de dor surge muito forte, pode ser necessário aplicar uma injeção de corticoide, aplicada por um profissional. No caso de as medicações mais leves não surtirem efeito, então justifica-se o uso de remédios mais fortes, que devem ser usados com cuidado devido aos efeitos colaterais que oferecem.

Fisioterapia

Também é recomendado que o paciente com dor ciática comece a fazer sessões de fisioterapia, que podem ser também com osteopatia, acupuntura, hidroginástica ou Pilates clínico, conforme a avaliação do médico e do fisioterapeuta. Mas esse tratamento é de longo prazo, não para lidar com o momento de uma crise. Porém, ajuda a prevenir que a dor apareça de repente.

Compressa quente

Se o paciente estiver sentido uma dor que não chega a ser insuportável, uma das opções de alívio imediato para dor no nervo ciático é deitar-se de barriga para baixo e colocar uma bolsa de água quente sobre a coluna ou no local da dor. A água quente vai ajudar a relaxar a musculatura que está comprimindo o nervo, além de ajudar a liberar endorfinas que fazem a dor reduzir e aumentam a sensação de bem-estar.

Exercício para o momento da dor

Quando se está sentido a dor ciática, é possível realizar alguns exercícios, com bastante cuidado para não exagerar nos movimentos da coluna. Só se devem fazer exercícios de alongamento na coluna lombar, coxas e nádegas. Veja como fazer:

  1. Deitar-se de barriga para cima, com os joelhos dobrados;
  2. Lentamente, segurar uma perna de cada vez, puxando o joelho na direção do peito, sentido a coluna alongar. Manter a posição por 30 segundos;
  3. Voltar a perna para a posição inicial e repetir com a outra;
  4. Repetir 3 vezes com cada perna.

Exercício para evitar nova crise

Depois de fazer o exercício anterior, quando a dor começar a diminuir, pode-se fazer um outro exercício para prevenir que uma nova crise comece.

  1. Deitar-se de barriga para cima, com os joelhos dobrados (mesma posição inicial do exercício anterior);
  2. Encolher a barriga, levando o umbigo em direção às costas. Manter essa contração enquanto respira;
  3. Nessa posição, elevar uma das pernas, com o joelho dobrado, por 5 segundos e descer a perna. Ao levantar a perna, deve expirar (soltar o ar);
  4. Repetir com a outra perna e fazer esse exercício alternadamente com cada perna por 5 vezes.

Lembre-se que esses exercícios ajudam, mas não vão tratar a causa da dor. É essencial consultar um médico para dar início a um tratamento completo.

65 Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

carne cozida

Carne cozida: como fazer com diferentes tipos de carnes

bolinho de feijoada

Bolinho de feijoada: receitas para aproveitar as sobras do almoço