voltar a ter libido na menopausa
Crédito: Freepik
em

É possível voltar a ter libido na menopausa? Veja como fazer

Nessa fase da vida, você não pode se deixar abater pelos sintomas que estão surgindo. Tome as rédeas da situação e descubra a nova mulher que está aí dentro

Publicidade

Não acontece com todas as mulheres, mas um dos sintomas da menopausa é a redução ou perda da libido. Isso acontece diretamente por causa da redução na produção hormonal e indiretamente por causa dos outro sintomas que fazem a mulher se sentir cansada, irritada, incomodada no dia a dia.

Veja também: 18 Sintomas da menopausa e como aliviá-los

Publicidade

Além desses fatores mencionados, é preciso levar em consideração como já estava a vida sexual da mulher antes dos sintomas da menopausa começarem.

A relação com o parceiro estava agradável, animada, de parceria? O sexo era bom? Como estava a potência sexual dele?

Publicidade

Tudo isso influencia na hora de encontrar a solução para a falta de libido, pois se você já gostava de sexo antes, será mais fácil driblar as questões físicas e alimentar o desejo na mente.

Com base nisso tudo, confira as dicas de como voltar aumentar sua libido, apesar dos sintomas da menopausa do seu corpo.

O desejo sexual começa na mente

Muitas mulheres esperam que o desejo sexual apareça de forma espontânea, sem precisar qualquer esforço ou de pensamentos eróticos. Mas, não é assim.

Publicidade

Para voltar a encontrar, lá dentro da sua mente, o seu desejo sexual, você precisa alimentá-lo com pensamentos sobre coisas que deixam você com tesão.

Se quiser compartilhar isso com seu parceiro, melhor ainda. Talvez ele também esteja precisando, principalmente se estiver vivendo a mesma fase que você: a andropausa. Assim, vocês se estimulam juntos e vão descobrir um novo sentido para a relação afetiva e sexual de vocês.

Traga diversão e relaxamento para o sexo

Mesmo não sentindo vontade nem de pensar em sexo, você já viu que é preciso se estimular com pensamentos eróticos para que a vontade venha. Mas, além de pensar, que tal trazer coisas diferentes para a relação? Com certeza você e seu parceiro vão se surpreender.

Publicidade

Essas coisas diferentes podem ser filmes eróticos, brinquedos sexuais que vocês podem escolher juntos em lojas on-line, fantasias que nunca realizaram só por falta de tempo ou de falar sobre o assunto.

A dica aqui é abrir o jogo com seu parceiro e vocês estarem dispostos a enxergar o sexo com mais liberdade e diversão, como um momento de relaxarem juntos, mesmo que não haja penetração, pois sexo é muito mais do que isso.

Veja também: Gouinage — aprenda a praticar sexo sem penetração

Publicidade

Aposte na lubrificação vaginal

Às vezes, nem mesmo os pensamentos eróticos e os estímulos diferentes, como filmes e brinquedos sexuais, conseguem deixar a mulher lubrificada, e é normal. Mas, aí já vem aquele medo de sentir dor na penetração, e o tesão diminui.

Não deixe que a falta de lubrificação atrapalhe o seu momento de prazer. Compre lubrificantes de diferentes tipos, inclusive próprios para a vagina, e faça o teste até encontrar seu preferido. Se a falta de lubrificação for o seu problema, é muito fácil de resolver.

Mantenha sua autoestima elevada

Nessa fase da menopausa, muitas mulheres passam a se sentir feias, de saco cheio de tudo e só têm olhos para as coisas que não estão bem. Se você está assim, precisa tomar a atitude de mudar isso agora mesmo.

Publicidade

A vida está lhe colocando diante de uma situação que só você pode decidir qual rumo vai tomar. Ou você se entrega a esses sintomas desagradáveis ou pega todos eles e transforma em um momento de virada e redescoberta na sua vida.

Não deixe de cuidar da sua beleza, do seu corpo, da sua saúde física e mental. Alimente-se com equilíbrio e qualidade, pratique atividade física, tenha um hobby, durma bem, se vista para se sentir bonita e orgulhosa da sua maturidade.

Reposição hormonal

A reposição hormonal não pode ser feita por todas as mulheres. Quem vai determinar isso é o ginecologista, depois de avaliar a saúde atual e o histórico de saúde da mulher, bem como seus objetivos para o futuro.

Publicidade

Mas, se para você, esse for um tratamento possível, vale a pena tentar. Claro que todas as outras dicas anteriores continuam valendo, pois a reposição hormonal vai aumentar a quantidade dos hormônios que você não está mais produzindo, mas não vai viver a sua vida por você.

Veja também: Como fazer reposição hormonal natural 

Como fazer peixe na AirFryer

Como fazer peixe na AirFryer: receitas fáceis e irresistíveis

Luíza Brunet posa nua aos 59 anos

Luíza Brunet posa nua aos 59 anos: “me orgulho”