tatuagem em cicatriz
Crédito: Pixabay
em

Tatuagem em cicatriz: ideias para fazer e cuidados a ter

Cobrir uma marca do passado pode dar um novo sentido para ela, mas precisa escolher o profissional e o momento certos

As cicatrizes pelo corpo contam a história de vida de uma pessoa. Porém, nem sempre a pessoa deseja lembrar da história que lhe rendeu tal cicatriz, ou acha que a marca após uma cirurgia ficou muito feia. Então, uma das soluções pode ser fazer uma tatuagem em cicatriz para dar um novo sentido àquela marca e seguir em frente com uma nova – e boa – lembrança. Se está pensando em cobrir alguma cicatriz no seu corpo, veja essas ideias e inspire-se.

Veja também: tratamentos para tirar cicatriz

Inspirações para tatuagem em cima de cicatriz

Algumas vezes a cicatriz pode ser totalmente coberta pela tatuagem, chegando a ficar invisível. Em outros casos, a cicatriz faz parte do desenho da tatuagem, continuando ali à mostra, só que mais discreta.

Desenho de coração

modelo tatuagem em cicatriz coração

Essa tatuagem foi feita para cobrir as cicatrizes que ficaram depois de um acidente de moto em que a pessoa quebrou o fêmur e precisou usar um fixador externo para corrigir a fratura e cicatrizar a perna.

Tatuagem fênix

modelo tatuagem em cicatriz fenix

Nesse caso, a fênix, que representa o renascimento das cinzas, foi feita para cobrir as marcas de automutilação feitas no braço.

Tatuagem em cicatriz de apendicite

modelo tatuagem em cicatriz lagarto

Muitas pessoas precisam passar por uma operação de retirada do apêndice quando esse pequeno órgão inflama. Então, nesse caso, a ideia foi deixar a cicatriz bem camuflada atrás da pequena tatuagem.

Pássaro no braço

modelo tatuagem em cicatriz pássaro

Já nesse caso, a cicatriz não foi totalmente coberta. Ela serviu como galho para o passarinho pousar. A pessoa não queria deixar de se lembrar da causa das múltiplas cirurgias feitas no mesmo local, então apenas deu uma aparência mais bonita para a cicatriz.

Tatuagem de pena

modelo tatuagem em cicatriz pena

Essa linda pena com pássaros saindo da ponta foi feita para esconder uma cicatriz resultante de um relacionamento abusivo que fazia a vítima se lembrar se suas fraquezas.

Tatuagem em cicatriz com laço

modelo tatuagem em cicatriz laço

Na infância, essa pessoa teve um tumor ósseo no joelho. Ela resolveu tatuar um laço por cima para que fosse sua eterna atadura.

Leão

modelo tatuagem  em cicatriz leão

Para remeter à força e a superação, essa pessoa tatuou um leão com flores de lótus e azaleia depois de muitos anos sofrendo com a depressão e se mutilando por se sentir diferente.

Tatuagem de rosa

modelo tatuagem em cicatriz rosa

Essa rosa foi feita para cobrir as marcas de queimaduras feitas com cigarro pela própria pessoa enquanto vivia um período deprimido com pensamentos suicidas.

Crédito das imagens: Awebic

Cuidados a ter

Fazer tatuagem em cicatriz pode ser uma solução bem interessante, uma forma de renascimento e de autoaceitação. Mas é preciso ter cuidados antes de fazer, pois cada organismo é único e nem toda pele reage bem. Então, se tiver dúvida sobre o risco de reações alérgicas, faça o seguinte:

  • Converse com um dermatologista para saber se é possível passar tinta e agulha de tatuagem sobre o seu tipo de cicatriz.
  • A pele de uma cicatriz fica mais sensível, então, espere pelo menos 1 ano após a cicatriz para resolver tatuar por cima dela.
  • Escolha um tatuador que tenha experiência em cobrir cicatrizes para evitar que o resultado não fique como o esperado, deixando a cicatriz ainda pior.
  • Pense muito bem no desenho que quer fazer, pois assim como a cicatriz, essa marca será para sempre. Não é tão fácil remover uma tatuagem sobre uma cicatriz quanto é possível fazer em uma pele sem cicatrizes.

2 Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

pasta de grão-de-bico

Receitas de pasta de grão-de-bico: mais sabor e saúde à mesa

lipoma inflamado

Lipoma inflamado: causas e como tratar