em

AmeiAmei FofoFofo TristeTriste

Cutucar o nariz faz mal? Entenda quais são as consequências

Confira se esse hábito é capaz de influenciar em sua aparência ou na saúde do seu organismo
cutucar o nariz
Crédito: Freepik

O ato de cutucar o nariz é um problema que acomete diversas pessoas ao redor do mundo. Afinal, “tirar a meleca” é algo considerado desagradável para quem assiste a cena e não está convencionado na etiqueta social. Porém, a questão que realmente importa é: enfiar o dedo no nariz faz mal?

Cutucar o nariz faz mal ou não?

cutucar o nariz
Crédito: Sick Chirpse

Sim, cutucar o nariz faz mal. Ao mexer nessa região, você está trazendo diversos agentes prejudiciais para o seu organismo e até bactérias fecais. Isso é explicado pelo fato de o dedo estar sempre em contato com alguma coisa, o que o deixa propenso a carregar bactérias. Basta lembrar de quantas vezes você pegou no dinheiro, encostou a mão na barra do metrô ou encostou em outros objetos sujos.

Além disso, cutucar essa área também pode propiciar a aparição de sangramentos, pois existem 5 artérias que passam pela parte frontal do nariz. Existe também o plexo de Kiesselbach que consiste em um local bastante sensível, onde se encontram diversos vasos sanguíneos.

Outro maleficio de coçar o nariz é que isso pode se tornar um vício que irá atrapalhar até o seu desenvolvimento profissional. Isso transcende a parte em que diz que é falta de educação e que prejudica a imagem da pessoa. Mas é também uma questão de linguagem corporal.

Isso é dito por especialistas que afirmam que mexer no nariz durante uma conversa pode significar que a pessoa está mentindo e tenta disfarçar o rubor da região. Certamente essa não é a imagem que você deseja transmitir.

Arrancar pelos do nariz pode ser prejudicial para saúde

Deixa o nariz maior?

Essa é uma pergunta que paira sobre a mente de algumas pessoas e a resposta é: não! Certamente, coçar o nariz não o deixa maior, pois ele consiste em uma cartilagem flexível que não irá se deslocar permanentemente com o seu dedo.

Essa é uma lenda sem fundamento algum, criada por gerações passadas. Vale lembrar que se trata de um membro bem flexível que não consegue ser deslocado fixamente por conta de um dedinho.

Causas e o que fazer quando ocorrer sangramento no nariz

Como deixar de cutucar o nariz?

Colocar o dedo no nariz pode se tornar um vício muito perigoso para a sua imagem e até saúde. Como todo vício, deve-se combater o ato de cutucar o nariz. Desse modo, confira alguns métodos para deixar de mexer nessa região.

1. Confira se você possui alergias

As alergias podem causar esse ato, devido a irritação no nariz. Além disso, elas geram espirros frequentes, o que faz com que cutucar o nariz se torne um hábito muito difícil de ser controlado. Por isso, se você possui suspeitas de alergia, consulte um médico.

2. Limpe bem a área

cutucar o nariz
Crédito: Reportaje De

Ao limpar bem a área do nariz, você não sentirá mais aquela vontade incontrolável de colocar o dedo para limpar, pois não haverão resíduos em excesso para formar as “melecas”, que causam incômodo. Para isso, você poderá simplesmente assoar o nariz ou utilizar soluções salinas para limpeza interna.

Dicas para acabar com nariz entupido e respirar melhor

3. Usar luvas

Seja em dias frios ou no tédio em casa, o uso de luvas colabora muito para acabar com o vício de cutucar o nariz. Isso se deve ao fato de ser praticamente impossível de coçar a parte interna do nariz, por conta da espessura da luva que não permite a penetração do dedo. Assim, você deixará de coçar essa região por impulsos automáticos e ativará a percepção do consciente para visualizar quais são os gatilhos que impulsionam esse hábito.

4. Reações negativas

O Behaviorismo é uma corrente da Psicologia que estuda como o ser humano é moldado por impulsos externos em suas atitudes comportamentais. Embora possua críticos dentro da própria Psicologia, ele é utilizado para a correção de alguns comportamentos, principalmente em crianças.

Desse modo, sempre que você ceder à vontade de coçar o nariz e cutuca-lo, dê um tapinha leve na mão que fez isso. Repita esse processo até que comecem a surgir resultados positivos. Isso funciona como um aviso ao cérebro de que essa é uma atitude errada e que deve ser reprimida e não ser feita, para que não haja essa reação negativa novamente.

5. Recompensação

Assim como existe a abordagem negativa dos tapinhas no Behaviorismo, há também estímulos positivos para a repetição de atitudes boas. Baseado nisso, foi criado um sistema de recompensação para quando a pessoa não cutucasse o nariz. Desse modo, você poderá se presentar com um chocolatinho ou simples brindes que reforcem a atitude positiva de ceder à tentação de cutucar essa região.

Compartilhe esse artigo para uma pessoa que precisa ler sobre isso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
Ela teve 69 filhos em 76 anos e estabeleceu um recorde
migas de farinha
Como fazer migas de farinha com 3 receitas diferentes