em

Tem problemas na tireoide? Faça como a atriz Fernanda Souza, regule a sua glândula e emagreça!

Neste artigo iremos partilhar com você a história da atriz Fernanda Souza, em que ela explica como conseguiu emagrecer, regulando a sua tireoide. Saiba tudo aqui!

Nos dias de hoje, a atriz Fernanda Souza costuma partilhar fotos que mostram a sua boa forma e saúde, muitas vezes, pousando mesmo de biquíni. No entanto, quem conhece ela faz tempo, sabe que a sua aparência nem sempre foi assim. Na verdade, ela só conseguiu emagrecer depois de ter controlado sua tireoide. A atriz confessou numa entrevista que sofre da doença de hipotireoidismo e que aprendeu a controlá-la, obtendo bons resultados.

como-emagreceu-fernanda-souza

Ela contou que, por vezes, a sua doença fica um pouco desregulada e a causa se prende frequentemente com fatores emocionais. Fernanda, nessas alturas, sofre muito com retenção de líquidos, queda de cabelo, aumento de peso e as calorias não são liberadas tão facilmente por causa do atraso do metabolismo. Algumas taxas como a glicose e o colesterol, ela também conseguiu controlar, juntamente com a disfunção da tireoide. Fernanda Souza explica que, com a tireoide descompensada e o seu metabolismo travando, essas taxas também se ressentem.

  • Como funciona a tireoide?

A glândula da tireoide está posicionada na parte de baixo da zona frontal do pescoço e produz um hormônio próprio, o hormônio tireóideo, explica a endocrinologista Juliana Cavalieri. Esse hormônio tem relação direta com o metabolismo, pois aciona o desempenho da pressão arterial e o batimento cardíaco. A doutora explica que existem duas doenças associadas às disfunções da tiroide – o hipertireoidismo, aumento dos hormônios e o hipotireoidismo associado à falta deles.

Apesar de se julgar o hipotireoidismo como o responsável pela propensão a engordar, a endocrinologista informa que, por norma, o aumento de peso é na ordem dos 5 kg, nunca mais que isso.

  • Quais os sintomas?

alimentos_tireoide

Os sintomas desta desordem, além dos citados – a tendência a engordar e dificuldade em emagrecer -, pode também ser a sensação de apatia, fatiga, sono, unhas enfraquecidas, cabelos quebrados, atraso na rotina intestinal, pele seca, etc.

  • Como diagnosticar?

A herança hereditária também influencia muito os casos de problemas de tiroide, assim como em mulheres na fase da menopausa. Este problema é diagnosticado à base de análises ao sangue (TSH, T4 livre, anticorpos), para verificaram a quantidade de hormônio no sangue, e ultrassom à tiroide para detectar alguma alteração na forma, como a constituição de quistos por exemplo.

O tratamento, diz a Dr. Juliana, passa por toma de medicamentos à base de levotiroxina, que irão equilibrar a quantidade do hormônio. É possível que, com o tempo, a toma da medicação possa ser cancelada.

Apesar do hipertireoidismo não estar relacionado com o aumento do peso, pois o metabolismo acelera neste caso, acarreta complicações como alteração dos batimentos cardíacos e aumento da pressão arterial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Uma fruta australiana que pode tratar câncer. Descubra qual é!

Tem dor ciática e dores musculares? Temos uma receita natural para você!