em

Alimentação venenosa: legumes e frutas contaminados na sua mesa

Defensivos agrícolas são prejudiciais para o meio ambiente e população

A agricultura é essencial para a nossa existência, mas muitos países pouco desenvolvidos utilizam químicos para destruir produções agrícolas. Embora utilizado para combater pragas, estes acabam por destruir colheitas.

Os defensivos agrícolas, também conhecidos por agrotóxicos, movimentam 2,5 bilhões de reais anualmente, no Brasil, país que lidera a lista de consumidores de químicos. Isto significa que só neste país da América do Sul são utilizados 250 mil toneladas de agrotóxicos por ano, um número demasiado elevado e com graves consequências para o meio ambiente.

A realidade é que 8 das grandes indústrias mundiais de químicos situam-se no Brasil.

Mas porque é que a problemática afeta, maioritariamente, os países de terceiro mundo?

Os países desenvolvidos apresentam regras rigorosas no que respeita à utilização de agrotóxicos. Os Governos são pressionados pelas populações para lançarem leis rigorosas que impedem e limitam o uso destes produtos.

Mais no Brasil…

A realidade é outra. Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária um terço dos produtos hortícolas consumidos pela população contém químicos. Isto significa que além das verduras possuírem nutrientes, também possuem químicos perigosos para a saúde.

Morango e pimentão possuem níveis demasiado elevados de agrotóxicos, mas são apenas exemplos.

Na imagem abaixo pode ver os alimentos com mais produtos tóxicos:

agrotoxinas

 

Os defensivos agrícolas corrompem a natureza e tudo o que nela habita: animais, plantas, rios e acima de tudo, a saúde de quem neste planeta habita. Os químicos provocam doenças graves, como o câncer, alergias ou lúpus.

Para o Brasil, investir na agricultura biológica pode ser a solução. E será que esta alternativa nunca passou pela cabeça de quem Governa? A realidade é que para as indústrias químicas a saúde da população não tem qualquer relevância. Apenas interessa o LUCRO.

Para saber mais sobre este assunto visualize o filme “O Veneno Está na Mesa”.

O que fazer para minimizar os efeitos dos defensivos agrícolas?

A melhor solução é mesmo optar pela agricultura orgânica, pois beneficia a sua saúde e a saúde do planeta.

Quando se produz agricultura orgânica opta-se por utilizar recursos renováveis, para não poluir tanto o meio ambiente.

Estes produtos possuem mais nutrientes e não apresentam compostos químicos, preservando a nossa saúde.

Devido à baixa produção e custos elevados dos produtos orgânicos, estes ainda não chegam a todos, mas a

Infelizmente, apesar da produção crescente, os alimentos orgânicos ainda não podem estar presentes na mesa de todos, mas a Associação de Consumidores de Produtos Orgânicos do Paraná deixa-lhe algumas dicas para reduzir o impacto da agricultura convencional na sua saúde:

agrotoxico1

  1. Opte por comprar os alimentos próprios da época do ano, pois estes apresentam menos agrotóxicos.
  2. Não ingira alimentos com casca, pois é certo que esta não é produzida organicamente.
  3. Lave as frutas e legumes em água corrente durante 1 minuto.
  4. Quando se prepara para cozinhar comece por remover as folhas externas dos produtos hortícolas.
  5. Consuma diversos tipos de alimentos para evitar ingerir demasiada quantidade de um determinado componente químico.
  6. Opte pelos alimentos produzidos na sua zona, pois estes possuem níveis inferiores de agrotóxicos.

5 Comments

Leave a Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Radiação de celular causa câncer? Nunca o guarde nesse lugar!

Proteja-se de um derrame para sempre com estes 2 remédios caseiros