em

Você tem a impressão de sentir o celular vibrando ou tocando sempre?

Entenda melhor o porquê disso acontecer e como evitar problemas mais sérios no futuro

Crédito: Freepik

Já aconteceu de você ter a certeza de que o celular vibrou ou tocou e nada ter acontecido? Pois saiba que não é defeito do celular e sim um condicionamento do seu cérebro.

A mente humana tem uma capacidade absurda de processamento de informações, fazendo com que qualquer supercomputador fique no chinelo. Porém, ela também pode apresentar defeitos por causa da sua forma de programação.

Alguns hábitos e até vícios podem fazer com que ele passe a funcionar de forma diferente, apresentando múltiplas percepções da realidade. Além disso, pode dar a impressão de que algo está acontecendo, quando não está.

A razão dessa falha de percepção está no condicionamento clássico, fruto de repetidos estímulos e respostas – nem sempre bem pensados.

Sabe aquela vontade de comer pipoca no cinema, chocolate na TPM, docinho em festa ou o café depois do almoço? Assim como esses são exemplos clássicos de condicionamento, também o é quando se ouve o celular, mesmo que esteja desligado. E tem até nome! Conheça a vibração fantasma.

Vibração fantasma no celular

Confesse que você passa muitas horas do dia no celular e sempre está checando se há novidades. Além disso, não resiste ouvir seu chamado, indicando que há novas mensagens te esperando. Tem muita gente que não pode ver o celular vibrar que automaticamente corre para checar o que foi.

Isso cria uma relação de estímulo-resposta. O estímulo é a vibração ou notificação. Como resposta, você pega o celular e tem um reforço positivo: a mensagem (geralmente no grupo da família ou outro tão útil quanto). E isso acontece repetidas vezes, gerando assim um exemplo típico de condicionamento clássico, utilizado pelos chamados behavioristas.

Como ratos de laboratórios, as pessoas correm para a alavanca e clicam para receber a recompensa, sempre que vem o estímulo. Ou pior, para não receberem a punição, como um choque elétrico (no caso dos ratos) ou a reclamação de quem enviou a mensagem, dizendo que você está ignorando.

vibração fantasma
Crédito: Freepik

A comparação pode ser pesada, mas é absolutamente real e as empresas sabem disso. Elas utilizam gatilhos mentais para te prender cada vez mais aos seus produtos. E uma das consequências é a vibração fantasma.

Quando se repete um condicionamento inúmeras vezes ao dia e, de repente, o estímulo para, o cérebro não descansa e pode provocar a ilusão de que ele aconteceu. É como uma pessoa que mora em um país violento e, quando vai para um lugar mais seguro, não deixa de ter aquele cuidado triplicado ao andar com a bolsa na rua.

Então, se você está com a impressão de que seu celular está vibrando ou tocando, mesmo sem ele estar, talvez seja um sinal de que está na hora de dar uma reduzida no estímulo. Como está acostumado a ouvir a notificação e atender, recebendo a recompensa, o cérebro acaba fazendo isso automaticamente.

E é absolutamente real em sua mente, pois ele ativa a memória, igual a quando ‘ouvimos’ aquela música chiclete durante o dia. É normal, acontece com muita gente, mas deve ser motivo de atenção. Esse comportamento também pode ser acionado por ansiedade da separação, então fique atento.

Para evitar que isso continue acontecendo, que tal desativar todas as notificações do seu celular? Além disso, é fundamental que você procure sempre deixar um horário reservado para focar no trabalho ou estudo, com a internet do aparelho desconectada. Isso ajuda a focar e a descondicionar sua mente, acabando de vez com a vibração fantasma.

Tumor nas glândulas salivares

Tumor nas glândulas salivares: sintomas e tratamento

Dormir em quartos separados realmente é melhor?