tumbérgia como cuidar
Crédito: Freepik
em

Tumbérgia: conheça melhor esse gênero de plantas para ter no jardim

Se quiser atrair beija-flores para o seu jardim, essas plantas são especiais por conta das cores das suas flores

A tumbérgia não é uma só planta, mas sim, um gênero chamado Thunbergia e nativo das regiões tropicais da África, Madagascar e sul da Ásia. Você vai saber mais agora sobre as espécies Thunbergia erecta, Thunbergia grandiflora, Thunbergia alata e Thunbergia mysoriensis. Acompanhe as dicas de cultivo e como usá-las no paisagismo.

Características gerais

De modo geral, as plantas do gênero tumbérgia são trepadeiras ou lianas (que se prendem às árvores e sobem até alcançar sua copa). Por isso, na hora de cultivá-las, é interessante escolher um local onde elas possam se fixar, como cercas ou pérgolas.

Diferença da Thunbergia erecta para as demais

planta tumbérgia erecta
Crédito: Vida no Jardim

Mas no caso específico da Thunbergia erecta, ela tem esse nome justamente porque não precisa de um suporte para crescer. Ela mesma pode ser a cerca viva, sem nada para sustentá-la, e por isso está sendo muito usada no paisagismo.

Para que ela forme uma cerca bem fechadinha é indicado manter uma poda frequente, sempre que necessário, e mantê-la sob sol pleno para que suas folhas cresçam mais próximas umas das outras.

Thunbergia grandiflora

tumbérgia grandiflora cuidados
Crédito: Vida no Jardim

Já se você preferir cultivar a tumbérgia com flores grandes, deve escolher a Thunbergia grandiflora, que tem esse nome por causa do tamanho das flores que produz. Elas podem ter cores que variam entre azulado, lilás e roxo-claro, ou mesmo branco. Essa é uma planta rústica, fácil de desenvolver e cresce rápido, em vários tipos de solos.

Thunbergia alata

tumbérgia alata como cuidar
Crédito: Vida no Jardim

Essa tumbérgia tem flores menores, geralmente amareladas com centro escuro, e por se alastrar muito facilmente pode até ser considerada uma erva daninha. Mas, se quiser dar valor à ela e cultivá-la para que cresça, ela vai dar uma nova vida a treliças, cercas e até vasos, podendo se expandir para as paredes.

Thunbergia mysoriensis

planta sapatinho de judia
Crédito: Vida no Jardim

Essa é a tumbérgia popularmente chamada de “sapatinho de judia”. Por conta das suas flores que ficam penduradas, ela fica linda para decorar pérgolas e arcos, decorando com sua graciosa mescla de amarelo com bordô.

Para isso, na hora de plantar, lembre-se que ela vai crescer e ocupar um espaço para baixo, então a pérgola ou o arco devem ser mais elevados para não encostarem nas pessoas que passarem por baixo desses espaços.

Iluminação

Para cultivar da melhor forma as suas tumbérgias, é melhor deixá-las sob sol pleno, que é como elas mais gostam. Se só tiver um espaço em meia sombra para oferecer, dê preferência para Thunbergia erecta e a Thunbergia mysoriensis.

Regas

Não tem segredo para fazer a rega dessas plantas. Pode ser uma rega mais frequente enquanto elas estão no começo do crescimento. Depois, pode manter regas espaçadas, esperando que o solo fique mais seco. Se estiver em época de chuvas e a planta ficar em área externa, nem precisa se preocupar em regar.

Terra

Para plantar a tumbérgia você pode comprar uma terra pronta ou fazer uma mistura de terra vegetal com esterco ou húmus, sem complicação.

Adubação

Essas plantas são bastante apreciadas por conta das suas flores. Então, antes de começar a época da floração, elas podem receber um adubo que seja mais rico em fósforo. Se for usar NPK, escolha um 4-14-8. Para uma adubação orgânica, a farinha de osso é uma boa opção. A adubação pode ser feita de 1 a 4 vezes no ano, conforme achar necessário.

Veja também: Espirais albuca — aprenda a cultivar essa planta com cachinhos

como é feito o colorau

Você sabe como é feito o colorau?

cultivo da pervinca planta

Aprenda a cultivar a planta pervinca