abacate
em

17 tratamentos naturais e caseiros para Diabetes Tipo 2

Confira aqui os melhores ingredientes para quem tem problemas com a diabetes.

Se você é portador da diabetes tipo 2, deve saber que é possível ter uma vida saudável sem tomar muita medicação. Se você está no período de pré-diabetes, com um estilo de vida regrado e uma alimentação balanceada dá para evitar que a doença evolua.

De qualquer forma, pacientes do tipo 2 podem impulsionar o funcionamento da insulina e controlar melhor o açúcar no sangue apenas com os alimentos corretos. São remédios naturais, de fácil acesso. Basta saber quais são e quais exatamente são seus usos.

1. Maçã

maçã

Maçãs têm um índice glicêmico de 38, o que faz com que elas não subam sua taxa de açúcar no sangue. Além disso, elas desaceleram a digestão. Isso vai fazer com que você coma menos entre as refeições, o que reduz a chance de ter picos de açúcar na corrente sanguínea.

2. Abacate

É fato que a diabetes reduz o montante da chamada “boa gordura” no sangue. Especialistas sugerem que em torno de 25% da sua ingestão diária de calorias seja de gordura. Um alimento que lhe fornece essa boa gordura é o abacate. No entanto, modere no consumo. O abacate é rico em potássio, que em grandes quantidades é prejudicial.

3. Melão amargo ou melão de São Caetano

melão amargo

O melão amargo é conhecido entre os médicos por reduzir a glicose no sangue de forma tão efetiva quanto os medicamentos comuns. Ele pode ser consumido de diversas formas. Tanto o suco quando o pó seco da fruta e a própria fruta são maravilhosos para quem tem diabetes tipo 2.

4. Feijões

Feijões são excelentes opções. Eles possuem fibras e carboidratos complexos, os melhores, pois não são digeridos com facilidade. O período de longa digestão reduz os picos de açúcar no sangue.

5. Cenoura

cenoura

Estudos recentes mostram que a falta de Vitamina A no organismo tem relação com o aparecimento do diabetes tipo 2. Ingerir cenoura regularmente auxilia nisso. Além do mais, assim como a maçã, cenoura é um alimento com baixo índice glicêmico.

6. Brócolis, abobrinha e espinafre

Vegetais como brócolis, abobrinha e espinafre possuem poucos carboidratos e muita fibra. Além de as fibras desses vegetais não serem digeridas por seu organismo, eles ainda protegem as artérias e veias atingidas pela diabetes. Incluir esses alimentos na sua alimentação evita o ganho de peso, um inimigo de quem tem a doença.

7. Aveia, quinoa e pão integral

aveia

Esses tipos de alimento impulsionam a produção de insulina e o trabalho do metabolismo, além de controlar os picos de açúcar no sangue. Estudos comprovam que três a quatro porções desses alimentos por dia reduzem em 30% a chance de desenvolver diabetes tipo 2.

8. Nozes

Nozes também são ótimas para impulsionar a insulina, devido a um tipo especial ácidos graxos presente em sua composição. Consumidas sem exagero, as nozes auxiliam também no controle de peso.

9. Canela

canela

Canela, além de um ótimo tempero, é uma controladora natural dos picos de açúcar no sangue. Ela pode reduzir em até 29% a glucose no sangue em 40 dias.

10. Vinagre de maçã

Se você misturar 20 ml de vinagre de maçã em um copo com água antes das suas refeições, impulsionará a produção de insulina após a ingestão de comida.

11. Peixes magros

peixe

Peixes magros como bacalhau e solha tem uma alta taxa de proteína e uma baixa taxa de carboidratos. Eles são excelentes para quem tem diabetes tipo 2, uma vez que a alta quantidade de proteína facilita a perda de peso e controla a doença.

12. Soja não açucarada

Produtos com soja não açucarada contém isoflavonas, que altera a resistência à insulina e previne o diabetes tipo 2. Eles são ainda mais eficazes em mulheres que passaram pela menopausa.

13. Extrato de folhas de manga

extrato de manga

O extrato das folhas da manga reduzem a absorção de glucose pelo organismo. Isso faz com que haja uma considerável redução da glicose no sangue. Esse remédio natural ainda estimula o pâncreas a produzir mais insulina.

14. Groselha indiana

Apesar de não ser um produto muito conhecido no Brasil, ela é maravilhosa no combate à hiperglicemia. Essa fruta também auxilia no funcionamento dos rins e do coração.

15. Sementes de feno-grego

feno grego

As sementes de feno-grego impulsionam o controle glicêmico do seu organismo. Aliar o consumo desse produto a um tratamento regular de diabetes reduz a resistência à insulina.

16. Açafrão-da-terra

Esse saboroso tempero ajuda o corpo a se recuperar do stress oxidativo. Além disso, ele é eficaz para reduzir a glicose no sangue.

17. Framboesa e mirtilo

mirtilo

Frutas doces como framboesa e mirtilo, ao contrário do que se pensa, não aumentam os níveis de açúcar no sangue. O suco delas é que você deve evitar. Elas são ricas em antioxidantes, responsáveis por auxiliar na produção de insulina.

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. E para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

pets idosos alzheimer

Filhotes para adoção ajudam idosos com Alzheimer e demência

10 destinos turísticos incríveis e pouco conhecidos no Brasil