em

Como saber se você tem sexto sentido

Se você acredita em sexto sentido, veja aqui como desenvolvê-lo ainda mais
sexto sentido
Crédito: Freepik

Alguns acreditam em sexto sentido, outros dizem ser somente reações trazidas do subconsciente da pessoa. Qual é a sua opinião?

O sexto sentido é definido como uma complementação aos outros cinco: visão, olfato, paladar, tato e audição. Com ele, podemos ter uma maior percepção das coisas que acontecem. Porém essa percepção não é física, ligada a nervos tangíveis e facilmente identificada através de exames, ela é mais sutil, gerando assim muita controvérsia.

Tudo o que existe é energia, inclusive o corpo humano, com suas células, moléculas, átomos e energia. Estamos todos interconectados e coexistimos em um oceano de energia que se relaciona o tempo todo.

Então, como negar a existência de uma consciência maior, coletiva? É dessa fonte de conhecimento que a intuição é proveniente, sendo percebida como uma voz suave, imagens ou sentimentos.

O sexto sentido existe mesmo?

Para quem não acredita em sexto sentido ou intuição, a argumentação baseia-se na falta de comprovação com base em métodos científicos – aqueles controlados, com amostragem e dados coletados. Tudo o que se discute em torno dele é empírico, ou seja, advém da experiência de diversas pessoas, ao longo do tempo.

Assim, procura-se uma forma de desacreditar o que não é 100% comprovado cientificamente, mesmo que faça sentido. Além disso, afirmam que o sexto sentido pode ser uma interpretação da sua mente objetiva, no que se passa na mente subjetiva (aquela mais escondida nas gavetas da memória de longo prazo). Portanto, ele seria apenas reflexo de desejos e experiências anteriores.

E o que dizer com as pessoas que conseguem perceber o que está para acontecer? Isso não se encaixa nas definições anteriores. E aquele aperto no peito da mãe quando seu filho está em perigo, mesmo sem ela ter a menor consciência disso?

Dessa forma, por mais que a ciência ainda não explique, o sexto sentido, ou que também se costuma chamar de intuição, pode sim existir.

E o sexto sentido feminino?

sexto sentido feminino existe
Crédito: Freepik

Muito se fala sobre o a intuição feminina, mas se todos são iguais, independente se tem útero ou não, se tudo é energia, qual seria a diferença entre masculino e feminino?

A questão da intuição feminina está ligada ao conceito social aprendido sobre ela. A sociedade ocidental, por muitos séculos, insistiu que os meninos não demonstrassem sentimentos, deixando o lado sentimental quase que como uma obrigação da mulher.

Dessa forma, a ideia de intuição ficou limitada às curandeiras, às bruxas e às mães. A sensibilidade ao coletivo foi reduzida, deixando o masculino limitado ao ego, o que felizmente está em processo de mudança de algumas décadas para cá.

Homens e mulheres choram, amam, são fortes e caem. São todos energia e todos podem acessar a consciência coletiva e ouvir a voz universal, sua intuição.

Como saber se tenho?

Alguma vez você já desistiu, do nada, de algum evento, viagem ou passeio? E quando, só de bater o olho, você já sentiu que alguém era confiável ou não? Lembra de alguma dessas sensações?

E quando você tinha algo dentro de você que dizia para não ir a algum lugar e, ao chegar lá, realmente acontece algo desagradável?

Pense também em todas as vezes que várias coisas deram errado antes de você conseguir fazer ou chegar em um compromisso e, quando chegou lá, ele já não ia mais acontecer e você não tinha sido avisado. A intuição, às vezes, significa interpretar os sinais que aparecem no cotidiano, dando sentindo a tudo.

Como desenvolver o meu?

1. Pratique a presença absoluta

Você está presente de verdade em tudo o que faz ou almoça olhando as redes sociais, sem nem sentir o gosto do alimento? Está sempre dividindo sua atenção entre duas coisas ou mais?

Estar presente é mergulhar no que está fazendo. É largar o celular para conversar com alguém cara a cara. É sentir o sabor do alimento, o cheiro do ambiente, a temperatura na pele.

Para praticar esse estado de presença absoluta, que te deixa despertar para a sensibilidade da vida, você pode experimentar a meditação, através de qualquer uma de suas diversas técnicas. Saiba mais no vídeo:

2. Confie no que seu coração diz

Ouça a sua intuição mais vezes! Quanto mais você prestar atenção e ouvir, mais forte e fácil de identifica-la vai ficar. Dessa forma, tente seguir o seu coração mais vezes, desde que não venha a trazer problemas.

Às vezes se imagina que o sexto sentido serve somente para coisas complexas, mas ele pode te ajudar até nas pequenas coisas do dia a dia.

3. Atenção aos chamados

Sabe aquela ideia meio doida que aparece do nada e que pode até fazer algum sentido? É a sua intuição te mostrando alguma coisa que você deveria ver.

Preste atenção aos chamados repentinos da sua mente e torne sua vida mais simples e criativa.

4. Atenção aos (pré) conceitos

Será que fulano realmente não é confiável ou ele estava simplesmente se vestindo de forma que refletia algum conceito já criado em sua mente?

Será que fazer essa viagem pode realmente ser arriscado ou é a sua mente tentando se manter na zona de conforto? E aquela oportunidade de trabalho, o coração está apertado por causa da intuição ou por causa de seu sistema de crenças e necessidade de estabilidade, além do medo de arriscar?

Pare, respire, tente limpar a mente dos conceitos pré-estabelecidos e vá mais fundo na análise, antes de tomar alguma decisão com base na sua intuição.

5. Treine sua mente para criar coisas novas

Se desafie, visualize coisas fora do padrão. Analise imagens e textos sob novas perspectivas, buscando pensar sob óticas diferentes.

Veja um quadro e imagine como uma criança, um adolescente ou um idoso podem compreender aquelas imagens. Faça o mesmo com textos e fábulas. Mude os enfoques para pessoas mais conservadoras ou liberais, artistas ou empresários e quaisquer outros rótulos que pareçam contrastar.

Faça essa mudança naquelas atitudes que você já toma automaticamente. Mude o jeito de fazer as coisas para dar espaço a novos acontecimentos.

Esteja com a mente e o coração abertos para o novo e sempre ouça e processe o que eles querem te dizer..

Redigido por Angela Oliveira

Mãe de três, esposa em treinamento há mais de duas décadas, nerd assumida e karateca por paixão. Ama escrever e procura sempre as melhores informações para compartilhar e deixar seu dia a dia mais leve, simples e gostoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários

comentários

a falta de amor é a maior de todas as pobrezas
A falta de amor é a maior de todas as pobrezas
limpar maquina de lavar
Como limpar máquina de lavar e mantê-la impecável