sequelas da covid
Crédito: Freepik
em

Sequelas da covid-19: ser considerado curado não é um alívio

Muitas pessoas que se curaram da doença podem levar sequelas que vão comprometer sua qualidade de vida para sempre

Publicidade

As informações que você vai ver a seguir são baseadas em diversos estudos que ainda estão em andamento sobre as sequelas da covid-19. A intenção é alertar especialmente aos que pensam que, depois de se recuperar do coronavírus, todos os pacientes voltam a ter uma vida normal. Infelizmente, não é isso que acontece em boa parte dos casos.

Mesmo os pacientes que não tinham histórico de doença antes da covid-19, acabam desenvolvendo problemas decorrentes da infecção. Como é uma doença nova, não se sabe se essas pessoas vão se curar ou se terão sequelas por toda a vida.

De acordo com o pneumologista Gustavo Prado, do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, para a Veja Saúde, “podemos dizer que saímos da urgência para um quadro com características crônicas, que pede cuidados prolongados de uma equipe multidisciplinar”.

Inflamação pulmonar

O pulmão é o órgão mais afetado durante e depois da infecção por coronavírus. Mesmo depois que o paciente é considerado curado, a inflamação pulmonar pode continuar por semanas, o que tem o risco de comprometer o funcionamento do órgão, levando a outros problemas de saúde.

Publicidade

Insuficiência respiratória

Em muitos casos, as sequelas são as fibroses, que são como cicatrizes deixadas nos pulmões quando o vírus causa uma inflamação intensa. Como resultado, a insuficiência respiratória pode ser crônica. A pessoa pode sentir um pouco de cansaço, redução da resistência na prática de atividades físicas ou apresentar alterações em exames. Vai depender de cada caso.

Necessidade permanente de oxigênio

As pessoas que são afetadas de forma mais agressiva pelo coronavírus podem ainda precisar de fisioterapia. De acordo com Ludhmilla Hajjar, cardiologista e professora da Universidade de São Paulo (USP), é possível que 10 a 20% dos entubados evoluam com necessidade permanente de oxigênio.

Fraqueza muscular

Para os pacientes que ficaram semanas entubados, sem poderem falar nem se mexer, a fraqueza muscular é uma das sequelas deixadas, pois o corpo fica fraco e os músculos vão atrofiando a cada dia sem movimentar. Muitos pacientes considerados curados enfrentam um longo período de treinamento para reabilitar funções simples, como andar e comer.

Publicidade

Danos neurológicos

Os danos neurológicos são parte das sequelas deixadas nos pacientes que enfrentam longos períodos de UTI, não apenas por causa da covid-19, mas inclusive por essa doença. Dificuldade de concentração, mudanças no humor e no apetite, ansiedade, depressão, problemas de memória e de raciocínio são alguns exemplos que podem perdurar por anos.

“Nos estudos já publicados sobre o assunto, até um terço dos pacientes mais graves demonstra algum grau de comprometimento mesmo depois de um mês em casa. Não sabemos se isso irá se resolver no caso da covid-19, mas outras doenças que atrapalham a oxigenação do cérebro podem deixar danos cerebrais permanentes”, aponta Gisele Sampaio, neurologista da Academia Brasileira de Neurologia.

Danos aos rins e coração

Os danos nesses órgãos podem ser causados pela gravidade da inflamação causada pelo coronavírus ou pela intensidade do tratamento com muitas medicações. Em pacientes com algum transtorno cardiovascular pré-existente, é grande o risco de sofrer insuficiência cardíaca.

Publicidade

Já no caso dos problemas renais, 40% dos pacientes que vão para a UTI sofrem com insuficiência renal e necessitam de hemodiálise para limpar o sangue, desde quando ainda estão internados até uns 3 meses depois.

Veja também: é preciso tomar suplementos por causa da covid-19?

planta espada-de-são-jorge dicas para cuidar

Como cultivar planta espada-de-são-jorge em casa

dicas de cuidado samambaia havaiana

Samambaia havaiana: aprenda a cultivar essa planta na versão mini