em

Queime a madeira para protegê-la: é a técnica que os japoneses nos ensinam através do Shou Sugi Ban !

“Shou Sugi Ba” pode ser traduzido como placa de cedro queimada. Esta é uma técnica milenar de origem japonesa que pretende preservar a madeira. Saiba tudo neste artigo!

Consta-se que, desde 1700, que os japoneses usam a técnica de Shou Sugi Ba para preservar a madeira. Trata-se de um método em que se queima literalmente a madeira, a fim de mantê-la intacta durante pelo menos cem anos.

A técnica

Neste processo, a superfície da madeira é incendiada com a ajuda de um maçarico. Depois, pode ser deixada assim (queimada) ou então, escova-se, lava-se e aplica-se um óleo de cedro ou mogno. Após colocar o óleo, passa-se, de novo, o fogo. Passar o maçarico no final, vai permitir que o óleo chegue às partes mais fundas da madeira, assegurando uma conservação plena.

A verdade é que a resistência da madeira ficará assegurada com recurso a esta técnica. Desta forma, a madeira torna-se mais resistente a ameaças, não apodrece, não é atacada por insetos ou bichinhos, como os cupins, e resiste aos raios solares e ao fogo.

Dicas e recomendações importantes

Contudo, apesar de parecer fácil, este processo deve ser feito com ajuda de profissionais, pois qualquer vacilada, na hora de passar o maçarico no fogo, pode causar acidentes como incendiar o óleo.

Se a bricolagem é o seu passatempo e pretende colocar o Shou Sugi Ba em prática, recomendamos que, em vez de foguear o óleo, deite-o numa panela e aqueça-o um pouco, aplicando-o com um pincel na madeira. Além disso, se mesmo sem qualquer experiência, pretende fazer este tratamento na madeira, use um secador em vez do maçarico. Se for aprendiz é mais seguro assim.

Curiosidades

Para seu conhecimento, as casas dos pescadores da ilha Naoshima, no Japão, foram feitas com recurso a este tipo de madeira, uma vez que estão muito expostas a agressões ambientais, como o sal do mar.

Saiba ainda que esta técnica apareceu mesmo no sentido de ser aplicada em casas de praia e, inicialmente, o Shou Sugi Ba foi lançado com muito sucesso, mas teve um declínio derivado ao aparecimento de outros materiais como o plástico, o alumínio e o betão. Porém, recentemente, a técnica foi relançada pelo arquiteto japonês Terunobu Fujimori, sendo que esta madeira tem sido catalogada como material vanguardista.

As casinhas dos pescadores de Naoshima despertam, realmente, a curiosidade de todo o mundo. Têm sido a fonte de inspiração de muitos designers, decoradores e arquitetos internacionais que usam a madeira queimada em lojas, casas ou móveis.

Na verdade, o Shou Sugi Ba tem um uso muito amplo, pois pode servir para uso interno ou externo. Trata-se de uma madeira ecológica, onde não são usados produtos químicos. Quem trabalha com ela, tem em seu poder uma matéria-prima de excelência, já que até é possível aplicá-la em construções de luxo e em obras artísticas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

Aqui está uma maneira fácil de acabar com a infeção no ouvido de seu cachorro

5 truques para tornar a sua pele íntima mais clara e hidratada! Saiba quais são…