em

Papa Francisco reconhece milagre de padre mineiro e aprova sua beatificação

A beatificação é um título dado pela Igreja Católica a alguém que já faleceu e teve pelo menos um milagre comprovado e reconhecido
Papa Francisco reconhece milagre de padre mineiro
Crédito: Wikimedia Commons

O papa Francisco é muito amado e popular entre os brasileiros. E agora sua popularidade nas terras brasileiras vai ficar ainda maior, isso porque o papa Francisco reconheceu o milagre do padre mineiro Donizetti Tavares. Isso significa que o Brasil terá mais um na lista dos beatificados, que continha treze nomes. A irmã Dulce é a beata mais famosa da lista, conhecida popularmente como “anjo bom da Bahia”.

Conheça a história

A beatificação é um título dado pela Igreja Católica a alguém que já faleceu e teve pelo menos um milagre comprovado e reconhecido. Depois de se tornar beato, a pessoa se torna elegível para a Igreja para ser canonizada a se tornar um santo, mas para isso precisa ter um novo milagre reconhecido.

O padre mineiro Donizetti Tavares de Lima teve sua beatificação aprovada pelo papa Francisco, que reconheceu seus milagres. O anúncio da beatificação saiu no dia 8 de abril de 2019.

A autorização para a beatificação do padre mineiro ocorreu depois de uma reunião entre o papa Francisco e o cardeal Angelo Beccio. O cardeal é prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, que é o órgão responsável em analisar e estudar os processos relativos às realizações de milagres, e assim tornar a beatificação de alguém possível. Outras cinco pessoas também tiveram seus milagres reconhecidos pelo papa durante o encontro, se tornando também beatificados.

Papa Francisco reconhece milagre de padre mineiro imagem
Crédito: TV Minas

Donizetti nasceu na cidade de Santa Rita de Cássia, no estado de Minas Gerais, no dia 3 de janeiro de 1882. Ele faleceu em 1961, aos 79 anos, em Tambaú, cidade no interior do estado de São Paulo, onde exerceu seu trabalho como pároco durante grande parte de sua vida.

Devoto de Nossa Senhora Aparecida, padre Donizetti se tornou pároco em 1909 e sempre trabalhou a favor dos mais pobres e necessitados. Oferecendo assistência a idosos, crianças, mães e a doentes.

Veja também: adolescente é flagrado furtando comida e dono da mercearia o surpreende

O primeiro milagre do padre mineiro, segundo fiéis, foi curar as feridas das pernas de um vendedor ambulante. O milagre ganhou notoriedade rapidamente, o que atraiu milhares de pessoas ao interior de São Paulo em busca de milagres. A cidade chegou a receber 40 mil romeiros por dia que estavam atrás do padre.

Os milagres atribuídos ao padre Donizetti que foram analisados e reconhecidos pela Igreja Católica são dois. O primeiro refere-se a um menino de 9 anos, que foi diagnosticado com osteossarcoma e faleceu na véspera do Natal. E o outro a um menino de 1 ano de idade que tinha microcefalia, mas foi curado pelo padre sem explicações médicas.

cainca
Cainca: erva medicinal que previne e combate problemas de saúde
alimentos que engordam
Alimentos que engordam (e muito): 10 exemplos para evitar