Palo santo
Crédito: Freepik

Palo santo: Benefícios e propriedades desse incenso natural

Veja como usar o palo santo para renovar as energias da sua casa e do seu corpo

Publicidade

Se você gosta de acender incensos pela casa para aproveitar os benefícios dos aromas, talvez já conheça o palo santo. Mas, sabe de onde ele vem e quais os benefícios que esse aroma natural pode trazer à sua vida? Descubra tudo agora!

7 incensos para limpar as energias da casa

A origem do palo santo

O palo santo é um incenso natural extraído da árvore selvagem Bursera graveolens, nativa da Península de Yucatán, Peru e Venezuela.

Essa árvore passa por todo o seu processo natural de vida e morte para depois virar o incenso. São mais de 80 anos de espera até que a árvore morra, tombe e seu tronco fique mais uns 10 anos maturando e produzindo a resina do incenso.

Propriedades e benefícios do palo santo

Esse incenso é um dos preferidos por quem faz questão de manter seus chakras equilibrados, as energias positivas e a harmonia da aura. Seu aroma no ambiente elimina as cargas negativas e traz leveza.

Publicidade

O palo santo vai agir no ambiente onde estiver aceso, melhorando o astral das pessoas que estiverem no local e limpando as energias pesadas do próprio ambiente.

O efeito do palo santo não é apenas crença, pois as propriedades dessa resina atuam fisicamente no corpo.

A resina contém Limoneno – uma substância que estimula a criatividade, ao mesmo tempo em que alivia a ansiedade. Nos ambientes, atua como desinfetante atmosférico, limpando as energias negativas.

Publicidade

Outro composto é o Terpineol, que funciona como tônico, fungicida e bactericida, purificando os ambientes e trazendo o equilíbrio.

Tem também o Menthofuran, que tem propriedades anticongestionante e antiviral. Ajuda nos momentos de concentração, seja para trabalhar ou praticar ioga, por exemplo, pois estimula a reflexão e atitudes conscientes.

Aproveite e veja: Incensos podem ajudar os alunos na hora do estudo?

Publicidade

Como usar palo santo?

Quando você for comprar o palo santo em uma loja especializada, poderá encontrá-lo em três formas: bastão (que são lascas extraídas diretamente do tronco da árvore), já moído na forma de serragem ou de um pó fino, e na forma de óleo essencial.

A forma mais comum é em bastão e o jeito de acender é o mesmo de qualquer incenso: escolha uma das pontas para acender sempre o mesmo lado (o incenso pode ser apagado e usado outras vezes).

  1. Posicione a chama sobre a ponta do bastão e mantenha até o fogo se formar no bastão.
  2. Dê uma balançada no bastão para a chama apagar e o bastão emanar apenas a fumaça.
  3. Comece espalhando a fumaça pelo seu campo áurico, na altura de cada um dos 7 Chakras, para equilibrá-los.
  4. Em seguida, espalhe a fumaça pelo ambiente, pode deixar por alguns minutos em cada ambiente.
  5. Por fim, abra as janelas para que a fumaça saia levando consigo todas as energias negativas.
  6. Apague o palo santo e guarde em um local protegido, para preservar as propriedades.

Cuidados

Se não se sentir bem depois de inalar a fumaça do palo santo, interrompa o uso. Não deve ser usado em excesso, nem inalar muita fumaça. Mantenha o ambiente sempre ventilado para a fumaça sair.

Publicidade

Na hora de comprar, procure o produto original, de fornecedores que trabalhem com distribuidores autorizados pelo governo peruano a fazer a retirada desta madeira da natureza.

Além de proteger o meio ambiente e evitar a extinção dessa árvore, você garante que está usando o produto verdadeiro para obter suas propriedades.

Veja também: Como fazer incenso natural em casa e aproveitar seus benefícios

Publicidade

PODE GOSTAR TAMBÉM

juçara

Coquinhos de juçara: benefícios à saúde e diferenças para o açaí

curling

Curling: conheça um dos esportes mais curiosos das Olimpíadas de Inverno