oração contemplativa
Crédito: Michael Keuss/Unsplash
em

O que é e como fazer uma oração contemplativa?

A oração contemplativa é uma das muitas maneiras de se conectar com o Deus.

Você já leu um livro antigo e conseguiu se imaginar nos cenários descritos? Fechou os olhos e tentou vivenciar o que os personagens viveram? Se perguntou o que faria naquela situação? Pois é assim que a oração contemplativa funciona. Basta reservar alguns minutos no dia para se conectar com Deus e abrir o coração para Jesus conhecer aquilo que você pensa no mais sagrado do seu íntimo.

O que é oração contemplativa

A oração de contemplação se baseia em uma experiência mística e espiritual de conexão com o Senhor. Costuma-se dizer que o cristão enxerga Deus e Jesus Cristo com os olhos do coração e consegue desfrutar de momentos de intimidade com Eles graças a uma percepção diferenciada.

A palavra de Deus é o que guia a vida dos fiéis e a base das religiões cristãs. Na oração contemplativa, o fiel deixa de lado a palavra e se baseia em uma experiência mais íntima e próxima, na sua própria interpretação da Palavra e de suas reflexões.

Polêmica e controvérsia

É algo recente, que vem sendo praticado desde a década de 1990, principalmente pelas religiões que fazem parte da Renovação Carismática, e levanta controvérsias. Enquanto os adeptos acreditam na visão de espiritualidade aberta, os mais tradicionais afirmam que a oração contemplativa vai contra o cristianismo bíblico e é somente um exercício de meditação.

Segundo eles, essa oração não tem sustento bíblico e vai totalmente contra a definição bíblica de oração. Essa definição seria uma comunicação compreensível e clara e não o que chamam de meditação mística e esotérica. Para isso, apontam Filipenses 4:6:

“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças”

Também citam João 16:23-24:

“E naquele dia nada me perguntareis. Na verdade, na verdade vos digo que tudo quanto pedirdes a meu Pai, em meu nome, ele vo-lo há de dar. Até agora nada pedistes em meu nome; pedi, e recebereis, para que o vosso gozo se cumpra”.

Os adeptos da oração contemplativa, no entanto, acreditam na ideia de espiritualidade aberta e afirmam que a própria Bíblia registra exemplos de pessoas que praticavam esse tipo de oração. Moisés, por exemplo, contemplava a glória divina de tal forma que “a pele de seu rosto resplandecia” e os filhos de Israel “temeram chegar-se a ele”.

Como base da oração contemplativa, apontam 2 Coríntios 4.6:

“Porque Deus, que disse: Das trevas resplandecerá a luz, ele mesmo resplandeceu em nosso coração, para iluminação do conhecimento da glória de Deus, na face de Cristo”

Como fazer a oração contemplativa

Pode-se dizer que a oração contemplativa é aquela que vem do coração, e o Papa Francisco ensina que a contemplação diária de passagens e histórias do Evangelho ajuda na conexão com o Senhor. Ao imaginar as situações descritas na Bíblia sagrada fica mais fácil refletir e alcançar a verdadeira compreensão da palavra. Segundo o Papa, a oração de contemplação nos ajuda a ter esperança.

Uma dica é construir um espaço de orações em sua casa, o que pode lhe ajudar a se conectar ainda mais com Deus.

Veja no vídeo abaixo uma explicação contundente sobre a importância da oração contemplativa:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

incluir verde na alimentação

10 maneiras de incluir verde na alimentação e nas receitas

como cozinhar sem medo feijao sem panela de pressao

Aprenda a cozinhar feijão sem panela de pressão e sem medo!