em

Benefícios do óleo de moringa para saúde e beleza

O óleo de moringa é rico em vitaminas, sais minerais e antioxidantes ótimos para pele e cabelo.
oleo de moringa
Crédito: Dicas de Beleza

Se você nunca ouviu falar no óleo de moringa, prepare-se para torná-lo seu melhor amigo! Extraído da semente da planta de mesmo nome, que também é conhecida como acácia-branca, moringueiro e cedro, o produto tem propriedades cosméticas excelentes para pele e cabelo.

Benefícios do óleo de moringa

A moringa é uma planta rica em vitaminas A, C, E, betacaroteno e sais minerais, principalmente cromo, cobre, fósforo, ferro, magnésio, manganês, potássio, selênio e zinco. Também possui vitaminas do complexo B, em especial tiamina, riboflavina e niacina.

A título de comparação, possui sete vez mais vitamina C que a laranja, quatro vezes mais vitamina A que a cenoura e três vezes mais potássio que a banana. Para os veganos, é uma ótima fonte de proteína vegetal, cálcio e ferro, com quantidades maiores desses nutrientes do que os alimentos de origem animal.

Comparado ao óleo de argan, é mais rico em nutrientes do que este. Veja quais são seus benefícios para a saúde e a beleza.

1. Hidrata e protege os fios

Com ácidos graxos na composição, principalmente ômega 6 e ômega 9, o óleo de moringa é uma ótima opção para hidratar cabelos de todos os tipos, mas principalmente aqueles danificados por tratamentos químicos e agentes externos.

A aplicação nos fios garante uma camada protetora e agrega nutrientes perdidos, como proteínas e vitaminas. O resultado é um cabelo mais macio, saudável e brilhante!

2. Restaura a fibra capilar

Diariamente o cabelo é exposto a sol, água quente, vento, poluição, aparelhos como chapinha e secador, além de progressivas, relaxamentos, tinturas e outras químicas que vão detonando a fibra capilar.

O óleo de moringa repõe os nutrientes e tem fácil absorção tanto pela pele quanto pelo cabelo. Isso permite a recuperação dentro de poucos dias de uso e deixa o cabelo mais forte e maleável.

Aliás, fica a dica: se for fazer coloração, seja desde a raiz ou só nas pontas, aplique o óleo antes para que a tintura seja melhor absorvida e seu cabelo fique protegido.

3. Combate a caspa e o frizz

A hidratação do couro cabeludo combate a caspa e seborreia, enquanto o uso do óleo como finalizador no cabelo seco ou molhado evita aqueles fiozinhos rebeldes irritantes.

4. Combate o envelhecimento precoce

A presença de vitamina E e dos antioxidantes retarda o envelhecimento tanto dos fios quanto da pele. Isso significa cabelos mais saudáveis e viçosos, além de uma pele com menos marcas de expressão e rugas.

5. Tem propriedades anti-inflamatórias e antisséptico

Para sua pele, isso significa que o óleo de moringa trata pequenos cortes, feridas, assaduras e picadas de inseto, além de combater a acne e diminuir a inflamação das espinhas.

6. Combate a micose

Com propriedade antifúngica, o óleo pode ser aplicado entre os dedos do pé para evitar problemas com micose.

Como fazer óleo de moringa

Para fazer o óleo de moringa em casa você vai precisar de muitas sementes maduras da planta (de preferência, mais de um quilo), um pouco de água, uma prensa e uma panela. Veja o passo a passo.

1. Triture as sementes com a ajuda de algo pesado para extrair o óleo.

2. Coloque as sementes em uma panela com um pouco de água e cozinhe em fogo baixo por 15 minutos, mexendo para não queimar.

3. Retire do fogo, deixe esfriar e use um pano para filtrar.

4. Deixe descansar por até 10 horas.

5. Filtre o óleo, que deve estar separado da água, e coloque em um recipiente de vidro com tampa.

6. Guarde em lugar escuro e fresco.

Como usar

Se o óleo de moringa for usado como finalizador, basta aplicar algumas gotas no comprimento dos fios secos ou molhados. Não aplique na raiz, pois pode deixar o cabelo oleoso e com aspecto de sujo.

Na umectação e hidratação capilar pode aplicar da raiz às pontas, mas não exagere na quantidade. Massageie o couro cabeludo, deixe agir por alguns minutos e enxague normalmente.

Para a pele, o recomendado é aplicar com os dedos, fazendo movimentos circulares, para melhor absorção.

Contraindicações e cuidados

O uso excessivo de óleo de moringa pode deixar a pele e o cabelo oleoso, além de provocar efeito rebote, ou seja, piorar o problema ao invés de tratar. Quem sofre com oleosidade excessiva deve procurar outros tratamentos cosméticos.

Apesar de muitas pessoas afirmarem que o óleo tem propriedades medicinais e pode prevenir doenças, como problemas cardíacos e até câncer, não há evidências cientificas que comprovem isso.

No entanto, você pode aplicar um pouco de óleo de moringa sobre regiões afetadas pela dor muscular ou nas articulações. As propriedades anti-inflamatórias do produto vão ajudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários

comentários

alimentos que causam enxaqueca
7 Alimentos que causam enxaqueca e outras causas
suco de beterraba
6 Receitas de suco de beterraba deliciosas e simples