Mulher mandava mensagens para celular do pai falecido e descobre que quem lia era um pai que perdeu a filha há anos
Crédito: Reprodução
em

Mulher mandava mensagens para celular do pai falecido e descobriu que quem lia era um pai que perdeu a filha há anos

Conheça essa incrível história que só pode ter uma ajudinha dos céus

Publicidade

Olha que coincidência: ela mandou mensagens para o telefone do pai que tinha falecido por 4 anos, sem nunca ter resposta. Em sua última mensagem, descobriu que alguém estava recebendo e lendo o que ela mandava! Era um pai que tinha perdido a filha em um acidente de carro no mesmo ano em que ela perdeu o próprio pai. Uma daquelas histórias fantásticas da vida.

De filha para pai

Chastity Patterson mandou uma mensagem por dia, durante anos, para o celular do seu falecido pai, como uma forma de lidar com o luto. Ela contava como foi o dia, o que ia fazer e, de vez em quando, desabafava também. No dia em que completava 4 anos que seu pai havia falecido, ela recebeu uma mensagem de volta.

Publicidade

Ela começa dizendo que o próximo dia será difícil, pois é o dia em que completa 4 anos que ele faleceu e não se passou um dia sem que ela sentisse falta. Ela disse que muitas coisas aconteceram: ela venceu um câncer, se graduou com honras, se apaixonou e teve o coração partido e se tornou uma mulher forte.

Disse também que perdeu amigos e encontrou novos, que a levantaram quando ela precisou. Além disso, continua deixando a mãe doidinha de vez em quando, mas elas estão unidas. Ela sente não ter estado lá quando ele mais precisou e que tem medo de casar e não estar em seus braços quando chegar no altar.

Publicidade

Bom… O que ela não esperava é que, dessa vez, receberia uma resposta. Brad acordava todos os dias e lia as mensagens de Chastity, isso o ajudava a continuar a vida. No mesmo ano em que ela começou a escrever as mensagens para o pai (sem saber que estavam indo para o celular errado), ele perdeu sua filha em um terrível acidente de carro. Olha o que ele respondeu:

“Olá, querida, eu não sou seu pai, mas tenho recebido todas as suas mensagens nos últimos quatro anos. Aguardo suas mensagens matinais e suas atualizações noturnas. Meu nome é Brad e perdi minha filha em um acidente de carro e suas mensagens me mantiveram vivo. Quando você me envia uma mensagem, sei que é uma mensagem de Deus”.

E ele complementa: “ouvi você ao longo dos anos e vi você crescer e passar por mais do que qualquer um. Eu queria mandar uma mensagem de texto para você há anos, mas não queria partir seu coração. Você é uma mulher extraordinária e eu gostaria que minha filha se tornasse a mulher que você é”.

Publicidade

Emocionada, ela respondeu e compartilhou no Facebook a conversa que os aproximou. Uma filha que perdeu o pai e um pai que perdeu a filha, juntos, lidando com o luto de forma lindamente inimaginável. Provavelmente Brad está certo, tem sim uma influência superior nisso tudo, concorda?

Gari que passa maquiagem é criticada na rua e dá resposta

Gari que passa maquiagem é criticada na rua e dá resposta

receitas de canelone com massa de pastel

Como fazer canelone com massa de pastel e diferentes recheios