em

AmeiAmei TristeTriste

Não se deixe enganar! Aprenda a identificar o mel falso que vendem por aí

Com essas 5 dicas, aprenda a nunca mais comprar mel falso

O mel é um alimento muito utilizado na nossa cultura, tanto pelas suas propriedades culinárias, como terapêuticas. Excelente adoçante natural e também com efeitos medicinais, sua valorização no mercado tem feito com que produtos falsificados e modificados aparecessem por aí. Para você não cair no conto do vigário e comprar gato por lebre, hoje você vai aprender como ver a diferença entre um mel verdadeiro e um mel falso.

Cada vez mais encontra-se mel falso para vender. Aprenda a identificar a diferença entre um produto natural e uma contrafação!

Fornece energia, purifica o organismo, previne doenças, hidrata a pele e atua como um poderoso estimulante do sistema digestivo. Essas são algumas das propriedades medicinais do mel, que também é um excelente adoçante que compõe receitas deliciosas.

Um mel verdadeiro não é barato, portanto, desconfie de produtos muito baratos. Se já fez a compra, realize alguns dos testes abaixo e confira se o seu mel é verdadeiro ou falso.

  1. O mel verdadeiro é mais grosso e consistente que o mel falso

Pegue um palito de dente ou de picolé. Enfie no pote de mel e retire em seguida. Se o mel escorrer sem parar, formando um fio ininterrupto, o mel é puro e verdadeiro. Se cair um pouco e parar, pode ter certeza, você comprou mel falso.

3408C93A00000578-3584336-image-m-10_1462955835472

  1. Teste da folha de papel

Pegue uma folha de papel ofício, de escritório ou caderno e pingue algumas gotas do mel que quer testar. Espere uns poucos minutos, se o mel for absorvido pelo papel, ele é falso, pois utilizaram água para fazer render a quantidade. Se não absorver, é mel verdadeiro.

  1. Teste do copo d’água.

Coloque uma colher de chá de mel em um copo de água. Se o mel for falsificado ou modificado, ele irá se dissolver na água, formando quase uma mistura, pois contém água na sua composição. Mas se o mel for de qualidade, verdadeiro, ele formará um coágulo, não irá se dissolver e cairá para o fundo do copo.

4.Observe a cristalização

Após alguns meses na prateleira, o mel verdadeiro se cristaliza, devido a sua concentração de açúcar natural. Se após alguns meses o seu mel continua líquido, infelizmente, você foi enganado e comprou mel falso.

  1. Teste do álcool

Em uma vasilha, coloque (sem mexer) 1 colher de sopa do mel que você quer testar com 3 colheres de sopa de álcool etílico 100%. Ponha essa vasilha em banho-maria e quando estiver quente, misture com uma colher. Se for verdadeiro, o mel irá se misturar com o álcool, se for falso, você verá uma mancha branca no fundo da vasilha.

Aqueça esse recipiente em banho-maria. Quando estiver aquecido, mexa a mistura. Mel de verdade vai dissolver enquanto o falso vai deixar uma mancha branca no fundo do copo.

8 Comments Leave a Reply
  1. O que uso eu e meu irmão tiramos lá no mato, silvestre de abelhas selvagens. Pena que está cada vez mais difícil de achar as colméias, sem contar as várias picadas que levamos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
Não se deixe enganar! Óleo de canola não é saudável e prejudica fígado e rins
Descobriu cidade subterrânea, ao fazer obras em sua casa