Coisas que todo iniciante na cozinha deve saber
Crédito: Freepik
em

14 Coisas que todo iniciante na cozinha deve saber

Sem pânico! O importante é começar; e com essas dicas vai ser muito mais fácil

Está começando na cozinha ou conhece alguém que precisa de uma mãozinha? Então aproveite esse artigo, que foi feito especialmente para você. São dicas perfeitas para iniciantes, daquelas coisas que todo mundo já errou um dia e são bem fáceis de seguir.

É melhor aprender com a experiência dos outros, acredite… Depois não adianta chorar sobre o leite derramado (sim, tem que lavar até as grelhas do fogão). Acompanhe!

Todo iniciante na cozinha precisa saber disso

Essa lista não cobre todos os incidentes (e acidentes) que podem acontecer na cozinha, pois é um verdadeiro campo minado (sem querer te assustar, claro). Mas você vai ver como evitar problemas, tratar os que já aconteceram e fazer algumas coisas básicas de forma mais fácil.

1. Siga a receita, por favor

Quem tem mais experiência na cozinha consegue adaptar bem as receitas com o que tem na despensa. Mas se você está começando agora, é melhor seguir à risca o que é indicado, prestando atenção a cada passo.

2. Deixe tudo separado

Já leu a receita umas duas ou três vezes? Ok, então separe os materiais em potinhos, já com a quantidade que vai usar para cada um.

3. Doure a cebola e alho

Quando uma receita pede para dourar a cebola e o alho, não quer dizer que tenha que fazer isso ao mesmo tempo. Primeiro de tudo, coloque a gordura (azeite, manteiga, óleo) na panela, em fogo baixo e junte a cebola. Vai demorar, paciência… Quando já estiver mais macia e mudando de cor, pode colocar o alho. Ele doura muito rápido e vai queimar se colocar tudo junto.

4. Saiba que a manteiga queima

Vai fritar um bifinho na manteiga? Coloque uma gotinha de azeite ou outro óleo vegetal. O ponto de fusão da manteiga é muito menor do que dos óleos vegetais e ela acaba queimando rapidamente. Misturar com o azeite evita que isso aconteça e se não misturar, vai dar um gosto estranho à sua receita.

5. Na hora de fritar, veja se o óleo está quente

Caso você não saiba, a fritura de imersão é aquele tipo de fritura feita em muito óleo, na qual você mergulha o alimento completamente, como a batata frita. Ao colocar a panela para aquecer (que deve ser alta), coloque um fósforo dentro. Quando ele acender, está na temperatura ideal para fritar.

Baixe o fogo e coloque o alimento com a ajuda de uma escumadeira, nunca colocando a mão dentro da panela.

6. Ovo frito sem erro

Pode não parecer, mas fazer ovo frito pode ser desafiador. Mas não se preocupe, tudo o que você precisa é de uma panela antiaderente. Dê uma pesquisada, ela é baratinha e vale a pena.

Quebre o ovo em um copo, aqueça a panela, coloque um pouquinho de óleo e despeje o ovo. Deixe para colocar o sal no final, para não espirrar tanto. Tampe e frite em fogo baixo. Assim ele ficará frito igualmente, sem aquela clara crua desagradável por cima.

7. Arroz queimado tem salvação, feijão nem tanto

Se o arroz queimou, retire a parte de cima e coloque em uma vasilha. Cubra com um pano de prato bem úmido e tampe, deixando que chegue ao ponto sozinho. O gosto de queimado vai sumir.

Se isso acontecer com o feijão, basta dizer que foi defumado e rezar para acreditarem…

8. Faça um feijão rápido e gostoso

Provavelmente você ainda não está com coragem de usar a panela de pressão, mas dá para cozinhar o feijão mais rápido, mesmo sem ela. Para isso, deixe os grãos de molho na noite anterior, com muita água. Escorra na hora de cozinhar e coloque na panela sem temperos. Deixe para temperar na hora, mantendo o frescor todos os dias.

9. Macarrão unidos venceremos

Para evitar o grude no almoço, coloque bastante água para ferver, para cobrir o macarrão e sobrar mais a metade da quantidade. Coloque um fio de óleo e adicione a massa somente quando estiver borbulhando. Deixe em fogo alto e mexa de vez em quando, para soltar os fios. Escorra quando estiver macio, porém não desmanchando.

10. Molho super ácido

O molho do mercado não é a coisa mais gostosa do universo, mas dá para salvar. Para tirar a acidez, você pode colocar uma colher de chá de açúcar (para um pacote) ou rodelas de cenoura na hora de cozinhá-lo.

11. Pegue leve no sal

Você acha que uma super pitada resolve o problema do prato? Coloque a metade. Assim, você pode ir provando e acertando o sal, se necessário.

12. Tratando cortes e queimaduras

Infelizmente eles vão acontecer, ocasionalmente. Esqueça a manteiga e receitinhas de vó; queimadura se trata com água fria. Coloque a mão sob a torneira e deixe por pelo menos 1 minuto. Em seguida, passe uma pomada própria para queimadura (tenha no seu kit).

Já se o problema é corte vale avaliar se é superficial ou se precisa de uma ajudinha do médico. Se for superficial, lave bem e pressione o local até parar de sangrar, passando uma pomada em seguida.

13. Afaste itens inflamáveis

Evite incidentes na cozinha, deixando álcool e outros produtos inflamáveis longe de lá. Compre luvas para pegar travessas quentes e até cabos de panela. Deixe sempre os cabos para dentro do fogão, evitando esbarrar e se queimar.  Amarre o cabelo e use roupas menos inflamáveis e não tão esvoaçantes, deixando a barriga e mangas da roupa longe do fogão.

14. Não desista

Pode parecer complicado, mas com o tempo você pega o jeito! Teste novas receitas e se divirta com os erros. Acredite, todo mundo já fez muita besteira na cozinha, ninguém nasce sabendo… Divirta-se e aproveite para aprender novas receitas nessa deliciosa jornada que é cozinhar:

desumidificador

Será que sua casa precisa de um desumidificador?

dicas para comprar aspirador de pó

O que considerar antes de comprar um aspirador de pó novo