em

Como escolher o colchão ideal

Dormir em um colchão torto e ruim pode atrapalhar muito o seu rendimento e alterar seu humor durante o dia

dicas para escolher colchão
Crédito: Freepik

Dormir bem é essencial para a saúde e, para isso, é necessário ter um colchão adequado. Não julgue que o seu colchão vai durar a vida toda porque não vai, mesmo que seja dos bons. Saiba que ele deve ser renovado com alguma periodicidade. Antigamente, os fabricantes indicavam que o período de vida de um colchão era de 8 a 10 anos, agora é de 5 a 7 anos. Então, saiba como escolher colchão conforme suas necessidades anatômicas e outras dicas importantes.

Veja também: como limpar colchão encardido

Tipos de colchões

tipos de colchões para escolher
Crédito: Freepik

Para o colchão desempenhar bem as suas funções, o corpo deve conseguir ficar esticado por completo e também ereto, assim como fica quando está de pé. Com o relaxamento dos músculos, essa posição é importante para ter noites mais sossegadas e de sono profundo. Quanto mais conforto e apoio um colchão proporcionar, melhor. No mercado, existem disponíveis variados tipos de colchões.

1. Molas

Esses são os colchões mais tradicionais e antigos. Geralmente são bons para quem gosta de dormir de lado, pois as molas acompanham facilmente a postura. Isso ajuda a ter menos problemas de coluna. Garantem, ainda, um bom suporte e resistência, então as pessoas mais pesadas se sentirão bem ao usar esse tipo de colchão.

Não compre colchões baratos, pois irão se estragar mais facilmente. Pesquise as marcas em sites que vendem colchões de molas e leia as especificações de cada tipo para saber qual é o ideal para você.

2. Espuma

Existe uma versão desses colchões em espuma de memória. Apareceram nos anos 90, inspirados pela tecnologia da Nasa, e permitem a sensação de que a cama está se acomodando em redor de você.

Esse tipo de colchão é bom para atenuar a dor, caso tenha problemas musculares e de postura. Fale com seu médico sobre a densidade ideal do colchão para ajudar a tratar do seu problema de coluna.

3. Látex

Garantem a mesma duração e apoio que os de espuma, mas perdem a forma menos facilmente. Contudo, não é um colchão com firmeza, então precisa ter certeza de que não vai prejudicar seu sono. Colchões menos firmes não são adequados para pessoas muito pesadas.

4. Água

São parecidos com os de mola, são híbridos e atuais. Porém, caso haja problemas de rasgos ou fugas, a sua manutenção pode ser complicada. Por outro lado, o colchão de água adapta-se muito bem ao corpo. É preciso testar e acostumar, pois é um tipo diferente dos populares e pode achar bem estranho no início.

5. Ar

Costuma-se usar mais para viagens, acampamentos ou visitas que pernoitam em sua casa. Porém, existem versões para o uso quotidiano. O ar permite uma melhor adaptação do colchão, já que dá para controlar sua densidade.

O que considerar ao escolher colchão?

Para escolher colchão ideal, precisa levar essa decisão a sério e fazer uma boa pesquisa. Não é o tipo de compra mais barata quando se procura por qualidade, então precisa ter certeza sobre o investimento que vai fazer.

Por outro lado, ao adquirir um bom colchão, feito de materiais de alta qualidade e que seja próprio para a anatomia das pessoas que irão dormir nele, vai durar por longos anos, além de aumentar a qualidade de vida com boas noites de sono. Então, veja o que precisa considerar na hora de escolher colchão:

1. Escolha o colchão ideal para o seu corpo

Existe uma tabela de densidade de colchões que mostra a densidade mais adequada de acordo com o peso e a altura da pessoa que vai dormir nele. Se for um casal, deverá ser considerado o tamanho maior, tanto em peso quanto em altura. Na hora de escolher o colchão, consulte essa tabela, que costuma ter nas lojas de colchões.

2. Considere problemas de saúde

Para quem sofre com problemas de saúde que demandem uma postura específica para dormir, como problema de coluna, refluxo ou problemas de circulação, o ideal é conversar primeiro com o médico para saber o que ele recomenda quanto ao material e a densidade do colchão. As horas de você passa deitado na cama podem ser curativas ou prejudiciais à sua saúde, dependendo do colchão em que dorme.

3. Faça testes

Na hora de ir pesquisar por colchões, vá às lojas físicas, não faça a compra pela internet sem testar o produto. Quando estiver na loja, sente no colchão, deite, vire de lado, não é incomum fazer isso, não precisa ter vergonha. Esse é o momento de saber se o colchão é confortável para você. Não vá apenas pelo que o vendedor diz, pois cada corpo tem uma necessidade.

Se você já está na fase de pesquisar pelo colchão perfeito, confira no vídeo mais dicas sobre os colchões mais vendidos do mercado:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

máscaras caseiras para cabelo

8 Receitas de máscaras caseiras para cabelo poderosas

amaciantes industriais

Amaciantes industriais: 5 vantagens e 5 desvantagens do uso