entrevista de emprego
Crédito: Freepik
em

Como se comportar em uma entrevista de emprego com 7 dicas essenciais

Para se sair bem, precisa estar preparado para todas as perguntas e saber exatamente o que está fazendo ali

Quase sempre tensa e cheia de expectativas, a entrevista de emprego depende das perguntas certas do entrevistador e das respostas assertivas do candidato para ser um sucesso. Mas o que responder quando se é questionado quanto ao seu maior defeito? E sobre seus planos para o futuro, pretensão salarial e maiores qualidades? Tudo isso importa, assim como a sua postura  diante da situação.

É muito importante que o entrevistado tenha em mente que o recrutador é treinado e sabe muito bem o que está buscando em um profissional qualificado. Então, ele com certeza vai perceber se você estiver tentando driblar certas questões ou fingindo ser alguém que não é.

Veja também: dicas de oportunidades de negócios para driblar o desemprego

Como se sair bem em uma entrevista de emprego

comportamento na entrevista de emprego
Crédito: Freepik

Nessa situação, o entrevistador quer saber realmente em que pontos estão suas fraquezas, que áreas você precisa de desenvolvimento, se é necessário um treinamento antes de assumir a posição almejada ou se já está pronto para sentar na cadeira e começar a trabalhar.

A avaliação é geral, não está apenas nas suas respostas, mas também na sua linguagem corporal, seu comportamento e seu tom de voz. Em todo caso, quanto mais natural, melhor. Veja as dicas que vão ajudar a se sair bem, basicamente, se preparando com antecedência.

1. Esteja seguro de si

O contratante quer saber se o candidato tem autoconhecimento, como escolhe se mostrar para o mundo e também irá avaliar o grau de discernimento e inteligência emocional para quando for necessário lidar com situações críticas de relacionamento com os colegas.

Nesse quesito, quem tem consciência das próprias falhas é valorizado, mas não pode se fazer de falso moralista ou aderir ao coitadismo. Basta ser sincero, tanto para falar de seus defeitos quanto de suas qualidades.

2. Prepare-se para lidar com críticas

Outra intenção do entrevistador durante uma entrevista de emprego é ver como a pessoa recebe críticas e se está preparada para no futuro receber, se for o caso, avaliações duras. O importante mesmo é falar a verdade, já que não existe uma resposta universal para se dar nesse caso.

Então, a dica é exercitar em casa. Chame alguém da sua confiança para assumir o papel do entrevistador e treine seu comportamento quando o tema for seus pontos fracos e reclamações sobre o seu trabalho.

3. Fale a verdade

Se desarme e mostre sua real personalidade. Não existe o funcionário perfeito e as empresas sabem disso. Não tem problema mostrar seu lado mais frágil, o importante é você saber que tem um, assim como todo mundo.

Falar, por exemplo, sobre sua desorganização não é mais uma questão mal vista. Para o empregador, é preferível saber tudo antes do que ter surpresas mais tarde. Até porque, por causa de uma mentira, você pode acabar em um emprego que não tem nada a ver com seu perfil e não ter prazer em realizar aquela função.

4. Tenha sua resposta na ponta da língua

Você pode não ter que responder sobre isso, mas é bom parar um tempo para pensar e avaliar seu comportamento e falhas antes de se apresentar na frente do recrutador. Avalie tudo: sua fluência em outro idioma, habilidade com computadores, dificuldade em trabalhar em grupo. O entrevistador notará que você foi preparado para esse momento e vai considerar esse um ponto positivo, pois demonstra que você é uma pessoa dedicada.

5. Peça opiniões válidas sobre você

Não é uma tarefa tão fácil ter a real noção dos próprios defeitos, então peça ajuda. Aceite opiniões de outras pessoas que trabalham e convivem com você. Fale com seus colegas, amigos pessoais e também para sua família. Essa visão de fora, desde que venha de pessoas da sua confiança, é bem importante para que você enxergue a si mesmo por uma perspectiva mais realista e que, provavelmente, é a mesma que o seu recrutador terá de você na hora da entrevista. Então, essa dica vai ajudá-lo a ter um comportamento mais verdadeiro.

6. Pesquise se a empresa e a vaga são para o seu perfil

Pesquisar sobre a empresa nas redes sociais, visitar o site e procurar saber mais sobre ela é bem importante para quando estiver na entrevista de emprego. Na hora em que o recrutador perguntar o motivo de você querer trabalhar naquela empresa, a resposta estará na ponta da língua, porque você já conhece a empresa e como ela funciona. Se nessas pesquisas você acabar percebendo que a empresa e a vaga não têm nada a ver com você, talvez seja a oportunidade de desistir da entrevista.

7. Treine o seu comportamento

Reserve um tempo do seu dia para treinar a sua entrevista. Chame um amigo para ajudar, simulando ser o entrevistador. Coloque uma câmera para filmar de um ângulo no qual você esteja em foco e depois assista tudo para observar quesitos muito importantes a serem corrigidos:

  • Sentar-se mantendo a postura física (coluna reta);
  • Olhar nos olhos do entrevistador;
  • Não ficar passando a mão do cabelo, rosto ou roupa;
  • Não ficar pegando objetos da mesa do entrevistador;
  • Falar normalmente, sem ser muito depressa e nem muito devagar;
  • Escolher as palavras certas para evitar ficar gaguejando;
  • Não interromper a fala do entrevistador;
  • Evitar tiques nervosos como tremer as pernas, batucar os dedos e fungar o nariz;
  • Evitar vícios de linguagem e excesso de gírias.

Depois de avaliar se está cometendo esses erros, repita a simulação da entrevista até que esteja de acordo com o que você precisa para se sair bem. Tenha em mente que você não vai e nem precisa ser perfeito no momento em que estiver frente a frente com o entrevistador. Mas ele com certeza vai perceber que você se preocupou em se preparar para mostrar o seu melhor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

congelar babosa

Como congelar babosa

Hoje doutor e cientista, ele vendia amendoim quando criança

Hoje doutor e cientista, ele vendia amendoim quando criança