em

Faz mal misturar energético com álcool?

Você já deve ter visto ou até bebido essa combinação. Saiba o que ela faz com seu corpo
misturar energetico com alcool
Crédito: Pixabay

Misturar energético com álcool, seja vodka, whisky ou qualquer outro destilado, é uma prática comum entre os jovens em baladas, festas e esquentas. Isso porque muitos consideram a bebida um combustível para a noitada.

Essa combinação dá aos jovens a sensação de ganho de energia e empolgação, que eles julgam necessária para curtir e aproveitar melhor a noite. Mas será que a mistura é segura? O energético é uma bebida liberada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), mas existem muitas controvérsias sobre o seu consumo.

Embora seja útil consumir algumas vezes, como quando precisa-se ficar acordado até tarde ou quando o dia é agitado e a noite de sono não foi das melhores. Porém o seu consumo excessivo traz malefícios para a saúde, como gastrite, problemas cardíacos e estrago nos dentes.

Misturar energético e álcool é perigoso?

misturar energetico com alcool bom
Crédito: Pixabay

Embora seja uma prática comum entre os jovens, ela pode ser extremamente perigosa para o coração. Os maiores problemas da mistura são as bebidas energéticas. Isso porque são consideradas um veneno por muitos profissionais da saúde. Além disso, outro problema é a falta de limite que a mistura proporciona aos jovens.

As bebidas energéticas contêm muitas substâncias para dar energia a quem toma, em especial a cafeína e a taurina. A junção dessas duas substâncias no organismo causa um aumento significativo do trabalho cardíaco, fazendo-o bater mais rápido que o normal.

Nos rótulos dos energéticos há um aviso que eles não devem ser consumidos juntos com bebidas alcoólicas. O álcool promove a excitação, e misturado ao energético ela fica ainda maior, se potencializando. E essa excitação em excesso pode provocar um problema cardíaco, que em alguns casos pode ser fatal.

Cuidados a ter

Se você realmente gosta de misturar energético com álcool, saiba que é preciso prestar atenção e ter limite com a quantidade de energético ingerido. Agora, se você tem problemas cardíacos, pressão alta ou arritmia, pode ser um problema. Nesses casos, não é indicado o consumo da bebida energética. Muito menos misturado com álcool, visto que pode piorar sua saúde.

Pessoas saudáveis devem ingerir no máximo três latas de energético, em um espaço de tempo largo. Acima disso a probabilidade de ter um problema no coração, como arritmia, é altíssima. Para se ter uma noção da gravidade, pessoas que costumam misturar energético com álcool possuem seis vezes mais chances de sofrer com problemas no coração, comparado com quem bebe álcool sem o energético. Também é preciso tomar um copo de água a cada lata lata de bebida energética.

pão de queijo de frigideira
10 Receitas de pão de queijo de frigideira para fazer em poucos minutos
utilidades da aspirina
10 Utilidades da Aspirina que você não conhecia