em

AmeiAmei HahahaHahaha FofoFofo Meu Deus!Meu Deus! EstranhoEstranho TristeTriste

Você sabe a diferença entre ibuprofeno, paracetamol, naproxeno e aspirina?

Analgésicos mais usados no mercado têm recomendações diferentes

Paracetamol, ibuprofeno, naproxeno e aspirina são analgésicos bastante comuns e os primeiros que vêm à cabeça para o tratamento de dores. Esses medicamentos têm diferenças e devem ser aplicados também para diferentes problemas.

Conheça as diferenças, indicações e contraindicações:

Paracetamol

Esse medicamento é indicado para o alívio de dores de cabeça e nos músculos. Tem ação imediata porque bloqueia a emissão da resposta da dor pelo cérebro.

O paracetamol não é indicado para quem sofre de inflamações e dores nas articulações. Também não pode ser usado em combinação com o álcool porque agride o fígado.

O álcool combinado com o paracetamol também pode estimular uma overdose no organismo.

Aspirina

Além da dor, a aspirina também é recomendada em pequenas doses para a prevenção de derrames e ataques cardíacos.

O consumo em excesso é desaconselhado porque a aspirina pode causar danos ao intestino, fígado e rins.

Ibuprofeno

É indicado para dores musculares, no ouvido, cólicas e nos dentes. Se for consumido em excesso, o ibuprofeno, assim como a aspirina, pode causar problemas nos rins, fígado e intestino.

Naproxeno

O naproxeno é usado para o tratamento da artrite, das dores de cabeça e inflamações. Sua ação analgésica é mais lenta.

O consumo em excesso de naproxeno pode causar problemas diversos ao estômago e, por isso, deve ser evitado.

Todos os analgésicos só podem ser consumidos com orientação médica. Isso vale para esses citados neste artigo, porque podem causar problemas.

Produtos naturais

Alguns produtos naturais têm efeito analgésico. Seu uso, contudo, também necessita de supervisão médica porque têm efeitos colaterais.

Conheça alguns produtos naturais com efeito analgésico:

Limão

Auxilia no combate às dores de cabeça.

1. Rale a casca e faça uma pasta;

2. Aplique na testa;

3. Deixe alguns minutos;

4. Lave com água e sabão;

5. Não se exponha ao sol sem lavar a pele e, quando o fizer, use protetor solar.

Gengibre

1. Rale o gengibre;

2. Faça um chá;

3. Tome até 3 vezes ao dia;

O gengibre é contraindicado para quem tem problemas de hipertensão.

Camomila

A camomila ajuda no tratamento de dores de cabeça e enxaqueca.

1. Faça um chá de camomila;

2. Tome até três vezes ao dia;

Cravo da índia

Também auxilia no combate à dor de cabeça.

1. Ferva cravos;

2. Faça uma inalação do vapor.

Óleo essencial de lavanda

Basta inalar o perfume para aliviar a dor. Também pode ser usado como infusão, com algumas gotas em água quente, depois, é só inalar o vapor.

Casca de laranja

1 Deixe secar a casca da laranja por até 2 dias;

2. Faça um chá com a casca;

3. Se quiser, pode adicionar alguns cravos;

4. Tome até 3 vezes ao dia.

A laranja é anti-inflamatória, melhora a digestão e é desintoxicante do fígado. A fruta também melhora a enxaqueca e ajuda a controlar o colesterol.

Magnésio

É tranquilizante e, por isso, pode ter ação analgésica. Para surtir efeito precisa ser consumido diariamente como aliado contra a enxaqueca.

Atenção:

As dicas deste artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado. E para obter os resultados mencionados também é preciso aliar a uma vida e alimentação saudável e equilibrada.

Gostou da dica? Então compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
Combata verrugas, manchas e espinhas com produtos naturais
Crie fantásticas peças de artesanato com potes de margarina