manchas no corpo são sintoma de covid
Crédito: Freepik
em

Manchas na pele de crianças pode ser covid-19?

Algumas crianças têm apresentado esse sintoma junto de sintomas gastrointestinais e testaram positivo

Durante todo esse tempo de pandemia por causa do novo coronavírus, já se sabe que a covid-19 atua de forma diferente no organismo das crianças.

Na maior parte dos casos, os pequenos contraem o vírus sem apresentar sintomas, e por isso são considerados os principais vetores para a família, que é acometida por não perceber a presença do vírus em casa.

Mas, também existem os casos de crianças que apresentam sintomas, e eles costumam ser diferentes dos mais comuns nos adultos.

De modo geral, os médicos já perceberam que os sintomas de covid-19 em crianças costumam começar no sistema gastrointestinal, apresentando vômito, diarreia, tosse e febre.

Recentemente famílias estão alertando para sintomas de manchas na pele, mas sem causar dor ou coceira. De acordo com os médicos, quando essas manchas são azuladinhas com bordas brancas, podem ocorrer porque o vírus causa uma inflamação nos vasos sanguíneos.

Caso em menina de 2 anos

Em uma entrevista para a revista Crescer, Vanessa Melo, de São Paulo, falou sobre os sintomas da filha Lorenna, de 2 anos. A mãe conta que, no dia 6 de julho, levou a filha junto ao supermercado porque não tinha com quem deixá-la. Na manhã seguinte Lorenna acordou com febre leve.

“Achei que fosse uma simples gripe por causa da mudança climática. Mas nos três primeiros dias, ela ficou super molinha e com o nariz escorrendo. Até que resolvi levá-la ao hospital. Lá, mediram a saturação e fizeram raio-x. Assim que o exame saiu, a médica informou que precisaria fazer o exame da covid. Pensei que fosse dar negativo, já que moramos em quatro pessoas e ninguém teve sintomas. Mas, para o nosso desespero, nossa pequena testou positivo”, lembra a mãe.

Naquele dia, Vanessa levou Lorenna para casa e continuou o tratamento médico enquanto aguardava pelo resultado do exame, que não sai na hora.

“Após quatro dias sem febre, ela voltou a ter picos. Voltamos para o hospital e ela foi internada. No dia seguinte, começaram a aparecer as manchas vermelhas no corpo dela. Entraram com outro tipo de antibiótico e só assim minha filha começou a apresentar melhora. Foram quatro dias de internação até que ela recebeu alta, mas, ela segue fazendo acompanhamento com um pneumologista”.

O que intrigou a família e também os médicos foi que apenas Lorenna testou positivo para covid em casa. Quanto às manchas na pele, Vanessa disse que a filha não teve coceira, mas deixaram a pequena irritada. Depois de uns cinco dias as manchas começaram a sumir, deixando a pele mais grossa nos locais afetados, que foram principalmente na região do rosto e do pescoço.

Caso em irmãos de 2 e 4 anos

Outro caso com manchas na pele aconteceu com dois filhos de Renata Oliveira, também de São Paulo, que relatou os detalhes para a revista Crescer. Porém, os casos aconteceram em março, quando ainda se falava pouco da doença no Brasil, e por isso as crianças não chegaram a fazer o teste.

“Minha caçula, Stela, 2 anos, começou com uma tosse da noite para o dia. Foi muito rápido. Na madrugada, começou a sentir também falta de ar, além de vômito, diarreia e febre. Corremos com ela para o Pronto Socorro. A saturação estava muito baixa e ela passou três dias internada. Quando retornamos para casa, meu outro filho, Bernardo, 4 anos, começou a vomitar e teve diarreia também. No dia seguinte, ele gritou para mim e disse: ‘Mãe, meu coração!’ Quando coloquei a mão no peito dele, senti o coração muito acelerado. Nesse momento, ele começou a desfalecer. Quando chegamos ao hospital e o médico tirou a roupa dele, tinha manchas vermelhas pelo corpo. As manchas apareceram de uma hora para outra! O médico desconfiou de alergia, mas as manchas eram grandes, muito vermelhas… Ele não reclamava de coceira ou dor. E foram duas semanas assim. Eles ficaram bem debilitados”, lembra a mãe.

Depois dos filhos, os pais também contraíram a doença. Inclusive, o marido de Renata precisou se afastar do trabalho. Por conta dos sintomas, hoje ela acredita que todos estavam com covid, mesmo que não tenham feito o teste.

Caso que viralizou

Crédito: Reprodução

Outro caso mais recente de criança com manchas no corpo viralizou nas redes sociais, mas não se sabe a fonte das fotos. Um bebê de apenas 10 meses aparece com manchas avermelhadas e arredondadas pelo corpo.

Mas, antes de surgirem as manchas, o bebê apresentou sintomas de vômito, diarreia e febre. O tratamento inicial foi para o diagnóstico de infecção intestinal.

Porém, quando as manchas apareceram, alguns dias depois dos primeiros sintomas, o bebê foi levado outra vez ao médico e foi tratado como alergia.

Apesar do tratamento, os sintomas não melhoraram e a criança passou a ter enjoos, falta de apetite e as manchas começaram a ficar arroxeadas.

Dessa vez, foi feito um teste de covid, que deu positivo, e o diagnóstico foi de covid complicando com doença inflamatória multissistêmica, com risco de morte.

Após internação, a criança apresentou melhora e foi curada. Porém, fica o alerta a todos que pensam que crianças não pegam covid, e quando apresentam esses tipos de sintomas são tratadas como se estiverem com outras enfermidades.

Manchas no corpo são mesmo um sintoma de covid-19?

Segundo o pediatra Nelson Douglas Ejzenbaum, em entrevista para a revista Crescer, “a covid é multifatorial. Uma pessoas pode ser assintomática ou apresentar diversos sintomas. O vírus ainda é considerado imprevisível”. Então, todo cuidado é importante, mantendo sempre a observação.

Como já foram registrados alguns casos de manchas no corpo junto de outros sintomas, e as crianças testaram positivo, pode-se considerar que esse seja um sintoma de desconfiança da doença. Ou seja, se os pais perceberem as manchas nos seus filhos, com ou sem sintomas de febre, tosse, vômito e diarreia, devem levar ao médico mesmo assim para fazer o teste e tirar a dúvida.

planta ixora cuidados

Ixora: uma planta perfeita para as regiões quentes

influencer que engravidou do ex-enteado

Influencer engravida do ex-enteado depois de 10 anos casada com o pai dele