concussão cerebral
Crédito: Freepik
em

Concussão cerebral: conheça os riscos de uma pancada na cabeça

Bater a cabeça é bem comum, mas é preciso prestar atenção nos sintomas após a pancada, pois pode ser grave

Levar uma pancada na cabeça é perigoso para qualquer pessoa em qualquer idade, especialmente quando é uma pancada forte e acarreta em concussão cerebral. Mesmo quando parece não ter sido nada grave, o maior risco está no fato de que os sintomas podem surgir depois de anos.

O que é?

A concussão cerebral é um trauma no crânio-encefálico, o chamado traumatismo craniano que pode ou não deixar a pessoa inconsciente por alguns instantes e pode também causar hemorragia cerebral. Por conta disso, há o risco de afetar a memória, os reflexos, o equilíbrio, a fala e a coordenação muscular.

Segundo informações do Dr. Drauzio Varella, no ano de 2018, quando ocorreu o congresso da American Neurological Association, foi apresentado um estudo realizado por um grupo da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, que acompanhou durante 20 anos mais de 13 mil pessoas com idade entre 45 e 65 anos e que, entre elas, 24% havia sofrido alguma pancada na cabeça que resultou em concussão cerebral leve.

Ao longo do acompanhamento dessas pessoas ocorreram 1.295 casos de demência, sendo que 400 deles tinham histórico de pancada na cabeça. Então, esse pode ser considerado um fator de risco para a demência.

O que pode causar?

Sua principal causa é uma pancada forte na cabeça. O que acontece é que o cérebro tem uma consistência gelatinosa e, por ser muito frágil, fica protegido dentro do crânio e envolto pelo líquido cefalorraquidiano.

Quando uma pessoa sofre um golpe na cabeça, no pescoço ou parte superior do corpo, o cérebro se movimenta para trás e para frente, batendo nas paredes do crânio, o que pode gerar uma lesão e afetar as suas funções.

Sintomas graves

sintomas graves de concussão cerebral
Crédito: Freepik

Quando uma pessoa sofre uma concussão, ela pode ser leve ou grave. Muitas vezes pode não apresentar sintomas visíveis, por isso é essencial ir ao hospital imediatamente para fazer exames. Esses sintomas podem ser:

Hemorragia e suas consequências

Quando a lesão da pancada na cabeça é forte, pode causar sangramento em volta do cérebro, deixando a pessoa sonolenta e confusa, perdendo a memória recente, a capacidade de manter pensamentos coerentes, sem saber o que está acontecendo em sua volta e no momento presente e com dificuldade de realizar movimentos simples. Se não for ao hospital, pode ser fatal.

Outros sintomas

Além dos sintomas que deixam claro a hemorragia, a pessoa também poderá sentir dor de cabeça prolongada, tonturas, náuseas, vômito, desequilíbrio, zumbido no ouvido, problemas de visão, sensibilidade à luz, perda da audição ou do olfato. Esses sintomas podem surgir na hora ou durante os dias seguintes, então, é necessário ir ao atendimento de emergência.

Sintomas em crianças

É muito comum cair de cabeça ou bater a cabeça na infância, então mesmo quando a criança parecer bem, é importante levar ao hospital de imediato. O estado é preocupante quando a criança apresenta esses sintomas logo depois ou durante os dias seguintes à pancada:

  • Se cansa com facilidade;
  • Fica irritada e mau humorada sem motivo aparente;
  • Perde o equilíbrio ao caminhar;
  • Chora muito, como choro de dor e irritação;
  • Perde o interesse em brincar;
  • Muda seus padrões de sono e fome.

Tratamento

Na consulta médica o paciente será avaliado por completo. Ele deverá ir acompanhado de outra pessoa, de preferência alguém que tenha visto como a pancada aconteceu, já que o paciente poderá não se lembrar e estar confuso e com dor. É comum que seja feita uma ressonância magnética ou tomografia computadorizada do cérebro para verificar se há hemorragia.

O tratamento varia conforme a necessidade de cada caso. Se for realmente grave o paciente poderá precisar ser operado imediatamente. Se estiver se recuperando dos sintomas, manterá o acompanhamento médico e deverá fazer repouso, evitar qualquer esforço físico até segunda ordem, reduzir as horas de trabalho ou estudo.

Se tiver dores de cabeça sem a presença de hemorragia ou lesões graves, o médico poderá prescrever analgésico. Não se deve utilizar qualquer medicamento, pois paracetamol, ibuprofeno e aspirina, por exemplo, podem desencadear uma hemorragia que talvez nem fosse acontecer.

Possíveis complicações

Se um caso como esse for negligenciado ou se a pessoa tiver predisposição a problemas que afetam o cérebro, poderá ter:

  • Epilepsia;
  • Deficiências motoras e cognitivas;
  • Sintomas prolongados que podem durar meses, como dores de cabeça e dificuldade de raciocínio;
  • Demência, em especial nas pessoas idosas e que pode ocorrer anos depois da pancada na cabeça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

quando pólipo colorretal pode ser câncer

Pólipo colorretal pode ser câncer? Conheça os riscos

bolo low carb

Receitas de bolo low carb para saborear mesmo na dieta