Causas de prisão de ventre
Crédito: Freepik
em

Causas de prisão de ventre – e como resolver o problema

A prisão de ventre atrapalha a vida e precisa ser resolvida. Algumas causas são simples de resolver, veja quais

Publicidade

Conviver com a prisão de ventre não é fácil. A pessoa que sofre com esse problema, apesar de sentir vontade de evacuar, não consegue, e existem diferentes motivos para isso. Como consequência, o inchaço abdominal e o desconforto são constantes. Conheça agora quais são as principais causas de prisão de ventre e o que se pode fazer para resolver o problema.

Possíveis causas de prisão de ventre

Quando o intestino não tem as condições favoráveis para a evacuação normal, pode surgir a prisão de ventre. Esse problema ocorre quando a alimentação não contêm quantidade suficiente de fibras e água, e quando o corpo é sedentário. Então, aí já estão algumas das causas de prisão de ventre que vamos detalhar melhor a seguir.

Falta de fibras na alimentação

A prisão de ventre pode ocorrer quando o bolo fecal é seco e duro, ou seja, quando a alimentação é pobre em fibras. Os alimentos ricos em fibras ajudam na formação de um bolo fecal mais fácil de ser eliminado.

Então, é importante consumir, em média, 20 a 40 gramas de fibras por dia, divididas em todas as refeições. Muito mais do que essa quantidade pode resultar no efeito contrário: diarreia. Então, mantenha o equilíbrio.

Publicidade

Aproveite e veja: 15 Alimentos ricos em fibras para melhorar a saúde

Falta de água no organismo

A água é o líquido mais importante para consumir durante o dia. Para quem tem dificuldade, pode alternar com chás e outras bebidas naturais e saudáveis. O fato é que a água é essencial para o bom funcionamento do intestino (e do corpo em geral), favorecendo a digestão das fibras e contribuindo para uma evacuação normal.

De modo geral, recomenda-se que uma pessoa adulta beba, pelo menos, 2 litros de água por dia. Mas essa quantidade varia de pessoa para pessoa. Na dúvida, é melhor conversar com seu médico para avaliar qual é a quantidade de água ideal para sua saúde e para aliviar a prisão de ventre.

Publicidade

Sedentarismo

Praticar atividade física regularmente é outro fator bem importante para evitar não só a prisão de ventre, mas diversas doenças que vão surgindo com a idade. O sedentarismo é uma das causas da prisão de ventre porque diminui o metabolismo e os movimentos intestinais. Com isso, dá menos vontade de ir ao banheiro e as fezes vão se acumulando no intestino.

Então, se você é uma pessoa sedentária, a primeira coisa a fazer é ir ao médico para saber como está sua saúde e quais exercícios são seguros para começar a praticar. Meia hora de caminhada por dia já é um bom começo.

Veja também: Exercícios simples para idosos fazerem em casa

Publicidade

Uso abusivo de laxantes

Sabia que quando você toma laxantes com frequência, eles fazem o efeito contrário? Ao invés de soltar o intestino, começam a prender. Isso acontece porque os laxantes irritam a mucosa intestinal, dificultando o movimento de eliminação das fezes. Além disso, o intestino pode “viciar” no laxante e só funcionar com a ajuda dele.

Então, não adianta querer resolver as causas da prisão de ventre com laxantes. A solução é regular a alimentação, a ingestão de água e as demais causas já mencionadas, e ir deixando o laxante de lado até não precisar mais tomar. Se você estava pensando em começar a tomar, melhor nem começar.

Ansiedade e estresse

Quem sofre com estresse e ansiedade sabe que o funcionamento do intestino fica desregulado nas crises. Em alguns o intestino solta, em outros fica preso. Acontece que quando a pessoa está muito estressada, ansiosa ou angustiada e nervosa, o fluxo de sangue para o intestino diminui, e isso prejudica o seu funcionamento.

Publicidade

Para lidar com as emoções não é tão simples quanto começar a tomar mais água. Às vezes vai ser necessário rever a rotina, o estilo de vida, e determinar o que precisa tirar do seu caminho para se sentir melhor. Quando o corpo relaxar, o intestino vai colaborar.

Não ir ao banheiro quando dá vontade

Vá ao banheiro sempre que o seu intestino pedir. Não evite esse momento, pois só vai aumentar a prisão de ventre. Se, com frequência, você espera a vontade passar, as fezes voltam para o intestino, ficam mais ressecadas, endurecidas e mais difíceis de eliminar na próxima vez.

Se você é o tipo de pessoa que só faz o número dois em casa, uma boa solução é regular a sua alimentação. Isso porque, quando você se alimenta de forma mais saudável e regrada, seu intestino se comporta de forma mais regrada também.

Publicidade

Seja mais previsível com seu organismo para ele conseguir entrar em uma rotina e facilitar sua vida. Assim, fica mais fácil ir ao banheiro logo de manhã cedo, antes de sair de casa, ou à noite, quando voltar.

As dicas desse artigo não substituem a consulta ao médico. Lembre-se que cada organismo é único e pode reagir de forma diferente ao mencionado.

Artigo com informações da nutricionista Tatiana Zanin para Tua Saúde

Publicidade

Peso ideal das crianças com base no IMC – veja como calcular

Quando montar a árvore de Natal

Quando montar a árvore de Natal, segundo a tradição católica no Brasil?