em

Meu Deus!Meu Deus!

Comer carambola faz mal?

Descubra se o consumo de carambola pode fazer mal ou não para a saúde

comer carambola faz mal
Crédito: Wikimedia Commons

Fruto de clima tropical, a carambola é conhecida por seu formato exótico e sabor azedo. Porém, o que poucos sabem é que existe um enorme debate para ver se a carambola faz mal ou não. Descubra a resposta.

Comer carambola faz mal à saúde?

Muitos sabem sobre a fama da carambola de ser uma fruta bastante comum em regiões quentes e sobre o seu sabor e formato exóticos. Porém, a discussão não agrega outras esferas importantes.

O que pouca gente sabe é que a fruta é extremamente perigosa para pessoas com problemas renais e que seu consumo excessivo também pode afetar a saúde até de quem não apresenta qualquer problema físico.

Portanto, comer carambola faz mal em determinadas ocasiões e precisa de muita cautela. Por isso, é recomendável que primeiro se consulte um médico, para se tirar as dúvidas em relação a esse problema.

Males que a carambola pode causar

comer carambola faz mal quais
Crédito: Pxhere

Agora que você já sabe que há a possibilidade de comer carambola faz mal, é importante conferir o porquê dessa situação. Desse modo, confira abaixo quais são os males que a carambola pode causar:

1. Pode gerar cálculos renais

Mesmo que a pessoa que tenha comido a carambola não possua problemas renais antes do consumo, ela pode desenvolver cálculos renais ao comer essa fruta.

Isso se deve ao fato de que a carambola possui um teor bem alto de folato, componente que propicia cálculos renais. Vale lembrar que a dor desses cálculos renais é muito grande e que eles geralmente são removidos com procedimentos médicos.

2. Náuseas

Segundo a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), as náuseas são decorrentes também do consumo das carambolas. Então, se você estiver com crises de vômitos e não souber qual é a causa, atente para ver se não foi a fruta que você ingeriu previamente.

3. Infecções urinárias

Novamente o oxalato aparece como um componente vilão que está presente na carambola. Porém, dessa vez, ele surge como um possível causador de infecções urinárias.

Nessas infecções, também existe a sensação de ardor ao urinar. Por isso, acaba sendo um problema bem danoso para quem a possui e pode gerar consequências piores, se não tratadas.

4. Convulsões

A caramboxina é uma enzima presente na carambola que é uma das principais responsáveis pelo fato de que comer carambola faz mal. Um dos seus efeitos pode ser provocar convulsões. Isso ocorre, pois essa enzima não consegue ser processada devidamente pelos rins. Desse modo, o excesso dela pode atingir o cérebro.

Em casos de convulsão, não importando o grau, a vítima deve ir para um médico urgentemente.

5. Agitação psicomotora

Sim, a agitação psicomotora é um problema psiquiátrico que necessita de intervenção profissional de modo urgente e imperativo, se ela for manifestada. O consumo da carambola pode levar a pessoa a esse estado.

Esse estado clínico é caracterizado por alguns sintomas, como: inquietação, resposta excessiva a quaisquer estímulos, irritabilidade aguda e atividade motora inadequada e exacerbada, podendo levar o indivíduo à agressividade.

6. Insuficiência renal

A caramboxila também pode provocar casos de insuficiência renal. Apenas quem conhece uma clínica de hemodiálise sabe o quão difícil é ter que ir para lá toda semana, certamente um grande sofrimento.

É importante destacar que pessoas com diabetes, problemas renais crônicos e hipertensão não podem consumir carambola. Mesmo para pessoas que não possuam essas doenças, é recomendável que se visite um médico para saber se pode consumir essa fruta ou não. Pessoas com hipoglicemia também devem evitar o consumo.

7. Crises de soluço

Um efeito inusitado do consumo excessivo de carambolas é o surgimento de crises de soluço. Pode parecer até motivo de brincadeiras, mas essas crises são realmente incômodas para quem as têm e servem como alerta ao consumo da fruta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

Modelo com vitiligo revela ter sofrido racismo

Modelo com vitiligo revela ter sofrido racismo

Bruna Marquezine faz tutorial de maquiagem para revista Vogue