em

Aprenda como baixar a febre sem usar medicamentos

Não precisa recorrer aos medicamentos sintéticos para tratar um estado febril que não apresente sintomas graves

baixar a febre
Crédito: Freepik

As crianças costumam ter febre de vez em quando, junto com outros sintomas como fraqueza, perda de apetite, boca seca e mal estar. Adultos também passam por isso e ficam em estado febril. Nesses casos, uma das soluções é usar dicas caseiras para baixar a febre.

Esse estado é uma reação do hipotálamo (que fica no cérebro) que serve, dentre outras coisas, como um termostato do corpo. Ele aumenta a temperatura quando o sistema imunológico está tentando combater algum agente invasor.

5 dicas para baixar a febre rápido e de forma segura

Os medicamentos são os chamados antitérmicos, que ajudam o organismo a restabelecer sua temperatura normal. Porém, antes de tomar ou de dar a alguém qualquer tipo de solução para baixar a febre, precisa saber que esse aumento de temperatura do corpo é um sinal de alerta.

Então, não adianta só reduzir a febre e não tratar o foco do problema. Observe os demais sintomas apresentados e, se não souber o que fazer, deve ir ao médico imediatamente. Se a febre for por causa de uma inflamação na garganta ou gripe forte, por exemplo, que são mais comuns e passageiros, veja remédios caseiros para garganta inflamada e remédios caseiros para gripe.

1. Baixar a febre com compressa fria

A compressa de gelo é uma das melhores soluções, sendo segura e sem usar medicamentos sintéticos. Basta embeber uma toalha limpa em água ou encher uma bolsa térmica com água gelada e colocar sobre o corpo da pessoa com febre.

Pode colocar na parte do tronco ou nos membros. Se a pessoa sentir alívio, pode continuar com a compressa. Se ela se sentir incomodada ou com muito frio, pare de fazer. Se perceber que a febre não reduz, então o ideal é ir ao médico.

3. Alimentação adequada

como baixar a febre sem medicar
Crédito: Freepik

O corpo gasta 12% mais energia a cada grau que sobe na sua temperatura. Então, nesse período, é muito importante fazer uma alimentação saudável, mesmo sem estar com fome. O cardápio deve ser leve para que o organismo evite gastar muita energia na digestão.

É por isso que se faz sopa de legumes para pessoas doentes, pois é um prato rico em nutrientes e fácil de digerir. Comer frutas frescas, verduras, legumes, cereais integrais e sementes também é bom.

3. Banho com água morna

Você pode pensar que o mais lógico é tomar banho de água fria para baixar a febre, e faz sentido. De fato, a água fria ajuda a reduzir a temperatura corporal, por isso que a primeira dica foi de fazer compressa fria.

Porém, a água gelada no corpo aumenta os batimentos cardíacos, que já estão elevados por causa da febre e isso vai fazer o corpo gastar bem mais energia. Então, prefira um relaxante banho de água morna ou em temperatura ambiente.

4. Beber água

Se beber água todos os dias é essencial para a manutenção da saúde, quando o corpo está febril é ainda mais importante. A água ajuda a manter o corpo hidratado e também atua no processo de regulação da temperatura corporal. Uma pessoa adulta em estado febril pode beber até 3 litros de água ao longo do dia.

5. Repouso

Uma das recomendações básicas que os médicos dão às pessoas doentes e para baixar a febre é ficar de repouso. Não quer dizer que a pessoa não possa se levantar da cama, mas deve evitar atividades que gastem muita energia, pois a febre já está fazendo gastar mais. O repouso ajuda a equilibrar os batimentos cardíacos e a temperatura corporal.

Veja por que é importante ficar atento à febre e não considerá-la uma inimiga da saúde:

armazenar gengibre

Como armazenar gengibre para durar mais tempo

casa em ordem

16 dicas práticas e fáceis para manter a casa em ordem, sempre!