em

Mesmo após ataque racista, médico salva paciente

Homem disse que escolheria a morte ao invés de ser tratado por um negro

O ataque racista foi destinado ao médico Danilo Silva, de apenas 29 anos, que atende na rede pública de hospitais do Rio de Janeiro.

Em meio a um plantão, um homem deu entrada no hospital devido a uma crise hipertensa.

Mesmo sofrendo e precisando de cuidados médicos, o paciente disse que não seria atendido por um médico negro.
O funcionário do hospital responsável pelo transporte da maca onde o doente se encontrava, que também era negro, também sofreu com ofensas vindas do paciente.

Quão terrível e cruel é essa cena? Dois homens, em seu horário de trabalho, ouvem esse tipo de absurdo.

Um médico e um auxiliar, que se dedicam todos os dias para salvar os doentes, encontram um paciente que, com uma crise de hipertensão, não consegue deixar o preconceito de lado.

Mesmo depois de ouvir tantos absurdos, o médico manteve a calma, e prosseguiu na consulta ao paciente.

Danilo foi bem claro ao dizer que o paciente não pode simplesmente escolher a cor do médico. Que foi designado pelo hospital para cuidar de todos os pacientes que lá davam entrada.

Essa foi a ficha que o médico preencheu dentro do hospital, após a consulta:

large_danilo-medico

O atendimento foi feito com toda a competência do mundo, e Danilo disse não tinha pensado em chamar a polícia. Mas outras coisas fizeram com que essa decisão mudasse.
Danilo é de origem humilde, vindo do Pará, mudou-se para o Rio no intuito de cursar a tão sonhada faculdade de medicina – quem é de origem mais humilde, sabe como é a dificuldade em fazer esse curso. Depois que a consulta terminou e o paciente foi devidamente medicado, o médico e o auxiliar do hospital, que chegou a chorar pelas ofensas do paciente, decidiram prestar queixa.

Em nenhum momento Danilo se negou a atender o paciente, prestando toda a atenção ao seu caso. Porém, a justiça deve ser feita.

O que achou da conduta do paciente?

Compartilhe essa dica!

83 Comments

Leave a Reply
  1. Aaaa se fosse eu deichava ele morrer tá brincando seu que esse médico e um micionario de Deus ele feliz o serto em atender essa criatura infeliz mais parabéns pra esse médico ele é um escolhido de Deus

  2. E esse homem da entrada passando mau de pressão no hospital publico da graças a deus de ter um médico pra atender indenpenti da cor e um ser humano que salvos a vida desse filho da puta porque tem médicos aí que não olha nem pra cara do paciente tinha que deixar á pressão dele explodir

  3. Somos todos filhos de Deus. Ao longo da minha vida, conheci muitos negros maravilhosos. É lamentável q muitos ainda tem esse tipo de preconceito, pq a sociedade humana ainda está na infância espiritual. Temos q ver o CARÁTER de cada um independente da cor da pele.Portanto temos q ter preconceito contra os q tem MAU CARÁTER.

  4. Eita,que ainda ,tem pessoas pobrede espirito.aqui no nosso brasil ne? e ainda quase morrendo,e sendo racista eita ,quando essas gente morrerem ,sera que eles acham.que nao vai feder? porque ter uma pele branca ou negra -o cheiro e o mesmo que eu,sei ne?

  5. Essas pessoas vivem e não aprendem, se Deus colocou no mundo seres humanos diferentes, não foi pra certas pessoas se acharem superiores, mais sim para conviverem em igualdade, pessoas assim não merecem nosso apreço, somente o nosso desprezo

  6. Eu só desejo uma coisa do além,amaria que Jesus fosse negro para ver a cara desses racistas miseráveis quando subir e ser mandado por quinto dos inferno,detesto racismo,não por ser negra , pois digo se vinher novamente a nascer gostaria de vim negra de novo,amo minha cor.

  7. Nossa como tem gente besta nesse mundo,nao podemos dizer q somos todos iguais por essa pessoa q fez isso não é igual esse medico,esse medico com sua cor maravilhósa é um filho de deus,pois faz seu trabalho cuidando e salvando vidas, ja essa pessoa que o descriminou não passa de um verme ser caracter

  8. Ele acabou com a doença que poderia leva-la a morte, que tenha curado também de outro mal o preconceito. Porque se depois de tudo isso, ainda existir preconceito, ela merece compaixão, porque é uma criatura sem noção de nada.

  9. E muitas vezes somos obrigado a feicha nossos zolhos pra e ouvido pra Continuar neste mundo poque todos somos iguais e ainda eveste gente que tem precoseito por cor esso e uma vergonha pó nosso brasileiros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

Menina de um ano desperta do coma milagrosamente

Churrasqueira que não precisa de carvão