em

Americana tem alergia a quase tudo, inclusive aos cheiros do dia a dia

Conheça a história de Cheyanne Perry, a menina que tem alergia a quase tudo
americana tem alergia a quase tudo
Crédito: Instagram/Cheyanne Nicole Perry

Você provavelmente tem alergia a alguma coisa, seja um alimento, cheiro, produto ou mesmo medicamento. Agora, imagine ter reações alérgicas com praticamente todas as coisas que lhe rodeiam. Seria difícil não é? Você vai conhecer hoje a história de Cheyanne Perry, a menina que tem alergia a quase tudo.

A história de Cheyanne Perry, a americana alérgica a quase tudo

A americana Cheyanne Perry descobriu essas alergias aos 13 anos. Ela foi diagnosticada com MCAS, que é mast cell activation syndrome, ou em português, “síndrome de ativação de mastócitos”. Isso quer dizer que seu sistema imunitário é muito sensível e pode reagir ao menor contato com qualquer coisa.

Cheyanne também sofre com síndrome de Ehlers-Danlos e gastroparesia, que enfraquecem os músculos e sistema digestivo, respectivamente. Sua alimentação é feita apenas pelos tubos de alimentação e ela já deixou de ingerir comida por via oral por três anos.

alergia a quase tudo garota
Crédito: Caters New Agency

Segundo ela, hoje, nos seus 21 anos, a parte mais difícil é não poder estar rodeada por seus amigos e noivo e ter de estudar pela plataforma online.

Por ela ter alergia a quase tudo, seus familiares adaptaram a casa e a vida de acordo com suas necessidades. Xampu sem cheiro, perfumes proibidos. Eles até cozinham em uma segunda cozinha, localizada na garagem, e a limpeza da casa é feita apenas com água. Essas são só algumas das mudanças que foram feitas para se adequarem.

O que é o síndrome de ativação dos mastócitos

A síndrome de ativação dos mastócitos é uma doença rara que afeta o sistema imune, levando ao surgimento de sintomas de alergia que afetam mais do que um sistema de órgãos. A pele e os sistemas gastrointestinal, cardiovascular e respiratório são os mais afetados.

A doença se manifesta quando as células responsáveis por regular situações de alergia, os mastócitos, são ativados de forma exagerada, reagindo a coisas que não iriam provocar alergia normalmente, como o cheiro de outra pessoa ou os vapores da cozinha. Dessa forma, a pessoa passa a ter alergia a quase tudo.

Uma pessoa diagnosticada com essa rara doença pode sentir sintomas como coceira e vermelhidão, náuseas, vômitos, pressão baixa, diarreia, desmaios, coriza, dificuldade respiratórias e muitos outros.

Está doença, apesar de ainda não ter cura, tem alguns tratamentos possíveis. O uso de antialérgicos e medicamentos depressores do sistema imunitário são os tratamentos mais indicados pelos médicos, porém, cada caso é um caso particular e tudo pode variar de acordo com o estado do paciente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0
Comentários
Como o comprimento dos dedos pode revelar sua sexualidade
decorar quarto de bebe
Como decorar quarto de bebê