Dicas pra vencer o desânimo na hora de limpar a casa
Crédito: Freepik
em

5 Dicas para vencer o desânimo na hora de limpar a casa

Quando a casa está organizada, a sua mente também se organiza. A faxina vale a pena, só precisa escolher a melhor forma de fazê-la

Tem dias em que a vontade de fazer qualquer coisa é zero. Se for para começar a limpar a casa, então, dá vontade de sumir. Até um certo nível, esse desânimo é normal. Só precisa ficar atenta se a falta de vontade está sendo exagerada para saber diferenciá-la de um estado depressivo. Mas, se for só falta de vontade mesmo/preguiça, veja dicas de como conseguir limpar a casa apesar do desânimo.

É desânimo ou depressão?

Não é tão simples diferenciar um desânimo comum de um estado depressivo, quando a depressão ainda é novidade e está no começo. Mas, basicamente, quando você está só desanimada ou preguiçosa, esse é um estado que dura por algum tempo até você mudar o foco e voltar a se sentir melhor. Às vezes ouve uma música, assiste algum programa, conversa com alguém e a animação volta naturalmente.

Porém, na depressão, pode ser difícil até para levantar da cama. Mais do que preguiça, você sente uma tristeza ao olhar para a casa toda bagunçada, e simplesmente não vê motivo nenhum para começar a limpar. A depressão é como se você estivesse sendo segurada por uma força maior que te impede de agir, ou que simplesmente rouba o empenho que você costumava ter para fazer as coisas, mesmo quando estava com preguiça.

Se você está se sentindo assim, deprimida, há dias, e esse estado emocional está ficando cada vez mais intenso, é bem importante agendar uma consulta com seu médico ou com um psicólogo para explicar o que está acontecendo. Não quer dizer que seja mesmo depressão, mas se for, quanto antes você começar a tratar, melhor será para a saúde e a qualidade de vida não só sua, mas de todos que vivem com você.

5 Dicas pra vencer o desânimo na hora de limpar a casa

Seja por causa de desânimo, preguiça ou falta de vontade, o fato é que a limpeza da casa precisa ser feita. Se deixar a bagunça tomar conta, você vai se sentir cada vez pior. Então, veja o que pode fazer para ajudar a dar o primeiro passo e começar a limpar a casa de uma vez por todas.

1. Sua casa é o seu templo: a limpeza vale a pena

A primeira dica é mudar a sua forma de pensar sobre a limpeza da casa. Se você tem aqueles pensamentos de “pra quê fazer isso se vai sujar de novo daqui a pouco?”, lembre-se que tudo na vida são ciclos. Se esse tipo de pensamento fizesse sentido, por que você toma banho todos os dias? Por que você troca de roupa todos os dias? É a mesma coisa.

Sua casa precisa estar limpa e arrumada para você se sentir mais feliz, em um ambiente organizado, saudável e cheiroso. Vale a pena! Torne isso um mantra: “vale a pena”.

2. Faça a limpeza por partes

Você não precisa limpar a casa inteira de uma só vez. Se você tem esse pensamento, e dá preguiça só pensar em uma faxina demorada e cansativa, mude sua forma de limpar. Por exemplo, escolha um dia da semana para cada cômodo da casa, ou grupo de cômodos, como quartos na segunda/sala e cozinha na terça/banheiro e lavanderia na quarta. Faça por partes, e a limpeza vai ficar muito mais leve e e agradável, com tempo de sobra para fazer outras coisas.

3. Estabeleça metas de tempo para cada tarefa

Depois de determinar quais cômodos você vai limpar, faça pequenos desafios para si mesma. Por exemplo: limpar cada quarto em 20 minutos. Coloque o despertador e comece, como se fosse uma gincana. Assim, você foca no que precisa fazer e, quando menos perceber, já está com tudo feito.

4. Livre-se da procrastinação

A procrastinação é quando você está com desânimo ou preguiça e fica enrolando para fazer alguma coisa, no caso a limpeza. A dica anterior, de ter metas de tempo para cada tarefa, é uma boa ajuda para se livrar da procrastinação. Mas, tem outras.

Se você se permitir desviar o foco da faxina ficando no celular ou parando o que está fazendo quando passa na frente da televisão, não vai dar certo. Tire tudo o que pode fazer você perder o foco: deixe o celular longe, desligue a tv. Se for o caso, ligue só o rádio ou uma música animada e vá para a limpeza.

5. Escolha a tarefa menos chata

Se for um dia em que o desânimo tá pesado mesmo, a você deveria limpar uma parte da casa que está muito bagunçada, não deixe-se abater. Faça uma troca: limpe outra parte da casa mais fácil e rápida, pois é melhor fazer o que não estava no planos do que não fazer nada. A sensação de alívio e dever cumprido depois de ter feito vai ser recompensadora.

reconstruir a vida depois de ficar viuva

Como reconstruir a vida depois de ficar viúva: 5 dicas importantes

casa dos cantores famosos

A casa dos cantores famosos que chamam mais atenção pela extravagância