remédio fora da cartela
Crédito: Freepik
em

Pode tomar remédio que ficou fora da cartela?

Se o remédio caiu da cartela só por um ou dois dias, e ficou em um local seco e protegido, não tem problema

Um dos cuidados mais importantes que você deve ter com os remédios é a forma como eles são armazenados. Para garantir que não percam seu efeito, é essencial que os remédios estejam protegidos na cartela, guardados em um local seco, arejado e ao abrigo da luz.

A cartela do remédio não serve apenas para que ele fique organizado na hora de pegar para tomar. Essa embalagem é feita para garantir a estabilidade, a eficácia e a segurança do produto.

O que pode acontecer se tomar remédio que ficou fora da cartela?

Assim que o remédio é tirado da cartela, existe o risco de ele perder o efeito, pois poderá sofrer alterações em contato com o ambiente externo.

Além do mais, quando o remédio está solto entre outros, pode ser confundido, pois ele deixa de ter sua identificação. Já pensou tomar o remédio errado e ter efeitos colaterais?

E se caiu da cartela por pouco tempo?

Agora, se acontecer de o remédio cair da cartela só por um curto período de tempo, e ficar em um local seco e protegido, como dentro da sua gaveta limpinha, pode tomar.

O que você deve evitar é usar aqueles porta-comprimidos. Se quiser guardar todos os remédios do dia em um saquinho para ocupar menos espaço, o ideal é recortar a cartela com uma tesoura, sem abrir a parte que protege o remédio.

Assim, você leva na bolsa ou no bolso só a quantidade que precisa tomar, mantendo o remédio protegido e identificado.

E lembre-se: mesmo estando protegido dentro da cartela, o remédio precisa ficar em um local seco (sem umidade), arejado e ao abrigo da luz do sol. Do contrário, mesmo fechado na cartela, ele pode perder o efeito.

adoçantes valem a pena mesmo

Substituir açúcar por adoçante vale a pena? Saiba a verdade

Limão-caviar por que é caro

Limão-caviar: o que é e por que ele custa tão caro