em

AmeiAmei FofoFofo

5 Principais sinais e sintomas de leucemia

Se já ouviu falar em leucemia, mas não tem certeza do que se trata, veja a seguir o que é, quais os sintomas e como tratar.
sintomas de leucemia
Crédito: Freepik

A leucemia é um tipo de câncer de sangue. Ela começa na medula óssea, afetando os principais componentes do sangue, responsáveis pela distribuição do oxigênio no corpo, pelo combate a infecções e pela coagulação do sangue. Logo, os sintomas de leucemia são sérios.

No Brasil, a estimativa de casos de leucemia é de 10.800, sendo 5.940 em homens e 4.860 em mulheres. Veja quais são os principais, a causa da doença, exame de detecção e tratamento.

Quais são os principais sintomas de leucemia?

quais os sintomas de leucemia gerais
Crédito: Freepik

Os sintomas de leucemia estão relacionados ao que acontece no sangue quando é afetado pela doença. Veja a seguir quais são os principais, que normalmente ocorrem em conjunto.

1. Falta de ar ou cansaço fácil

Se ao realizar atividades físicas, sentir muita falta de ar e cansaço excessivo, é aconselhável procurar ajuda médica. Não necessariamente esse sintoma isolado é um indicativo da presença da doença, mas é importante ter atenção redobrada caso tenha mais sintomas.

2. Anemia

Os sintomas da anemia são pele pálida, fadiga e falta de apetite, ocasionando muita perda de peso. Esses sintomas decorrem da falta de produção dos glóbulos vermelhos no sangue.

3. Infecções

A falta de glóbulos brancos, principal defesa imunológica do corpo, deixa o organismo mais sujeito a infecções. Note se é muito frequente ter muitas infecções em um curto período de tempo. Outro sinal sempre presente são febres.

4. Sangramentos

Os números baixos de plaquetas no sangue podem ocasionar sangramento das gengivas, pelo nariz e manchas roxas na pele.

Se cortes e arranhões demoram muito tempo para curar, ou sente que se machuca com muita facilidade, esses sintomas podem indicar os tipos de mudanças de células sanguíneas associadas à leucemia.

5. Sudorese noturna

Outro sintoma que pode surgir junto com alguns dos já mencionados é o suor excessivo durante a noite, bem como perceber que os gânglios linfáticos estão saltados. Esses gânglios ficam nas laterais do pescoço, na clavícula, nas axilas e na virilha.

Sintomas de leucemia infantil

principais sintomas de leucemia crianças
Crédito: Freepik

Os sintomas de leucemia nas crianças são os mesmos que surgem nos adultos, com alguns detalhes a mais que devem ser observados. Preste atenção no seu filho e observe se há presença de mais sintomas ao mesmo tempo, que são:

  • Fadiga;
  • Fraqueza;
  • Sensação de frio;
  • Dor de cabeça;
  • Tontura;
  • Palidez;
  • Falta de ar e tosse;
  • Febre;
  • Infecções recorrentes;
  • Hematomas por qualquer batidinha leve;
  • Sangramento nas gengivas;
  • Dor nos ossos e articulações;
  • Inchaço abdominal, no rosto e braços;
  • Perda de apetite e de peso;
  • Erupções na pele.

Se perceber mais desses sintomas de forma recorrente, consulte o pediatra.

O que causa a leucemia?

causas de leucemia
Crédito: Freepik

A leucemia ocorre quando os glóbulos brancos do sangue perdem a sua função de defesa e começam a se reproduzir descontroladamente, criando um acúmulo de células doentes que ocupam o lugar das células saudáveis.

Esse acúmulo prejudica a produção dos glóbulos vermelhos, dos próprios glóbulos brancos e das plaquetas, componentes essenciais do sangue.

A causa específica para o desenvolvimento da leucemia ainda é desconhecida pela medicina. Existem apenas suspeitas de determinados fatores, como o tabagismo, mas o único fator conhecido é a predisposição hereditária.

Se um parente de primeiro grau, como pais e irmãos têm ou já tiveram leucemia, a chance de desenvolver é três vezes maior. Porém, a alteração que ocorre no DNA desencadeando a doença, acontece durante a vida.

Qual o exame que detecta a leucemia?

exame leucemia
Crédito: Laboratório Toledo

Há diversos exames que podem ser feitos para diagnosticar a leucemia com certeza. Cada um deles tem um objetivo, que ajuda o médico a fazer um diagnóstico com total precisão e definir qual é a melhor opção de tratamento. São eles:

  • Exame físico: o exame é feito durante a consulta, na qual o médico vai observar e palpar o corpo na busca por alterações nos gânglios linfáticos, baço e fígado, por exemplo. Também vai avaliar a aparência do paciente por conta dos sintomas de leucemia;
  • Exames de sangue: como o sangue é o alvo dos sintomas de leucemia, é preciso fazer uma análise criteriosa. Exames de contagem de células sanguíneas apontam a quantidade de glóbulos brancos, de plaquetas e glóbulos vermelhos;
  • Biópsia: para fazer esse exame, o médico vai remover uma pequena porção da medula óssea para que seja analisada em laboratório. Essa é a única forma de saber se as células tumorais estão mesmo na medula;
  • Punção lombar: com anestesia local, o médico insere uma agulha fina no interior da coluna vertebral para remover uma amostra do líquido cefalorraquidiano que será analisado em laboratório;
  • Radiografia do tórax: importante para detectar problemas nos pulmões ou coração em decorrência da doença.

Conforme os resultados, há outra série de exames que podem ser solicitados ao feitos a partir de uma amostra já colhida.

Leucemia tem cura?

tratamento de leucemia
Crédito: Freepik

A leucemia já tem cura, mas a doença progride rapidamente. Portanto, aos primeiros sinais, busque logo ajuda médica. O tratamento vai depender do que resultar a avaliação médica, pois há muitos critérios a se considerar. Os principais são a quimioterapia e a radioterapia. Também pode ser feita uma cirurgia para o transplante de medula óssea.

Que médico consultar?

Os médicos que tratam da leucemia podem ser o oncologista, que é o especialista em câncer, ou o hematologista, que é o especialista em sangue. Então, ao perceber uma incidência de sintomas de leucemia, deverá procurar um desses especialistas. Se não tiver certeza, pode ir primeiro ao clínico geral ou, no caso das crianças, ao pediatra.

Fontes: Abrale; INCA

Redigido por Priscilla Riscarolli

Graduada em Comunicação Social, decidiu trocar as campanhas publicitárias pela produção de conteúdo para inspirar as pessoas a enriquecerem suas vidas com mais informação, bem-estar e criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários

comentários

beneficios mandioca
Benefícios da mandioca para a saúde
flatulência excessiva
Causas da flatulência excessiva e o que fazer