em

Estudo revela que poeira doméstica pode estar relacionada ao crescimento de células de gordura

Pesquisa foi feita nos Estados Unidos, e resultados revelaram uma relação entre a poeira encontrada e o crescimento das células de gordura

A obesidade pode ocorrer por muitos fatores, e está associada a outras doenças como diabetes melitus tipo 2, dislipidemia, hipertensão arterial e remodelação cardíaca.

Atualmente, estamos vivendo uma epidemia de obesidade, como consequência da interação entre fatores genéticos, comportamentais e ambientais.

Apenas recentemente, componentes tóxicos da indústria, presentes no ambiente e nos alimentos, começaram a receber atenção, fator que desencadeou algumas descobertas.

A principal delas é que o início da epidemia da obesidade coincidiu com o aumento de químicos industriais no ambiente.

De acordo com os pesquisadores, pequenas quantidades de poeira doméstica poderiam estimular o organismo a acumular mais gordura.

Isso porque essas substância são capazes de exercer efeitos semelhante ao de hormônios no nosso organismo. Inibindo ou incitando a ação de outros mecanismos nosso organismo.

Como foi feito o estudo

Para a realização do estudo, os pesquisadores coletaram amostras de poeira de ambientes domésticos comuns e as testaram em um modelo de células pré-adiposas de ratos.

Mais de 70% das amostras de poeira desencadearam transformações das células pré-adiposas em células de gordura maduras, aquelas que acumulam triglicérides, estimulando-as também a se dividirem.

Como essa descoberta interfere na nossa saúde

Não há razão para pânico e nem para sair correndo com álcool e detergente na mão.

Essas teorias ainda estão sendo testadas e a cada dia, novas descobertas são feitas, a fim de entender cada vez mais sobre o tema e desenvolver ações que impeçam, ou diminuam, os efeitos drásticos destas substâncias em nosso organismo.

Fonte: American Chemical Society

Veja alguns truques para manter sua casa sempre limpa:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Loading…

0

Comentários

13 usos para o vinagre que você nem imaginava

Entenda como dormir mal prejudica a saúde