Pet envenenado
Crédito: Freepik
em

Pet envenenado: veja como identificar e o que fazer para salvar

O animal dá sinais claros de que está sofrendo, e você precisa saber agir imediatamente

Publicidade

Os cães e gatos que ficam soltos pela casa, pelo quintal ou mesmo que andam pelas ruas próximas de casa sozinhos, correm o risco de serem envenenados. O risco não é só de envenenamento causado por alguma pessoa maldosa, mas também se eles comerem certos tipos de plantas, produtos químicos, alimentos proibidos e medicamentos.

Veja também: Plantas pet friendly para ter em casa com cães e gatos

Sintomas de envenenamento

Quando um cão ou gato sofre um envenenamento, seja por veneno mesmo, por plantas, alimentos, remédios ou produtos químicos, o animal pode apresentar os seguintes sintomas:

Publicidade
  • Salivação excessiva;
  • Vômito;
  • Diarreia;
  • Dificuldade para respirar;
  • Dor abdominal;
  • Falta de apetite;
  • Perda da consciência;
  • Alterações motoras (tontura, tremores);
  • Convulsão.

Como aplicar os primeiros socorros

Em um caso de envenenamento, não quer dizer que vão aparecer todos esses sintomas ao mesmo tempo ou logo no início.

Vai depender da quantidade do agente tóxico que foi ingerido. Mas, em todo caso, é preciso agir imediatamente para tentar eliminar o veneno do organismo do animal e salvar sua vida.

O que você pode fazer, ainda em casa, é sempre ter um pouco de carvão ativado para dar ao animal nesse momento. Esse carvão é comprado nas farmácias e pet shops em forma de comprimido ou sachê.

Publicidade

O carvão ativado vai entrar no organismo do animal, se ligar às moléculas da toxina e absorvê-las, impedindo que elas sejam absorvidas pelo organismo. Vai funcionar quando o veneno ainda estiver no estômago do animal, por isso é importante fazê-lo ingerir o quanto antes.

Em seguida, o animal deve ser levado ao hospital veterinário mais próximo, pois o carvão ativado pode não resolver por completo.

Não ofereça leite nem tente induzir o vômito, pois se o animal comeu algo corrosivo, por exemplo, vai piorar a situação. Apenas ofereça o carvão e leve-o imediatamente ao veterinário.

Publicidade

Dicas para prevenir o envenenamento de cães e gatos

Vários cuidados podem ser tomados na sua casa e no quintal para prevenir o envenenamento dos seus cães e gatos, como por exemplo:

  • Manter remédios e produtos químicos em local protegido, fechado e longe do alcance dos animais;
  • Não ter plantas tóxicas em casa, como jiboia, costela-de-adão, comigo-ninguém-pode, azaleia, espada-de-são-jorge, filodendro e copo-de-leite;
  • Nunca medicar seu animal sem orientação médica;
  • Não oferecer alimentos proibidos para cães e gatos;
  • Evitar deixar que seu pet ande sozinho pela rua para evitar o risco de alguém envenená-lo.

O que fazer se suspeitar de alguém ou que foi algo criminoso?

Se você desconfia que seu cão ou gato foi envenenado por uma pessoa, de forma intencional, você deve ir à delegacia de polícia fazer um boletim de ocorrência ou ir à Promotoria de Justiça do Meio Ambiente.

O envenenamento é caracterizado como maus-tratos, e esse tipo de denúncia é legitimado pelo Art. 32, da Lei Federal nº. 9.605, de 12.02.1998 (Lei de Crimes Ambientais) e pela Constituição Federal Brasileira, de 05 de outubro de 1988.

Publicidade

Ao fazer a denúncia, não precisa ter medo do acusado, pois o processo judicial que for aberto será em nome do estado, não do seu, conforme diz o Decreto 24645/1934, em seu artigo 1º – “Todos os animais existentes no país são tutelados do estado”.

receitas com pao amanhecido

9 Receitas fáceis e rápidas para aproveitar o pão amanhecido

Como deixar de ter vergonha do corpo na hora do sexo

Como deixar de ter vergonha do corpo na hora do sexo