em

Patchwork para iniciantes: dicas e como começar a fazer

Conheça todos os materiais que precisa para fazer patchwork e veja dicas importantes para fazer peças de qualidade
patchwork para iniciantes
Crédito: Pixabay

Fazer artesanato é um hábito que existe desde que os humanos estão na terra. Afinal de contas, todas as ferramentas e utensílios que se pode imaginar foram primeiramente criados de forma artesanal, pois não havia maquinário para nada. Atualmente ainda existe muito artesanato e um dos tipos mais queridos é patchwork. Se você gosta dessa arte manual e quer aprender, veja a seguir tudo o que precisa saber sobre patchwork para iniciantes.

O que é patchwork e como surgiu

o que é patchwork como surgiu
Crédito: Pixabay

Patchwork significa “trabalho com retalho”. Essa técnica existe há milhares de anos, sendo uma das mais antigas já registradas, e foi se desenvolvendo até chegar ao que é hoje, uma arte manual decorativa.

Antigamente o patchwork era feito especialmente em roupas, cobertas e toalhas pelas mulheres das famílias que não tinham condições de comprar tudo novo quando precisavam.

Então, basicamente essa técnica trata-se de reunir pedaços de retalhos para formar uma nova peça. Você pode escolher retalhos aleatórios ou escolher tecidos específicos para combinar cores, texturas e estampas.

Como hoje essa arte não é mais feita apenas por necessidade, há diversos tecidos especiais, bem como todo o material para que se façam peças decorativas de alta qualidade e com muita criatividade. Veja quais são no próximo tópico.

Materiais necessários no patchwork para iniciantes

materiais para fazer patchwork
Crédito: Pixnio

Hoje em dia o patchwork é uma arte manual composta por diferentes técnicas para se obter os resultados desejados e confeccionar com mais facilidade. Por isso, precisa conhecer todo o material necessário no patchwork para iniciantes.

1. Máquina de costura

Em primeiro lugar, você precisa investir em uma máquina de costura. Existem diversos tipos de máquinas, desde aquelas com pedal, igual a sua avó usava, até as mais modernas. Ambas dão conta do recado. Para começar, você pode pegar uma máquina simples, mais barata e que faça o básico.

2. Agulhas de máquinas

Para sua máquina de costura ter utilidade, ela precisa das agulhas certas. Existem vários números de agulha e elas também têm vida útil, então lembre-se que, se depois de um tempo sentir que seu trabalho não está rendendo, pode ser a hora de trocar a agulha por uma nova.

  • Agulha número 9: indicada para trabalhos com tecidos delicados, como seda, tule, voil e cambraia;
  • Agulha número 11: indicada para trabalhar com tecidos leves, tais como algodão, tafetá, seda e cetim;
  • Agulha número 14: recomendada para peças mais elaboradas, tais como algodão, linho, lã fina, gabardine, veludo e flanela. Só não é boa para trabalhos muito grossos, como a confecção de bolsas;
  • Agulha número 16: recomendada para trabalhos um pouco mais pesados, com tecidos elaborados, tais como lã, sarja, brim, lona e veludo.
  • Agulha número 18: essa é a agulha para os trabalhos mais pesados de todos, como estofados de cadeiras, sofás e lonas grossas;

3. Tesouras

Quando trabalha com costura, sabe da importância de uma boa tesoura, com fio novo. No patchwork, você vai usar a tesoura para fazer os cortes dos tecidos em curvas, fazer os moldes e os acabamentos.

Deve usar tesouras maiores para cortar tecidos. As tesouras com ponta fina são usadas para quando necessitar de precisão nos acabamentos e para limpar sobras de linha no fim da costura.

Tem ainda as tesouras de picote, que são recomendadas para fazer acabamentos em peças com curvas e impedir que o tecido fique desfiando. Elas também fazem a peça ficar mais decorativa.

Porém, não precisa de tantas considerando o patchwork para iniciantes. É interessante que tenha uma grande para cortar tecidos, outra para papel, mais uma para feltro e outra para mantas. Assim irá preservar o fio delas por mais tempo.

4. Placa de corte

Você vai precisar de placas de corte, também chamadas de placas de medida, que são bases resistentes para cortar tecidos e moldes. Elas possuem medidas demarcadas na superfície, em um lado em centímetros e do outro em polegadas.

Essas placas possuem cortadores com lâminas e eles devem ser trocados de tempos em tempos para serem ágeis e úteis no seu trabalho, sem rasgar os tecidos. Para começar, escolha uma com tamanho de pelo menos 45x60cm, que não é das mais baratas, mas vai durar mais tempo.

5. Régua de medida

A régua para patchwork é feita de acrílico e marca medidas em centímetros, polegadas e graus. Elas facilitam os cortes dos tecidos e existem vários modelos e formatos.

Conforme for pegando prática a partir do patchwork para iniciantes, vai sentir necessidade e aí poderá comprar com mais assertividade aquelas que forem realmente úteis para você. Para começar, pode escolher uma régua de 15x30cm que já está bom.

6. Cortador circular

Essa é outra ferramenta essencial no patchwork. Ela tem uma lâmina bem afiada para fazer corte circular em várias camadas de tecido ao mesmo tempo. É uma ferramenta que agiliza o trabalho e permite maior precisão no corte em curva.

Os tipos de cortadores mais utilizados são os de 45mm, pois cortam vários tipos de tecidos e possuem hastes de segurança.

7. Ferro de passar

Ter um bom ferro de passar é essencial para fazer patchwork. Ele é útil principalmente na hora de tombar e abrir costuras, colocar manta com resina, fazer técnica de acoplagem e patchapliques. Pode tranquilamente usar o mesmo ferro que usa para passar roupas de casa, mas para não danificar as peças, use sempre um pedaço de tecido de algodão entre o ferro e a peça.

8. Tábua de passar

A superfície onde irá passar a peça de patchwork é importante, pois precisa ser firme. Para não ter que usar as tábuas grandes, pode comprar mini tábuas, que são portáteis e mais práticas de usar sempre que necessário.

9. Desmanchador de pontos

É um facilitador do seu trabalho na hora de abrir casas e desfazer costuras. Invista em um modelo, pois vai sentir falta logo no início do seu trabalho com patch.

10. Giz de alfaiate ou caneta invisível

Essas ferramentas você vai usar para fazer as marcações nos tecidos, seja para moldes, localizar botões ou áreas onde precisa costurar. Precisam ser esses modelos, de alfaiate ou caneta invisível, para que saiam com facilidade.

11. Linhas

Para juntar um retalho no outro, você precisa de linhas. Elas dão um acabamento mais bonito e podem inclusive aparecer, sendo um detalhe decorativo. Boas linhas são as 100% poliéster e 100% algodão, que são resistentes e têm um brilho bonito. Pode escolher as cores que achar que combinam melhor com os trabalhos que gosta de fazer. Precisa ir fazendo e testando.

Tipos de tecido

melhores tecidos para patchwork
Crédito: Pxhere

Basicamente, há dois tipos principais de tecido que vai usar no patchwork para iniciantes. Depois, conforme o tempo e a prática, vai inserir outros tipos que quiser.

1. Tecido de algodão

Os tecidos feitos 100% de algodão vão deixar o seu trabalho com boa qualidade. Existem diversos modelos de cores e estampas para você fazer as peças que quiser. As medidas mudam entre nacionais e importados. Enquanto os importados costumam ter 1,10m de largura, os nacionais têm entre 1,40 e 1,50m. Prefira sempre os de melhor qualidade. Terá peças melhores e, se for vender, poderá agregar maior valor ao produto.

2. Manta acrílica

Essa manta é um enchimento usado para preencher colchas, bolsas, jogos americanos, painéis, caminhos e muito mais. O tipo mais usado é a manta acrílica de poliéster, com grande variedade. Existem também as mantas de algodão, mas precisa cuidar, pois elas podem encolher ao lavar.

Dicas para iniciantes

dicas de patchwork para iniciantes
Crédito: Pxhere

Agora que já conhece os materiais que vai usar no patchwork para iniciantes, veja mais algumas dicas interessantes:

  • Quando comprar um tecido, precisa lavá-lo antes de usar. Coloque-o em um balde ainda dobrado do jeito que veio da loja. Deixe coberto somente com água por 1 hora;
  • Na hora de deixar o tecido de molho, não misture com outros tipos para não correr o risco de manchar. Aliás, se perceber que um tecido soltou tinta, não é de boa qualidade;
  • Depois torça o tecido à mão ou na máquina e estenda sem pregadores apertados e na sombra;
  • Quando estiver seco, passe o tecido e dobre pela largura. Use um pano de algodão por cima, evitando o contato direto com o ferro;
  • Quando for procurar peças para aprender a fazer, os cortes para iniciantes são Nine Patch, Bloco Windmill (moinho de vento), Pinwheel (cata-vento) e Log Cabin.

Como fazer

Com todas as informações básicas que necessita para fazer patchwork para iniciantes, chegou a hora de colocar a mão na massa, ou melhor, nos tecidos. Confira no vídeo abaixo uma dica muito importante que é considerada o passo número um antes mesmo de começar a fazer uma peça:

Nesse outro vídeo abaixo, veja como fazer o corte de tecido usando a placa de corte corretamente:

Inspire-se com essas 20 ideias de decoração com patchwork.

Redigido por Priscilla Riscarolli

Graduada em Comunicação Social, decidiu trocar as campanhas publicitárias pela produção de conteúdo para inspirar as pessoas a enriquecerem suas vidas com mais informação, bem-estar e criatividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Loading…

0
Comentários

comentários

decoração com patchwork
20 Ideias de decoração com patchwork
bordar chinelo
Como bordar chinelo por hobby ou para vender