como cuidar de palmeira
Crédito: Freepik
em

Como cuidar de palmeiras para ambientes internos

As palmeiras são plantas tropicais que complementam a decoração com sua exuberância e leveza

São muitas as espécies de palmeiras que se pode cultivar. Essas plantas são muito usadas no paisagismo externo, mas dessa vez você vai conhecer alguns tipos de palmeiras para cultivar dentro de casa.

Cuidados gerais com as palmeiras

De modo geral, o que é importante saber para ter palmeiras em casa é que elas precisam de um espaço com boa entrada de luz natural. Também, é importante escolher uma palmeira ainda jovem para ajudar na sua adaptação ao ambiente interno.

Algumas, de grande porte, podem ficar dentro de casa enquanto ainda não jovens, mas se você não tem um pé-direito duplo ou espaço bem alto, elas podem necessitar um espaço externo para atingir sua altura máxima.

É comum que as palmeiras fiquem com as pontas das folhas queimadas. Para evitar isso, borrife suas folhas com água, de forma moderada, mantendo-as hidratadas.

Veja seis tipos de palmeiras que vão deixar a decoração da sua casa muito mais interessante e com uma clima tropical muito agradável.

Palmeira licuala

Crédito: Urban Jungle

O nome científico dessa palmeira é Licuala grandis, e o que mais chama a atenção nela é a sua folhagem em formato de leque, com folhas grandes e plissadas. Ela é de porte baixo, gosta de meia sombra, mas não suporta muito frio e ambientes com ar-condicionado. Embora tenha porte baixo, é importante escolher um lugar espaçoso para ela, pois suas folhas podem se abrir até 1,5 metro de diâmetro.

Palmeira bambu

Crédito: Trees

O nome científico dessa planta é Chamaedorea seifrizii, e sua aparência é bem diferente da anterior. As folhas têm formato de penas, mais finas e separadas umas das outras. Ela é uma planta mais esguia, que traz elegância aos ambientes. Ela precisa de um espaço com teto alto para que possa atingir mais de 2 metros de altura.

Palmeira rafis

Crédito: Planta Sonya

Essa é a Rhapis excelsa, uma palmeira bastante popular para ambientes internos. Ela tem folhas mais finas e separadas, mas que, juntas, formam um leque. Para evitar que as pontas das folhas fiquem queimadas, ela gosta de receber água borrifada nas folhas.

Palmeira petrópolis

Crédito: Vivo Plantas

A Lytocaryum weddllianum é uma palmeira brasileira com folhas bem finas e delicadas, muito bonitas. Ela atinge cerca de 1,5 metro de altura, então é ideal para ambientes menores, ocupando os cantos bem iluminados e trazendo vivacidade à decoração.

Palmeira pinanga

Crédito: Ebay

A Pinanga kuhlii é a palmeira que preenche grandes espaços, como jardins internos e áreas com pé-direito duplo, pois ela é mais alta e volumosa, atingindo de três a cinco metros de altura. Ela tem folhas separadas, porém mais grossinhas, e as folhas novas ficam com uma coloração mais acobreada.

Areca bambu

Crédito: Planfor

O nome científico dela é Dypsis lutescens, e essa também é uma das mais populares palmeiras para cultivo em casa. O ideal é que ela seja cultivada bem livre no jardim, pois pote atingir até seis metros de altura. Mas, se tiver uma casa ou apartamento com teto bem alto, ela vai ficar maravilhosa.

cultivar orquídea olho-de-boneca

Como plantar e como cuidar da orquídea olho-de-boneca

como plantar rosa de buquê

Como plantar um rosa que veio num buquê?